Quem somos

QUEM SOMOS

Coordenadoras

Professoras e professores parceiros

Equipe de Trabalho

2019

Bolsistas UFRGS

2018

Amanda Bianchi – Licenciatura em física – UFRGS

Bianca Nunes – Engenharia de Energia, UFRGS

Daniela Hiromi Okido – Astrofísica- UFRGS

Diandra Machado – Licenciatura em física – UFRGS

Sofia Elsira Sa de Guse – Astrofísica- UFRGS

2017

Daniela Hiromi Okido – Astrofísica- UFRGS

Sofia Elsira Sa de Guse – Astrofísica, UFRGS

Viviane Magnan Savela – Licenciatura em física, UFRGS

2016

Andressa T Machado S. Da Silva – Jornalismo, UFRGS

Bruno Mateus Schmidt – Engenharia Civil, UFRGS

Daniela Hiromi Okido – Astrofísica- UFRGS

Felipe de Borba Dutra– Jornalismo, UFRGS

Janaina de Oliveira Terra – Enfermagem – UFGRS

Lysiane Hargreaves Munhoz– Jornalismo, UFRGS

Manuella Mattos dos Santos – Licenciatura em Ciências Biológicas, UFRGS

Nathalia Carpenedo Ferrari – Engenharia de Energia, UFRGS

Raquel Wolter Martell – Engenharia Civil, UFRGS

Sofia Elsira de Sa Guse – Astrofísica, UFRGS

Viviane Magnan Savela – Licenciatura em física, UFRGS

2015

Desirée Dornelles, Licenciatuta em Física- UFRGS

Ana Amélia Petter, Licenciatuta em Física- UFRGS

2014

Desirée Dornelles, Licenciatuta em Física- UFRGS

Iniciação Cienifica Júnior 

Iniciação Científica Júnior - ICj

Diully Amaral, Gabriela Bley e Rafaela Cardoso Machado – Fundação Liberato

Alice Fontoura Quadros, Ana Carolina Franco e Gabrielly Monica Pacheco – Escola Odila

Ana Paula Barboza, Adriely da Costa Severo e Rosângela C. de Souza – Escola Wamosy

Meninas na Ciência - Tecendo Redes

No final de 2018 fomos contempladas por um edital do CNPq/MCTIC/MEC. Com isto, criamos o O projeto chamado “Meninas na Ciência – Tecendo Redes” para expandir nossas ações para outras cidades. São três instituicões de Ensino Superior (UFRGS, Feevale, IFRS – Santana do Livramento), e cada IES é responsável por uma escola local. Em cada escola, há uma professora responsável e três meninas que têm bolsas de iniciação científica júnior (Icj).

Clique ao lado para entender a estrutura do “Meninas na Ciência – Tecendo Redes”