Espetáculo “Tempo de Solidão – Missa do Orfanato”, produzido em 2016 pelo IA/UFRGS, pode ser visto na íntegra pelo YouTube.



O espetáculo cênico-musical Tempo de Solidão – Missa do Orfanato, apresentado em junho de 2016 no Theatro São Pedro e produzido pelo Instituto de Artes da UFRGS, está disponível na íntegra no YouTube, pelo link https://www.youtube.com/watch?fbclid=IwAR0VcISiGsmNnoD_-JqMMabpHuPRllaG6L5lyctXtjltvE3d4S5B7Cuth7U&v=I7_h9cqtkWE&feature=youtu.be.

A bela música de Mozart forneceu os impulsos para a criação cênico-dramatúrgica do espetáculo, que contou com equipe composta por professores e alunos do Instituto de Artes da UFRGS, além de convidados externos. Participara da criação e da realização do espetáculo mais de oitenta artistas, entre músicos, atores e cantores. A direção geral de Tempo de Solidão – Missa do Orfanato foi da então diretora do Instituto de Artes, professora Lucia Carpena. A direção cênica foi da professora Camila Bauer, a direção vocal, da professora Luciana Kiefer e a direção musical foi de responsabilidade do maestro Diego Schuck Biasibetti.

A montagem de Tempo de Solidão – Missa do Orfanato pelo Instituto de Artes da UFRGS desafiou cânones da musicologia. Como é próprio de um gênero (a Missa) que não foi pensado originalmente para a encenação, não há personagens ou fábulas definidas no texto da obra de Mozart, apenas cantos religiosos que deixaram espaço para a livre criação cênica e dramatúrgica. Inspirados pelo conceito de orfanato, os diretores do espetáculo optaram pelo tema da solidão, abordado a partir de um olhar contemporâneo. Mais do que uma reflexão sobre a solidão, Tempo de Solidão – Missa do Orfanato é uma prece artística que anseia pelo fim do isolamento dos indivíduos do século XXI e pela restauração da comunicação verdadeira entre as pessoas.

Aceitando o desafio de “encenar uma missa com alunos em uma faculdade de arte”, os diretores de Tempo de Solidão – Missa do Orfanato optaram pela criação coletiva do espetáculo. Os alunos do Instituto de Artes da UFRGS acrescentaram ao projeto suas experiências, sentimentos e análises sobre o tema da solidão, apropriados pelo grupo para a criação das cenas do espetáculo. Assim, Tempo de Solidão – Missa do Orfanato foi construído a partir das inquietações e vontades de todos os envolvidos em sua realização.

Tempo de Solidão – Missa do Orfanato foi produzido e apresentado na quinta edição do projeto Ópera na UFRGS, do Instituto de Artes da UFRGS.


Comments are closed.