Teses

  • Representações sociais sobre práticas de ensino e aprendizagem musical: um estudo etnográfico entre congadeiros, professores e estudantes de música.

    Autor: Margarete Arroyo
    Orientador: Profª Drª Maria Elisabeth Lucas
    Data da defesa: 02/08/1999
    Repositório: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/15025

    Esta pesquisa é um estudo etnográfico realizado em dois cenários, social e culturalmente diferenciados de ensino e aprendizagem de música. Inseri-me no contexto ritual do Congado e no contexto institucional do Conservatório de Música, ambos localizados na cidade de Uberlândia, MG, entre os anos de 1995 e 1997. A proposta de lançar um olhar antropológico sobre práticas de educação musical a partir da vivência do estranho e do estranhamento do familiar, promoveu um processo central da pesquisa: a transformação do olhar da pesquisadora sobre os cenários de estudo. O ritual afro-católico do Congado, que mobiliza parte significativa da população afro-brasileira de Uberlândia, e o Conservatório de Música, uma escola pública que atende a algumas unidades de milhares de uberlandeses de diferentes classes sociais, tornaram-se campos heurísticos para uma compreensão mais densa da relação aprendiz e fazer musical. A questão que me conduziu no trabalho de campo foi o desvelamento das representações sociais sobre o fazer musical, sendo que o conceito sócio-antropológico de “representações sociais” refere-se ao saber conceitual e prático construído e compartilhado coletivamente. As representações sociais edificam a realidade, sendo compreendidas no senso comum como formas naturalizadas de significado. No decorrer do trabalho de campo, o tema “educação musical como cultura” emergiu como um articulador do estudo simultâneo nos dois cenários, bem como da textualização da pesquisa. A interface desse tema com o campo acadêmico da Educação Musical, desvelou a relevância do olhar antropológico sobre práticas de ensino e aprendizagem em música. Esse olhar vem possibilitar um alargamento dos discursos e práticas da Educação Musical, apontando para um lugar mais relevante dos mesmos no âmbito da produção acadêmica.

    This research had as a field of concern, the relationship between music education and culture base don the development of an anthropological view upon socially and culturally diverse music education practices. To fulfill this purpose, I undertook an ethnographic study in two settings of teaching and learning music in the city of Uberlandia, Central Brazil. My empirical choice was for the Congado, an afro-catholic ritual, and the Conservatory of Music, a public school institution with some thousand unities of students. Both settings constituted an heuristic place to study the relationship between learners and music making, consequently, between music education and culture. I went to the fieldwork with the following objectives in mind: to unfold the social representations of music making in these settings in order to observe and interpret those representations in the contexts of teaching and learning music;as well as to push forward a reflexive concern involving the relationship music education and culture. During the research, the theme ‘music education as culture’ emerged as a key element in the interpretation of both settings. This line of interpretation revealed the possibilities to enlarge the discourse of Music Education as an academic field.

    Resumo / Abstract
  • Sentidos de uma pedagogia musical na escola aberta : um estudo de caso na Escola Aberta Chápeu do Sol Porto Alegre, RS .

    Autor: Helena Lopes da Silva
    Orientador: Profª Drª Jusamara Vieira de Souza
    Data da defesa: 30/09/2009
    Repositório: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/17774

