Teses

  • Modernidade religiosa entre Tamboreiros de Nação: concepções e práticas musicais em uma tradição percussiva do extremo sul do Brasil.

    Autor: Reginaldo Gil Braga
    Orientador: Profª Drª Maria Elizabeth Lucas
    Data da defesa: 26/09/2003

    Esta pesquisa pretendeu analisar no campo religioso afro-brasileiro específico do Rio Grande do Sul, tomando o Batuque e suas possíveis redes de significados com a Linha Cruzada e a Umbanda como ponto focal da discussão as concepções e práticas religiosas e musicais dos tamboreiros de Nação. Assim, através das experiências e performances religiosas e musicais, entendidas como os processos de transmissão e circulação do conhecimento teórico e prático dos tamboreiros de Nação e as suas respectivas representações musicais, pretendi revelar as estruturas discursivas, os contexto sócio culturais e os significados que a música e os tamboreiros assumiram frente à modernidade religiosa afro-gaúcha nos últimos setenta anos, aproximadamente. Meu recorte temporal justificou-se pela tentativa de mapear um período de grandes transformações e reorganizações que vem passando a música do Batuque cruzei as noções de experiência e performance musical com as histórias de vida e a recomposição das trajetórias dos músicos rituais pesquisados. Essa abordagem, uma etnografia musical, previu a minha inserção no campo como musico aprendiz (‘participação ativa’), complementada por observações de situações de ensino-aprendizagem e performances musicais. O universo de tamboreiros selecionados para o recorte metodológico (13 indivíduos) obedeceu a alguns critérios estabelecidos ao longo dos contatos iniciais com os entrevistados, tais como: representatividade e reconhecimento no meio batuqueiro, atuação continuada como tamboreiro no cenário afro-gaúcho, pertencimento a linhagens diferentes (lados) e indivíduos de três gerações diferentes (faixas etárias ao redor dos 70, 50/60 e 30/40 anos).

    This research has its focal point of discussion in the religious and musical conceptions and pratices of tamboreiros de Nação, the ritual drummers from Batuque (the Afro-religious cult of southern Brazil). Through the religious and musical experiences and performances, understood as processes of transmition and circulation of the theorical and practical knowledge of tamboreiros de Nação and their respective musical representations, I intended to reveal the discursive structures, the sociocultural contexts and the meanings that music and tamboreiros assumed in face of the Afro-gaucho religious modernity in the last seventy years. This temporal arch justify itself through the attempt of maping a period of great transformation and reorganization inside de Afro-gaucho religious scene: the arrival to the state of Umbanda in 1930s and the rise of Linha Cruzada in the 1960/1970s. To capture better the transformations and reorganizations tha the music of Batuque went through, I crossed the notions of experiences and musical performance with the life histories and the recomposition of researched trajectories of several ritual musicians. This approach, demanded my insertion in the field as a musician apprentice (“active participation”), completed by observations of teaching-learning situations and musical performances. The number of selected tamboreiros (13 individuals) obeyed some criteria established over the inicial contacts with the interviewees, such as: representativeness and recognition in the batuqueiro milieu, continuous performance as a tamboreiro in the Afro-gaucho scene, belongness to different lineages (lados) and finally, individuals pertaining from three different generations (ages around 70, 50/60 and 30/40 years old).

    Resumo / Abstract
  • Concepções e ações de educação musical escolar: três estudos de caso.

    Autor: Luciana Marta Del Ben
    Orientador: Profª Drª Liane Hentschke
    Data da defesa: 18/05/2001
    Repositório: http://hdl.handle.net/10183/3342

    A presente pesquisa teve o objetivo de investigar como as concepções e ações de educação musical de professores de música configuram a prática pedagógico-musical em escolas do ensino fundamental. O primeiro capítulo apresenta o problema de pesquisa e os referenciais teóricos para investigá-lo. O capítulo inicia problematizando a escassez de dados sobre práticas pedagógico-musicais escolares à luz de pesquisas na área da educação musical e de estudos na área da educação referentes à epistemologia da pedagogia. Posteriormente, são apresentados os pressupostos da pesquisa sobre o pensamento do professor que, além de contribuir para delimitar o objeto de pesquisa, fornece conceitos teórico-metodológicos capazes de orientar este trabalho. Esses conceitos são complementados por outros provenientes da fenomenologia social de SCHUTZ (1972;1973;1976;1979), apresentada no segundo capítulo. O terceiro capítulo descreve a metodologia desenvolvida para conduzir esta investigação, incluindo os procedimentos de análise dos dados. Foram realizados três estudos de caso qualitativos com três professoras de música atuantes em diferentes escolas da rede privada de ensino de Porto Alegre-RS. Em cada um dos casos, os dados foram coletados através da observação naturalista de uma seqüência de aulas ministradas pela professora e de entrevistas semi-estruturadas com a mesma. Paralelamente, foram coletados documentos escritos. Nos capítulos quatro, cinco e seis, os três estudos de caso são apresentados individualmente. No capítulo sete, os estudos de caso são revistos a partir de uma análise transversal dos dados, onde são identificados aspectos tanto comuns quanto específicos às concepções e ações de cada professora, aspectos estes considerados relevantes para aprofundar o conhecimento e a compreensão da prática pedagógico-musical em escolas do ensino fundamental. A Conclusão discute algumas das contribuições da presente pesquisa para a área de educação musical bem como implicações do trabalho para a formação de professores. Ao final, novas pesquisas são sugeridas.

