Festejos Juninos: como manter o controle do Diabetes?

21 junho, 2018    tags:


Nessa época do ano em que participamos dos Festejos Juninos, quem tem diabetes precisa de respostas para algumas questões específicas: Como contar carboidrato do amendoim cozido, da canjica ou do bolo de milho? Posso comer alimentos com leite de coco? Isso interfere na minha glicemia? Alguns dos ingredientes presentes nesses festejos estão presentes ao longo do ano inteiro, mas nesse período a frequência de consumo aumenta bastante. São alimentos a base de farinha ou flocos de milho, tapioca, amendoim, além das raízes como carimã, aipim/mandioca e leite de coco, entre outros.

A forma de preparo dos alimentos é de extrema importância, pois quem tem diabetes e um bom grau de conhecimento em contagem de carboidrato pode introduzir com responsabilidade alimentos que contenham açúcar. Mas, é preciso saber se está presente no preparo, seja na forma de açúcar branco, mascavo, mel, melaço ou até leite condensado. Isso certamente fará diferença na contagem e no cálculo da dose de insulina ultrarrápida ou regular a ser aplicada. Uma das bebidas dessa época é o licor, muitas vezes de confecção caseira e o açúcar normalmente está presente. Cuidado redobrado deve ser dado a esse item, pois apesar de o açúcar aumentar a glicemia, o álcool pode provocar hipoglicemia, sobretudo no final do festejo e induzir a queda da glicose durante a madrugada, e pode ser perigoso.
As porções dos alimentos são um dos segredos de uma boa contagem de carboidratos. Por isso, fique atento se sua fatia de bolo continua do tamanho habitual, se cresceu ou até diminuiu porque isso também fará diferença na dose final de insulina. Uma fatia de bolo pode facilmente conter de 30 a 60g de carboidratos a depender da forma de preparo.

Outra questão é o teor de gordura na dieta, que aumenta com o maior consumo de alimentos mais gordurosos. O efeito disso é que cerca de 10% podem se transformar em glicose depois de algumas horas e/ou causar certa resistência à ação da insulina, além de retardar o esvaziamento do estômago. Hoje, existem algumas técnicas que tentam imitar o efeito da gordura em excesso na contagem de carboidrato. Para os usuários de bomba de insulina o uso dos bolus Multionda ou Onda Dupla são fundamentais. Para quem usa caneta, fazer a divisão da dose de insulina aplicada também pode ajudar na tentativa de cobrir o efeito mais prolongado da gordura na glicemia.

Com isso, aprendemos que é possível aproveitar as festas de São João e ao mesmo tempo manter um controle adequado do diabetes! Para auxiliar na sua contagem de carboidratos, no Guia de Contagem de Carboidratos da SBD há vários tipos de bolos e outros alimentos para facilitar este cálculo e você encontra este manual na seção Publicações aqui no nosso site!

Texto adaptado de Sociedade Brasileira de Diabetes, Sabrina Soares de Santana Sousa