FOTOS | I Jornada de Estudos do LUPPA

A I Jornada de Estudos do LUPPA ocorreu entre os dias 4 e 5 de agosto de 2017. Com o Plenarinho da Reitoria da UFRGS lotado, foram momentos de debate, de troca de experiências e de divulgação de pesquisas realizadas pelos(as) integrantes e alunos(as). Confira alguns momentos da jornada!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

I JORNADA DE ESTUDOS DO LUPPA | PROGRAMAÇÃO ATUALIZADA

A I Jornada de Estudos do LUPPA, além da presença de seus(suas) membros internos(as) e externos(as), contará com a apresentação das pesquisas realizadas pelos(as) bolsistas de IC e pelos(as) mestrandos(as) do PPG em História. Confira a programação completa e atualizada.

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

I JORNADA DE ESTUDOS DO LUPPA – INSCRIÇÕES ENCERRADAS!

As inscrições para a I Jornada de Estudos do LUPPA estão encerradas! Estamos com a lotação máxima do Plenarinho da Reitoria, onde ocorrerão as mesas do evento. Nos próximos dias, divulgaremos a programação atualizada das mesas. Agradecemos o interesse de tod@s nessa primeira reunião de trabalho!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Lançamento de livro – “Um eterno quase”, João Camilo Portal

Durante a I Jornada de Estudos do LUPPA, haverá novo lançamento do livro “Um eterno quase”, de João Camilo Portal, estudante do curso de História da UFRGS e bolsista do LUPPA. Em seu primeiro romance, João narra o cotidiano de um jornalista que, entre uma bebida ou cigarro, ou, ainda, no caminho entre sua casa e o trabalho, busca em anônimos, em sua amada, ou em um personagem literário, uma acolhida às suas divagações existencialistas; a ânsia por não estar só percorre toda a narrativa. O livro, lançado neste mês pela Editora Oikos, estará à venda durante os dois dias do evento. 

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

VEM AÍ – Centro de Referência em Ensino e Pesquisa da Ditadura Civil-militar no Rio Grande do Sul

O LUPPA está expandindo seus projetos e, nas próximas semanas, lançará o Centro de Referência em Ensino e Pesquisa da Ditadura Civil-militar no Rio Grande do Sul. O Centro terá como objetivo agregar experiências de ensino e aprendizagem e de pesquisa sobre a temática da ditadura no Estado, facilitando o acesso a diversos materiais e referências para o desenvolvimento de aulas e pesquisas. Estão sendo preparados um banco de TCCs, dissertações e teses sobre o período, a cartografia da repressão e da resistência no Estado, e uma listagem de acervos físicos e virtuais para a pesquisa. Aguardem a divulgação do lançamento!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

I JORNADA DE ESTUDOS DO LUPPA

A I Jornada de Estudos do LUPPA ocorrerá durante os dias 4 e 5 de agosto de 2017, onde os integrantes do laboratório apresentarão seus projetos de pesquisa e debaterão com os presentes os rumos das pesquisas sobre usos do passado. Estarão presentes nesta primeira edição os colegas Mariana Joffily (UDESC), Mateus Pereira (UFOP) e Rodrigo Turin (UNIRIO), além de Caroline Silveira Bauer, Benito Schmidt e Fernando Nicolazzi, da UFRGS.

INSCRIÇÕES ENCERRADAS!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

CLASSIFICAÇÃO FINAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

SELEÇÃO DE BOLSISTAS PARA O LUPPA

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

CINEMEMORIA 2

Na próxima terça-feira, às 18:45 no Panthéon (Campus do Vale – UFRGS), teremos mais uma edição do CINEMEMORIA, com o documentário “Canções do exílio – A labareda que lambeu tudo”, de Geneton Moraes Neto. A exibição se realizará como atividade da disciplina de História do Brasil IV, ministrada pela professora Caroline Silveira Bauer, mas é aberta aos estudantes e ao público em geral. Compareçam!

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Projeto de divulgação histórica | Linhas do tempo – Resistência(s) à ditadura

Interface do TimeMapper

Uma das primeiras atividades de divulgação do conhecimento histórico desenvolvidas pelas alunas e pelos alunos da turma A de Brasil IV (2017/1), ministrada pela professora Caroline Silveira Bauer, foi a elaboração de linhas do tempo através do aplicativo TimeMapper, uma iniciativa do Open Knowledge Lab. As alunas e os alunos puderam, desta forma, romper com as generalizações sobre as oposições e resistências à ditadura, que as circunscrevem à atuação junto ao MDB (oposição consentida) ou às organizações guerrilheiras. Assim, recupera-se o protagonismo do movimento camponês, operário, indígena, das mulheres, dos negras e dos negros, da população LGBT+, etc.

Para visualizar as linhas do tempo produzidas pelas alunas e pelos alunos, basta clicar neste link: http://falandodaditadura64.blogspot.com.br/p/linhas-do-tempo-resistencias-ditadura.html

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário