Clubes negros como espaço de cidadania é o tema do novo episódio do podcast Hora do trampo

O terceiro episódio do podcast Hora do trampo traz um bate-papo com a professora Dra Fernanda Oliveira da Silva, do Curso de História e do PPG em História da UFRGS. Ela fala sobre as pesquisas envolvendo os clubes negros, espaços de lazer e sociabilidade que surgiram, em sua maioria, no período posterior à abolição da escravidão. As associações foram criadas porque a população negra era impedida de frequentar os clubes das pessoas consideradas brancas. O estudo dos clubes negros, importante campo de pesquisa hoje entre historiadores sociais, ajuda a entender como o racismo operou no Brasil.

O episódio se intitula “Clubes negros como espaço de cidadania: uma história popular do Brasil”, em referência a história de sujeitos sociais até então invisibilizados. Fernanda é autora da tese As lutas políticas nos clubes negros: culturas negras, cidadania e racialização na fronteira Brasil-Uruguai no pós-abolição (1870-1960), defendida no PPG em História da UFRGS em 2017, e é integrante do GT Emancipações e Pós-Abolição da Associação

Nacional de História (ANPUH) e do Grupo de Estudos Atinuké - Sobre o Pensamento de Mulheres Negras.

O podcast Hora do Trampo é produzido pela profa Dra Clarice Gontarski Speranza e por Willian Cândido Mengue, graduando em História/UFRGS e bolsista do projeto. O projeto de identidade visual é de Milena Santos Gomes, graduanda em Publicidade e Propaganda/UFRGS. Hora do trampo tem cerca de 30 minutos de duração e está disponível no canal youtube do IFCH/UFRGS e também na plataforma Spotify. Recentemente, o projeto ganhou um perfil no Instagram @horadotrampo.

Hora do trampo integra o projeto “História do Trabalho na Escola”, com coordenação da profa Dra Clarice, do departamento e do PPG em História da UFRGS e líder do Grupo de Pesquisa CNPq Trabalho, Resistência e Cultura (Trescult). O projeto tem como objetivo produzir atividades educativas em formato digital para a rede escolar de Educação Básica do Rio Grande do Sul contemplando pesquisas no campo da história do trabalho. O projeto “História do Trabalho na Escola” e foi um dos contemplados no Edital do Programa Ciência na Sociedade Ciência na Escola da Pró-Reitoria de Pesquisa da UFRGS em 2021.