Artigo publicado no periódico Nature Communications por docentes e discentes do PPGGEO. Leia mais…

Artigo publicado hoje no periódico Nature Communications, de autoria do doutorando em Paleontologia do PPGGEO, Tomaz Panceri Melo, com participação do Dr. Agustin Martinelli, ex-doutorando do PPGGEO e, hoje, pesquisador do CONICET – Argentina, e das Dras. Ana Maria Ribeiro e Marina Bento Soares, docentes do PPGGEO.
No artigo é reportado o registro mais antigo, e o único fora dos mamíferos, de dentes molariformes hipsodontes, com crescimento prolongado, com altas taxas de desgaste, e adaptados a uma dieta vegetal abrasiva. Esta característica dentária foi encontrada em um cinodonte gaúcho, Menadon besairiei, do período Triássico (235 milhões de anos atrás), precedendo em 70 milhões de anos o seu registro nos mamíferos.
A surpreendente convergência entre um cinodonte, mais distantemente relacionado aos mamíferos, e mamíferos herbívoros especializados revela influências do clima, dieta e legado histórico na evolução das dentições.
Esse trabalho só foi possível graças aos órgãos de fomento à pesquisa do Brasil e Argentina (CNPq, Capes e CONICET).

Link para o Artigo: 

https://www.nature.com/articles/s41467-019-10719-7?fbclid=IwAR3r2hYGeeDrTOzsRM0f70MjRpP0ndRv4EHyZq1Iwxuc0pqVRSuPBSwfwko