    The aim of this research was to investigate how music teacher’s conceptions and actions of music education constitute the practice of music teaching at primary schools. In chapter one, the research problem is defined. The lack of data about Brazilian school music teaching is complexified in the light of some pieces of research in music education as well as studies about the epistemology of pedagogy. After that, the theoretical background of the body of research on teacher’s thinking is presented. This body of research provides theoretical and methodological concepts able to orient this research. These concepts are complemented by other ones coming from the social phenomenology of SCHUTZ (1972;1973;1976;1979), which is presented in chapter two. The third chapter describes the research methodology, including the procedures for analysing the data. Three qualitative case studies with three primary school music teachers were carried out. In each case study, data collection involved the observation of a sequence of lessons and semi-structured interviews with the music teacher. Written documents were collected parallel to observations and interviews. In chapter four, five and six, the three case studies are individually reported. In chapter seven, the case studies are reviewed in a cross-site analysis, where both common and specific aspects of music teachers’ conceptions and actions are identified. These aspects were those ones considered most likely to advance knowledge and understanding of the practice of music teaching at primary schools. Finally, the Conclusion brings the contributions of the present research to the field of school music education as well as some implications for music teachers’ education. Further research is suggested.

    Resumo / Abstract
  • Controle do movimento com base em um princípio de relação e regulação do impulso-movimento: possíveis reflexos na otimização da ação pianística.

    Autor: Maria Bernadete Castelán Póvoas
    Orientador: Prof. Dr. Celso Loureiro Chaves
    Data da defesa: 01/10/1999

    A presente investigação formula o principio da relação e regulação do impulso-movimento, apresentado como um recurso técnico-pianístico a ser utilizado na organização de movimentos praticados na ação pianística com possíveis reflexos na otimização do trabalho relacionado a esta ação. A proposta para a aplicação deste recurso tem como pano de fundo a reflexão analítica e está ilustrada a partir de modelos organizados sobre trechos selecionados do repertório pianístico. Resultados obtidos em experimento biomecânico (Cinemetria) visam demonstrar teórica e praticamente a aplicabilidade e a adequação do principio proposto. O Capítulo 1 inclui o referencial teórico em que são apresentados pressupostos teóricos e científicos que serviram de respaldo às abordagens apresentadas no decorrer da apresentação da pesquisa. No Capitulo 2 são levantados e discutidos aspectos sobre a ação pianística;são apresentados conceitos e um arrazoado metodológico referente ao treinamento da ação pianística e a fatores que influem na sua prática. No Capítulo 3 é apresentada a formulação do princípio;a aplicação do princípio é abordada dentro de uma proposta de interação entre a realização de movimentos corporais organizados em ciclos e a resolução dos aspectos musicais que correspondem ao design de cada obra. O Capítulo 4 inclui a parte experimental da investigação onde são apresentados gráficos de váriso tipos de curvas construídas a partir da aquisição de imagens da execução pianistica de doze sujeitos juntamente com a análise dos resultados. Os conceitos e pressupostos de estudiosos da área pianística e de outras áreas permitiram a elaboração de conceitualizações que podem servir de subsídios na orientação do treinamento pianístico no sentido de otimizá-la;os resultados obtidos através de experimento biomecânico indicaram a viabilidade de aplicação do princípio proposto;as análises dos gráficos e os dados numéricos resultantes mostraram que a organização de movimentos menores dentro de ciclos de movimentos possibilita a diminuição da trajetória resultante.

    This investigation formulates the impulse-movement relation and regulation principle, presented as a technical-pianistic resource to be used in the organization of movements in the pianistic action, with possible consequences on the optimization of the effort in connection with that action. The proposal for the application of this resource has the analytical reflection as its background and is represented via models abstracted from the piano repertoire. Results obtained from a biomechanical experiment (Cinemetry) aims at demonstrating the applicability and adequacy, in its theory and applicability, of the propose principle. Chapter 1 provides the theoretical background which supports this investigation. Chapter 2 discusses aspects of the pianistic action, presenting the methodology adopted in this investigation in regard to pianistic action training and the factors that influence it. Chapter 3 formulates the principle, whose application is approached according to the interaction between performances of physical movements cyclically organized and the resolution of physical aspects which correspond to the music design of each model. Chapter 4 comprises the experimental part of the research, where graphs are presented of various types of curves, constructed from the collection of images of twelve subjects’ performances as well as the analysis of the results. The concepts and assumptions of scholars in the field of piano studies and scholars from others areas made it possible to formulate conceptualizations which can serve as a subsidy for piano training guidance so as to optimize it. The results obtained in the biomechanical experiment revealed the feasibility of the proposed principle. The analyses of the resulting graphs and numerical data showed that the organization of smaller movements within movement cycles makes it possible to reduce the resulting trajectory.

