Programa de Pós-graduação em Estudos Estratégicos Internacionais

A Guerra entre China e Estados na Coreia: da Escalada às Negociações de Cessar-Fogo

O livro A Guerra entre China e Estados na Coreia: da Escalada às Negociações de Cessar-Fogo tira do esquecimento a origem da disputa entre China e Estados Unidos, pela autonomia da Coreia do Norte, da balança de poder da Ásia e do status quo político internacional. A Guerra Sino-americana entre 1950 e 1953 foi travada por três milhões de soldados de 26 diferentes nacionalidades. Os desenvolvimentos das operações militares e negociações diplomáticas na Península Coreana entre a coalizão de países formada por China, Coreia do Norte e União Soviética e a coalizão de membros dos cinco continentes das Nações Unidas liderada pelos Estados Unidos alteraram as relações internacionais da Guerra Fria e as relações políticas e de segurança regionais da Ásia e da Europa.
A Guerra Sino-americana é o caso exemplar do tipo de guerra limitada – em que se luta enquanto se negocia – e das consequências da falta de apropriados arcabouços conceituais, organizacionais e doutrinários para travá-la. Ambos os países tiveram que aprender sobre ela enquanto conduziam suas campanhas, e seus oficiais militares, exércitos e países sofreram com as graves discórdias entre suas respectivas lideranças políticas e comandantes, resultando em desgastes de suas instituições e maiores e menores graus de expurgos de suas forças armadas.
O livro executa uma metodologia de análise crítica de guerras contemporâneas a partir da Teoria da Guerra de Carl von Clausewitz sobre fontes primárias e secundárias ocidentais e orientais e estudos de campo na Coreia do Sul e na Zona Desmilitarizada (DMZ). Como resultado, o livro infere minuciosamente as condições e instituições políticas, as possibilidades estratégicas, o teatro de operações coreano, os comandantes e as forças combatentes envolvidas, os planos de guerras, as negociações diplomáticas entre e dentro das duas coalizões, as campanhas e as batalhas dessa guerra.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

AfrikaansNederlandsEnglishFrançaisDeutschItalianoPolskiPortuguêsEspañol