CROQUIS

Uso em Desenho Técnico a Mão Livre

Introdução Objetivos Pedagógicos Perspectiva Isométrica Perspectiva Cavaleira Vistas Ortográficas Créditos Questionário

Passo a Passo: Vistas Ortográficas


Os objetos apresentados estão desenhados em perspectiva isométrica. A primeira ação será a de desenhar os três eixos de isometria para identificar, no sólido, as arestas que são ortogonais, ou seja, com a mesma direção dos eixos.
Passos:

1 – Utilizando um traço leve (linha de construção), traçar eixos verticais tangenciando os limites da peça. A seguir, traçar um dos demais eixos tangenciando a parte superior e inferior do objeto. No cruzamento com as verticais encontramos o vértice a partir do qual traçaremos o eixo horizontal no outro sentido, até completar o solido geométrico básico que originou a peça.

2 – A menor dimensão da peça será tomada como módulo básico. Conferir se dimensão da Largura, altura e profundidade da peça são múltiplos inteiros desse módulo. Caso contrário, dividir essa dimensão ao meio e usar essa metade como módulo básico.

3 – Determinar as medidas da largura, altura e profundidade da peça.

4 – Analisar a peça para identificar qual a vista principal, a vista lateral (se esquerda ou direita) e se a terceira vista é superior ou inferior. Desenhar um croqui com a posição dessas vistas, marcando a dimensão da vista principal e lateral, deixando o espaço de um módulo entre elas e da vista principal e superior (ou inferior, se for o caso) deixando também um modulo de espaço entre elas. O somatório dessas medidas determina a dimensão horizontal e vertical que o desenho dessas três vistas ocupará na folha.

5 – Deixando o espaço de um centímetro das margens da folha, traçar, com linha tênue, uma linha vertical (À esquerda, se a vista lateral for à esquerda e, à direita, se a vista lateral for à direita).
A partir de uma das extremidades da vertical (na parte superior, se a vista for superior e, na extremidade inferior, se a vista for inferior) traçar uma linha horizontal com a mesma dimensão da vertical. Dividir a vertical pelo número de módulos necessários previsto no croqui. Dividir a horizontal pelo mesmo numero de módulos da vertical e acrescentar os módulos necessários previstos nesse sentido no croqui.

6 – Traçar, inicialmente, apenas o contorno de cada vista e a seguir o detalhamento de cada face (vista), lembrando as 3 importantes Regras:

Regra do Alinhamento - As projeções de um mesmo elemento do objeto nas vistas adjacentes acham-se sobre o mesmo alinhamento, isto é, sobre a mesma linha de chamada.
Regra da Configuração – Uma face plana do objeto projeta-se com a sua configuração ou como um alinha ret. No primeiro cãs a face inclinada ou paralela ao plano de projeção, no segundo caso é perpendicular a ele.
Regra das Figuras Contíguas– As figuras contíguas de uma mesma vista correspondem às faces do objeto que não podem estar situadas no mesmo plano.

7 – Finalmente, deve-se reforçar as linhas do objeto.


Você também pode acompanhar os vídeos da construção da perspectiva de Superfícies Planas e Superfícies Cilíndricas.