NEDIPP CONVIDA - 28/04: Operacionalizando modelos de análise de políticas públicas

No dia 28 de abril, quinta-feira, às 17h, ocorre o evento "Operacionalizando modelos de análise de políticas públicas", com o professor e pesquisador Felipe Brasil (EACH-USP Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo), sob a mediação da professora Lígia Mori Madeira (UFRGS). A atividade integra o ciclo NEDIPP CONVIDA e é realizada em conjunto do  Núcleo de Pesquisa em Desenvolvimento, Direitos, Instituições e Políticas Públicas (NEDIPP) e do Núcleo de Pesquisa e Documentação da Política (NUPERGS). Acompanhe a transmissão em youtube.com/nupergs.

Buscando debater questões de operacionalização da PET, o encontro pretende abordar como fazer investigações mobilizando os principais conceitos desse framework de análise, buscando entender como ocorrem mudanças políticas em larga escala, sejam eleitorais, ou baseadas nas dinâmicas do subsistemas, as condições que levam à criação de monopólios e imagens políticas, as conexões entre instituições e ideias. 

Modelos de análise de políticas públicas são ferramentas teóricas interessantes para compreender longas conjunturas. Alguns modelos concentram-se na explicação da mudança, enquanto a Teoria do Equilíbrio Pontuado (Baumgartner e Jones, 2009) volta-se a explicar grandes períodos de estabilidade interrompidos por rupturas pontuais, promovidas pela interação entre a macropolítica (dominada pelos governantes e mais propícia à mudança pela busca da inserção de novos interesses no processo de policy making) e o subsistema de especialistas (cuja imagem da política tende a garantir estabilidade e mudanças incrementais). Essa teoria ajuda a explicar, portanto, as forças da estabilidade, tanto quanto as causas da mudança.