História do PPG-Letras UFRGS

O  nosso PPG completou, em 2017, 45 anos de existência. Ao longo dessa trajetória, o desejo de melhoria contínua é uma das marcas de sua identidade. Fundado como Curso de Pós-Graduação em Letras em 1972, credenciado pelo Conselho Federal de Educação em 1975 (Parecer nº. 02/75), foi recredenciado, sucessivamente, em 1980 (Parecer nº. 1105/80), em 1985 (Parecer nº. 41/86) e em 1993 (Parecer nº. 700/94). À época de sua instalação, dividia-se em duas áreas: Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa, ambas em nível de Mestrado. Em 1991, foi implantado o Curso de Doutorado. Em 1996, foi transformado em Programa de Pós-Graduação em Letras, com dois Cursos em nível de Mestrado e Doutorado: Curso de Estudos da Linguagem, constituído de duas Áreas, e Curso de Estudos de Literatura, constituído de quatro Áreas.Em 2000, passou a contar com oito Áreas de Concentração: Aquisição de Linguagem, Linguagem no Contexto Social, Teoria e Análise Linguística, Teorias do Texto e do Discurso; Literatura Brasileira, Literatura Comparada, Literaturas de Língua Inglesa e Literaturas Francesa e Francófonas, nas Especialidades Estudos de Linguística e de Literatura. Em 2004, as Especialidades foram substituídas por Áreas, distribuídas em duas direções: Estudos da Linguagem e Estudos de Literatura. Por fim, em 2012, iniciou-se uma discussão geral sobre o perfil do PPG, questionando especialmente o conjunto das Especialidades e avaliando a possibilidade de implementar Linhas de Pesquisa, de acordo com a terminologia da CAPES. Em 2014, foi aprovado novo Regimento e definidas as duas grandes Áreas de Concentração – Estudos da Linguagem e Estudos de Literatura – que se dividiram em 12 (doze) Linhas de Pesquisa, listadas a seguir:

Área de Estudos da Literatura
1. Pós-colonialismo e Identidades;
2. Estudos Literários Aplicados: Literatura, Ensino e Escrita criativa;
3. Literatura, Sociedade e História da Literatura;
4. Sociedade, (Inter)Textos Literários e Tradução nas Literaturas Estrangeiras Modernas;
5. Teoria, Crítica e Comparatismo. Área de Estudos da Linguagem:

Área de Estudos da Linguagem
1. Análises Textuais, Discursivas e Enunciativas;
2. Linguística Aplicada;
3. Psicolinguística;
4. Sociolinguística;
5. Lexicografia, Terminologia e Tradução: Relações Textuais;
6. Fonologia e Morfologia;
7. Gramática e Significação.

Coordenadores
Albino de Bem Vieira – 1972/1973 – Fundador (1° Mandato)
Walter Koch – 1973/1975 – 1 Mandato
Albino de Bem Vieira – 1975/1983 – 4 Mandatos
Flavio Loureiro Chaves – 1983/1985 – 1 Mandato
Tania Franco Carvalhal – 1985/1989 – 2 Mandatos
Élvio Antonio Funck – 1989/1990 – 1 Mandato
Maria do Carmo Campos – 1990/1995 – 2 Mandatos
Zilá Bernd – 1995/1996 – 1 Mandato
Freda Indursky – 1996 – Conclusão de Mandato
Freda Indursky – 1997/1998
Rita Terezinha Schmidt – 1999-2000
Robert Charles Ponge – Mandato Temporário (Janeiro de 2001 – Abril de 2001)
Robert Charles Ponge – Maio de 2001/Abril de 2003
Sabrina Pereira de Abreu – Maio de 2003/Abril de 2005
Lúcia Sá Rebello – Maio de 2005/Abril de 2007
Lúcia Sá Rebello – Maio de 2007/Abril de 2009
Gisela Collischon – Maio de 2009/Abril de 2011
Valdir do Nascimento Flores – Maio de 2011/Abril de 2013
Ingrid Finger – maio 2013 a junho de 2014
Maria José Bocorny Finatto – junho de 2014 a julho de 2015
Solange Mittmann – julho de 2015 a junho de 2017
Rita Lenira de Freitas Bittencourt – julho de 2017 a junho 2019
Antônio Marcos Vieira Sanseverino – Coordenador em exercício