Doutorado - A Frente Guasu e o modelo de dominação paraguaio : entre adaptação à estrutura governamental e alternativa ao modelo tradicional

Autor: Bourscheid, Junior Ivan
Orientador: González, Rodrigo Stumpf
PPG: Ciência Política
Link: http://hdl.handle.net/10183/205556

A presente tese de doutoramento analisou o sistema político do Paraguai, uma democracia com dificuldades para manter-se estavelmente e passando por transformações nos últimos anos. O objetivo da investigação foi avaliar as possibilidades existentes para a incidência de efetivas alterações no modelo de dominação paraguaio, a partir da atuação dos grupos contestatórios ao modelo comandado e pautado pelos partidos tradicionais. A pesquisa considerou a relação dos atores políticos com três esferas centrais: a estrutura econômico-social; a cultura política; e a estrutura governamental do modelo de dominação. A junção das esferas com a atuação dos grupos políticos que buscam comandar o modelo de dominação originou o modelo teórico-conceitual do estudo: o círculo vicioso da precarização democrática. Para alcançar os objetivos propostos realizou-se um estudo de caso hipotético-dedutivo cujo objeto foi a Frente Guasu (FG), posicionando a sua atuação de acordo com as esferas centrais. Para compreender o posicionamento da FG e suas lideranças sobre as três esferas recorreu-se a duas fontes: documentos partidários e entrevistas em profundidade com as principais lideranças da FG, ambas passando por análises temático-categoriais de conteúdo e discurso. As análises apontaram para a existência de adaptações conjunturais na estrutura do modelo de dominação paraguaio, mantendo-se a tradição conservadora aberta à possibilidade do uso de soluções autoritárias e não democráticas para resolver demandas imediatas, fomentando a desconfiança institucional da cultura política, junto com um modelo de dominação personalista. A ascensão e permanência da FG e suas lideranças na política paraguaia é um processo de modernização caudilha sem uma efetiva possibilidade de transformação do modelo de dominação.