Estágios curriculares e treinamentos em Patologia Clínica Veterinária

Durante o curso de Medicina Veterinária, os estudantes da UFRGS podem realizar treinamentos conforme a carga horária disponível, de acordo com as normas vigentes para cada modalidade a seguir:

  • Treinamento prático em Patologia Clínica Veterinária: Treinamento temporário e voluntário não remunerado para estudantes de Medicina Veterinária da UFRGS. A carga horária deverá ser igual ou superior a 8 horas/semana, conforme disponibilidade, para o treinamento da rotina laboratorial, que inclui a participação das reuniões semanais do laboratório.
  • Bolsistas de extensão PROREXT: Estágio de extensão remunerado pela Pró-reitoria de Extensão da UFRGS, durante o tempo da vigência da bolsa com carga horária semanal de 20 horas de rotina laboratorial, que inclui a participação das reuniões semanais do laboratório.
  • Bolsistas de iniciação científica (CNPq/FAPERGS/PROPesq): Estágio remunerado ou voluntário de iniciação científica durante o tempo de vigência da bolsa com carga horária semanal de 20 horas na rotina laboratorial para pesquisa, incluindo a participação das reuniões semanais do laboratório.
  • Bolsistas FAURGS: Estágio remunerado com carga horária de 20 horas semanais na rotina laboratorial, que  inclui a participação das reuniões semanais do laboratório.
  • Estágio Curricular Obrigatório: Estágios para alunos de Medicina Veterinária da UFRGS ou de outras universidades, desde que estejam previstos no Projeto Pedagógico do curso de origem. Informações sobre requerimentos deste tipo de estágios podem ser obtidos na Comissão de Graduação da Faculdade de Veterinária da UFRGS neste link.

Estágio para alunos não provenientes da UFRGS

Para estudantes de Medicina Veterinária de outras universidades, o LACVET oferece estágio curricular obrigatório na área de Patologia Clínica Veterinária. O encaminhamento do pedido é em fluxo contínuo e deve ser feito através da Comissão de Graduação da Faculdade de Veterinária da UFRGS. A documentação necessária inclui requerimento preenchido e carta de recomendação de um professor da universidade de origem do estudante. No requerimento, devem descrever-se as pretensões e um breve histórico da experiência do estudante na área. Após o encaminhamento, a documentação será avaliada conforme a disponibilidade do laboratório em atender o período solicitado. Maiores informações podem ser solicitadas à professora Stella Valle por e-mail (stellavalle@gmail.com).

Deixe um comentário