    O Programa Escola Aberta (UNESCO/MEC) consiste na abertura das escolas públicas aos finais de semana como alternativa para a reversão do quadro de violência e a construção de espaços de cidadania para os jovens e para as comunidades consideradas em situação de vulnerabilidade social. A música, neste programa, é vista como uma ferramenta de reversão do quadro de exclusão e violência entre os jovens considerados em situação de vulnerabilidade social. Este trabalho investiga os sentidos da pedagogia musical nas atividades de música da Escola Aberta Chapéu do Sol, em Porto Alegre, RS. O estudo adota o conceito de pedagogia musical alicerçado nas discussões sociológicas dos autores Roberto Albarea, (1994), Mario Piatti (1994) e Rudolph D. Kraemer (2000). A metodologia escolhida para a realização desta pesquisa foi o estudo de caso único, de abordagem qualitativa (MERRIAM, 1998, STAKE, 2000). As ferramentas utilizadas para a realização da coleta de dados foram a observação participante, as entrevistas individuais e em grupo, e análise dos documentos oficiais do Programa Escola Aberta. A análise dos dados empíricos recolhidos foi feita a partir dos cruzamentos realizados entre os discursos dos participantes da pesquisa com os documentos oficiais do Programa Escola Aberta. Os resultados apontaram que a concepção sobre as atividades de música a serem propostas na Escola Aberta Chapéu do Sol, estava relacionada com a visão 201Cconteudista201D (PIATTI, 1994) da pedagogia musical, na qual, a música é vista como um objeto separado dos jovens e do contexto no qual ela acontece. Os interesses e os sentidos em participar dos Grupos de hip-hop da Escola, revelados pelos jovens. estavam associados às questões identitárias, polissêmicas e socializadoras destes em relação ao grupo de amigos (peer-groups), e como forma de expressão e reflexão acerca de seus mundos. Para os Coordenadores, Gestores, Interlocutores e Oficineiro de Música, as atividades a serem desenvolvidas na Escola Aberta dependiam de uma orientação profissional musical para 201Cqualificar201D os processos pedagógico-musicais dos jovens.

    The Open-School Program (UNESCO/MEC) adopted in public schools allows them to be open on weekends, becoming an alternative attempt to reverse the violent environment, and to build up citizenship opportunities to the youth, as well as to the socially vulnerable communities. In the Open-School Program music is regarded as a tool to reverse the exclusion and violence among the youth living under social vulnerability. This research investigates the purposes of the musical pedagogy in the musical activities performed in the Escola Aberta Chapéu do Sol, in Porto Alegre, RS. The study adopts the concept of musical pedagogy founded on the sociological discussions of the authors Roberto Albarea (1994), Mario Piatti (1994), and Rudolph D. Kraemer (2000). The methodology chosen for the realization of this research was the single case study with a qualitative approach (Merriam, 1998, Stake, 2000 ). The tools used for collecting data were based on participative observation, individual and group interviews, and analysis of official documents from the Open-School Program. The analysis of the collected empirical data was based upon cross-dating realized between the discourses of the participants in the research and the official documents of the Open-School Program. The results showed that the concept based on the musical activities proposed in the Escola Aberta Chapéu do Sol was interwoven with the content-based approach to the musical pedagogy (Piatti, 1994), whereby, music is seen as a subject detached from the youth and the environment where it takes place. The interests and purposes of the participation in the youth hip-hop Groups from the Open- School Chapéu do Sol, according to the young people, were associated with identity, polysemy, and socialization in relation to their peers;they also reported it as a way of expressing and reflecting upon their environment. According to the coordinators, managers, interlocutors, and music workshop instructors, the musical activities relied on professional musical advice in order to better qualify the pedagogical musical processes for the youth.

    Resumo / Abstract
  • Ser docente universitário-professor de música: dialogando sobre identidades profissionais com os professores de instrumento.

    Autor: Ana Lúcia de Marques e Louro
    Orientador: Profª Drª Jusamara Vieira Souza
    Data da defesa: 31/03/2004
    Repositório: http://hdl.handle.net/10183/5006

