Os casos de coronavírus estão disparando. Aqui está o que será necessário para obter o controle.

Preparamos um extrato da matéria publicada na Science News em 11 de novembro. Leia a matéria no original aqui.

Novembro está começando a parecer muito com março passado. Na Europa, onde o coronavírus esteve amplamente sob controle durante grande parte do verão e outono, os casos estão disparando em quase todos os lugares. Vinte países, incluindo o Reino Unido e a França, fecharam restaurantes, introduziram toques de recolher ou recomendaram que as pessoas ficassem em casa, embora a maioria das escolas e universidades continuem abertas por enquanto.

O fechamento de fronteiras, empresas e escolas estão entre as medidas mais drásticas para controlar a doença. No entanto, as preocupações com as consequências econômicas podem impedir os governos de emitir ordens generalizadas de permanência em casa.

Embora receber uma vacina COVID-19 – ou vacinas – esteja mais perto do que nunca, a maioria dos especialistas concorda que as vacinas provavelmente não estarão disponíveis para todos tão cedo. Isso significa que teremos que recorrer às ferramentas familiares de distanciamento físico, uso de máscaras e testes e isolamento de pessoas infectadas. Mas todas essas medidas são insuficientes, a menos que todos estejam dispostos a seguir as regras. Sozinhas, nenhuma dessas medidas é perfeita, mas fazê-las todas juntas pode aumentar a proteção.

Dezenas de estudos deixaram bem claro que usar máscara é uma das medidas mais eficazes que um indivíduo pode tomar para ajudar a conter a pandemia. Por exemplo, se 95 por cento das pessoas usassem máscaras fora de casa, quase 130.000 mortes por COVID-19 poderiam ser evitadas nos Estados Unidos entre o final de setembro e o final de fevereiro de 2021.

No início da pandemia, bloqueios e medidas de distanciamento social (de gravidade variável) decretadas em muitos países funcionaram amplamente. Ficar em casa privou o vírus de oportunidades de transmissão, evitando mais de 500 milhões de infecções em seis países duramente atingidos. Agora que os cientistas têm uma compreensão melhor sobre a transmissão, talvez não sejam necessários bloqueios gerais. Em vez disso, as restrições podem se concentrar em espaços lotados e mal ventilados, como restaurantes e bares. Se os casos continuarem a crescer exponencialmente, no entanto, bloqueios mais rígidos podem ser a única ferramenta que resta para evitar que os hospitais fiquem sobrecarregados.

O rastreamento e o isolamento de contatos são mais poderosos quando os casos são identificados no início do curso da infecção, seus contatos são rastreados e informados sobre sua exposição e atendem às solicitações de quarentena. Esse sistema requer testes amplamente disponíveis e muitos rastreadores de contato para fazer o trabalho de detetive. Sistemas robustos de rastreamento de contato funcionam apenas se as pessoas obedecerem às autoridades de saúde pública e compartilharem seu histórico de contato ou quarentena.

Quanto mais demorarmos para agir sobre o vírus, mais danos ele causará.

FONTE: Coronavirus cases are skyrocketing. Here’s what it will take to gain control. Jonathan Lambert and Tina Hesman Saey. Science News NOVEMBER 11, 2020. https://www.sciencenews.org/article/coronavirus-covid19-control-increasing-cases.