Prefeito debate alternativas para revitalização de trecho do Arroio Dilúvio

O prefeito Sebastião Melo recebeu, na tarde desta sexta-feira, 4, profissionais do Instituto de Pesquisas Hidráulicas (IPH) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Eles apresentaram o projeto para revitalização de um trecho de dois quilômetros do Arroio Dilúvio e seu entorno.

“Temos desafios enormes nesta área e o IPH tem um estudo muito relevante e de qualidade para nos ajudar a enfrentar esse problema”, afirma Melo. O prefeito determinou que as secretarias de Planejamento e Assuntos Estratégicos; Meio Ambiente, Sustentabilidade e Urbanismo; Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) e Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) se reúnam para avaliar a melhor forma de dar andamento à proposta, levantem valores e possibilidades de financiamentos.

Uma das iniciativas propostas pela universidade é a despoluição das águas e a reurbanização do arroio e seu entorno. O objetivo é fazer algo semelhante ao realizado com o Cheonggyecheon, em Seul (Coreia do Sul), e com o San Antonio River, na cidade de San Antonio (Estados Unidos). “O projeto não tem a pretensão de resolver o problema do arroio, mas mostrar que algo pode ser feito”, salienta o presidente do IPH, Joel Goldenfum.

Também participaram o vice-prefeito Ricardo Gomes, os secretários municipais de Planejamento e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer; Meio Ambiente, Sustentabilidade e Urbanismo, Germano Bremm; Serviços Urbanos, Marcos Felipi; da Fazenda, Rodrigo Fantinel; Benamy Turkienicz, professor de Arquitetura da UFRGS, entre outros.

Fonte: https://prefeitura.poa.br/gp/noticias