Direitos e deveres de refugiados são tema de podcast

Não devolução ao país de origem, não penalização pela entrada no Brasil e documentação de identidade e trabalho são direitos básicos quando um migrante chega.

Migração Humanista

Quando um migrante chega ao Brasil e solicita refúgio (tema da segunda temporada do Migração Humanista), tem três direitos básicos garantidos: não devolução ao país de origem; não penalização pela entrada enquanto o processo de legalização estiver em curso; e documentação de identidade e trabalho. Detalhes sobre esses direitos e deveres de refugiados e pessoas em situação de refúgio estão no segundo episódio desta temporada, com apresentação de Jadde Molossi e Juliana Maciel e participação de Adriano Pistorelo, advogado do CAM (Centro de Atendimento ao Migrante) de Caxias do Sul (RS). Ouça!



O podcast

As primeiras duas temporadas do Migração Humanista fazem parte da Ação de Extensão “41863 – Jornalismo, direitos humanos e informação sobre refúgio e imigração”, que, além do professor Felipe Moura de Oliveira, da Fabico, tem na coordenação a professora Roberta Camineiro Baggio, da Faculdade de Direito da UFRGS e representante do Gaire.

Também participaram da execução do projeto os estudantes Marina Paraboni, Gabriel Narciso Pareja, Moara Curubeto Lona de Miranda, todos do curso de Direito da UFRGS; a jornalista Anelise Schütz Dias, voluntária do Gaire e pesquisadora de doutorado no PPGCOM da Fabico com tese que discute jornalismo e direitos humanos; e alunos de Jornalismo que se inscreveram para a ação.


Episódios anteriores 

2ª TEMPORADA


1ª TEMPORADA




FOTO DE CAPA: arte sobre imagem de kalhh/pixabay

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *