Podcast conta história de professora que salvou os documentos sobre trabalho mineiro

“O engenho da professora e os documentos da mineração: a história dos trabalhadores do carvão no RS” é o quinto episódio do podcast Hora do Trampo, projeto desenvolvido junto ao Departamento de História da UFRGS. Às vésperas do 1º de maio, Dia do Trabalhador, o podcast apresenta uma edição especial, com três entrevistas, e disseca a incrível história de como os documentos que contam a história dos mineiros de carvão no Rio Grande do Sul foram salvos da destruição pela mobilização da comunidade, em especial pela ação de uma professora da cidade de Butiá. O episódio especial é uma homenagem à história dos trabalhadores e também à iniciativa dos professores e professoras da rede básica de ensino do Rio Grande.


Os convidados do podcast são Tassiane Melo de Freitas, doutora em História pela UFSM, e Marcio Igor Lopes, diretor da Escola Alcides Conter, em Butiá. A diretora do Museu Estadual do Carvão, Jordana Bortolotti, também tem participação especial. Tassiane e Marcio Igor relembram sua experiência no trabalho de conservação da documentação realizado junto ao engenho da
professora Gertrudes Novak Hoff, em Butiá. Conhecida como “dona Truda”, a professora Gertrudes empreendeu um grande esforço de preservação de documentos sobre a história do trabalho nas minas de carvão, acervo que hoje está no Museu Estadual do Carvão.


A pesquisa e a apresentação do episódio foi realizada por Lisandra Roman e André Marchi Becker, graduandos em História da UFRGS, com produção e edição do também graduando em História da UFRGS William Cândido Mengue. A identidade visual do podcast é de Milena Santos Gomes, graduanda em Publicidade e Propaganda da UFRGS. A coordenação geral é da professora Clarice Speranza, do Departamento de História da UFRGS. Hora do trampo está disponível no canal youtube do IFCH/UFRGS e também na plataforma Spotify.


O podcast integra o projeto “História do Trabalho na Escola”, que tem como objetivo produzir atividades educativas em formato digital para a rede escolar de Educação Básica do Rio Grande do Sul contemplando pesquisas no campo da história do trabalho. O projeto “História do Trabalho na Escola” e foi um dos contemplados no Edital do Programa Ciência na Sociedade Ciência na Escola da Pró-Reitoria de Pesquisa da UFRGS em 2021