    Resumo / Abstract
  • Representações sociais sobre práticas de ensino e aprendizagem musical: um estudo etnográfico entre congadeiros, professores e estudantes de música.

    Autor: Margarete Arroyo
    Orientador: Profª Drª Maria Elisabeth Lucas
    Data da defesa: 02/08/1999
    Repositório: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/15025

    Esta pesquisa é um estudo etnográfico realizado em dois cenários, social e culturalmente diferenciados de ensino e aprendizagem de música. Inseri-me no contexto ritual do Congado e no contexto institucional do Conservatório de Música, ambos localizados na cidade de Uberlândia, MG, entre os anos de 1995 e 1997. A proposta de lançar um olhar antropológico sobre práticas de educação musical a partir da vivência do estranho e do estranhamento do familiar, promoveu um processo central da pesquisa: a transformação do olhar da pesquisadora sobre os cenários de estudo. O ritual afro-católico do Congado, que mobiliza parte significativa da população afro-brasileira de Uberlândia, e o Conservatório de Música, uma escola pública que atende a algumas unidades de milhares de uberlandeses de diferentes classes sociais, tornaram-se campos heurísticos para uma compreensão mais densa da relação aprendiz e fazer musical. A questão que me conduziu no trabalho de campo foi o desvelamento das representações sociais sobre o fazer musical, sendo que o conceito sócio-antropológico de “representações sociais” refere-se ao saber conceitual e prático construído e compartilhado coletivamente. As representações sociais edificam a realidade, sendo compreendidas no senso comum como formas naturalizadas de significado. No decorrer do trabalho de campo, o tema “educação musical como cultura” emergiu como um articulador do estudo simultâneo nos dois cenários, bem como da textualização da pesquisa. A interface desse tema com o campo acadêmico da Educação Musical, desvelou a relevância do olhar antropológico sobre práticas de ensino e aprendizagem em música. Esse olhar vem possibilitar um alargamento dos discursos e práticas da Educação Musical, apontando para um lugar mais relevante dos mesmos no âmbito da produção acadêmica.

    This research had as a field of concern, the relationship between music education and culture base don the development of an anthropological view upon socially and culturally diverse music education practices. To fulfill this purpose, I undertook an ethnographic study in two settings of teaching and learning music in the city of Uberlandia, Central Brazil. My empirical choice was for the Congado, an afro-catholic ritual, and the Conservatory of Music, a public school institution with some thousand unities of students. Both settings constituted an heuristic place to study the relationship between learners and music making, consequently, between music education and culture. I went to the fieldwork with the following objectives in mind: to unfold the social representations of music making in these settings in order to observe and interpret those representations in the contexts of teaching and learning music;as well as to push forward a reflexive concern involving the relationship music education and culture. During the research, the theme ‘music education as culture’ emerged as a key element in the interpretation of both settings. This line of interpretation revealed the possibilities to enlarge the discourse of Music Education as an academic field.

    Resumo / Abstract
  • Relação cronointervalar: uma teoria para a estruturação do andamento musical.

    Autor: Dimitri Cervo
    Orientador: Prof. Dr. Celso Loureiro Chaves
    Data da defesa: 01/07/1999
    Repositório: http://hdl.handle.net/10183/2948

    Esta tese de doutorado apresenta a teoria da Relação Cronointervalar, a qual propõe critérios para a estruturação do andamento em composição musical, demonstrando como trocas de andamento regidas por proporções matemáticas presentes na série harmônica, podem relacionar-se com centros harmônicos, movimentos melódicos, compassos irregulares, entre outros elementos, de uma composição. A teoria da relação Cronointervalar pretende oferecer uma ferramenta composicional que venha a acrescentar-se ao desenvolvimento das técnicas de organização do andamento, explorando aspectos não presentes em modelos anteriores. É nossa intenção que a teoria ofereça princípios e aplicabilidade relativamente simples, de forma que esta venha a ter o potencial de ser utilizada por uma gama ampla de interessados, estudantes de composição, professores de composição e compositores, nas suas atividades específicas e também no ensino da composição. A teoria da Relação Cronointervalar, tal como formulada, poderá contribuir para área de composição/teoria, uma vez que o modelo desenvolvido venha a tornar-se técnica composicional sistematizada e com aplicabilidade definida, oferecendo assim uma nova ferramenta com o seu respectivo referencial teórico para a organização do andamento em composição.

    This doctoral dissertation presents a theory of Chronointervallic Relation that proposes criteria for the structuring of tempo in musical works. It proposes and demonstrates woe the specific mathematical proportions present in the harmonic series, may be locally and synchronically related to intervallic motion in different domains of a composition. The theory intends to offer a compositional tool to the development of techniques for the structuring of musical tempo, exploring aspects absent in previous models;it offers fairly simple principles of applicability, making it useful to a wide variety of individuals, from beginners in composition to composition teachers, and composers. The theory of Chronointervallic Relation may become important to the areas of music composition and theory, once its proposed models become a systematized compositional technique with a definite applicability. It may become also a new tool and theoretical reference to the structuring of the musical tempo in music composition.

    Resumo / Abstract
Página 10 de 10« Primeira...678910