    Tomando como ponto de partida o tema das identidades profissionais e as reflexões sobre as minhas vivências como professora universitária na área de música, proponho o estudo das narrativas de dezesseis professores de instrumentos musicais nos cursos de Bacharelado em Música em três universidades públicas do Estado do Rio Grande do Sul: UFPel, UFRGS, UFSM. A metodologia escolhida é a técnica da história oral temática, através de entrevistas semi-estruturadas, contextualizadas com o auxílio de registros em diários de campo. O conceito de “diálogo genuíno”, vindo da hermenêutica filosófica, também se torna importante para o estabelecimento de uma “zona interpretativa”, na qual as perspectivas dos entrevistados, minhas e da literatura pudessem ser consideradas. A análise de dados é feita a partir do estabelecimento de categorias que transversalizam as entrevistas, buscando-se, entretanto, a preservação da unicidade de cada depoimento. Primeiramente, são desenvolvidos dois grupos de categorias analisadas: formação e atuação. Posteriormente, desenvolvo os grupos de categorias referentes às experiências de ensino, fazendo uma aproximação do foco para os relatos sobre as disciplinas de instrumento principal dos cursos de Bacharelado em Música. A seguir, faço um recuo panorâmico, destacando as relações entre as identidades profissionais e as amplas vivências como pessoa, de cada professor. Posteriormente, abordo a profissão de docente universitário-professor de instrumento, confrontando os dados com os conceitos de profissionalidade, de competências e de identidades profissionais coletivas. Nas considerações finais, a contribuição dessa investigação para a reflexão pessoal dos participantes, para a área de música, para outras áreas que têm como objeto de estudo o professor universitário, bem como para a minha reflexão pessoal e profissional é apontada.

    The purpose of this study was to evaluate the contrapunctal technique of José Mauricio Nunes Garcia in his sacred works, and to define the inception of this new technique in his musical output. The historical references have included the writings of people who met the composer and the essays of Visconde de Taunay, Luiz Heitor Corrêa de Azeved, Francisco Curt Lange, José Maria Neves and Cleofe Person de Mattos. Theoretical references have adhered to the recognition of the fugue as a compositional process rather than simply as a musical form governed by preestablished rules. The works selected for this study refer to basic aspects: their authenticity, their significance in regard to given historical period, and their diversity in the employ of the new compositional techniques acquiered by the composer. A brief historical account and a structural analysis emphasing the harmonic idiom have been provided for each selected work. The analysis of the music works reveal that José Maurício did not follow rigid formal schemes of any kind, taking into account the use of a style characteristic of Colonial Brazilian Music. This study also verifies that the socio-cultural context and the artistic demands of the Portuguese court in exile in Brazil were the main reasons for the appearance pf contrapunctual writings in the works of Garcia. It is proved, finally, that the arrival of D. João VI to Brazil in 1808 elicited an effective change in the compositional style of Garcia as witnessed of his acquisition of the new contrapunctual techniques.

    Resumo / Abstract
  • Sinfonia sistêmica: os processos criativos e a concepção estética dos ciclos vitais.

    Autor: Felipe Kirst Adami
    Orientador: Prof. Dr. Celso Giannetti Loureiro Chaves
    Data da defesa: 09/12/2010
    Repositório: http://hdl.handle.net/10183/28048

    Este trabalho analisa, em uma visão sistêmica, três elementos distintos, mas profundamente relacionados à composição musical: o processo criativo, uma concepção estética baseada nos ciclos vitais e uma obra, a Sinfonia Sistêmica. Ao abordar o processo criativo, buscou-se criar uma visão ampla, levando em conta não só o processo de geração, mas também o que ocorre através da difusão da obra, incluindo o retorno dos resultados da difusão ao compositor e a comunicação com o meio em que ela se insere. São levantados elementos da música, da psicologia e da neurologia, cruzando resultados de pesquisas nessas áreas através de uma ampla revisão bibliográfica. Conclui-se que o processo criativo da composição musical se desenvolve de acordo com procedimentos regulares, seguindo um padrão de organização e procedimentos específicos correspondentes à bagagem musical e cultural do compositor e aos elementos provenientes do meio que interfiram durante o processo. Isto cria um fluxo de energia e de materiais que nutre o processo e faz com que ele seja dinâmico e evolua no tempo, sendo, portanto, um sistema aberto. Uma das motivações mais importantes do processo criativo da composição musical é a concepção estética a qual, neste trabalho, aparece sob a forma da Concepção Estética dos Ciclos Vitais, que cria uma analogia entre elementos presentes nos ciclos vitais e procedimentos de estruturação musical. Ela está fundamentada em visões sistêmicas da vida e inclui elementos de teorias da física e da biologia, como a Teoria do Caos, a Geometria Fractal, as Estruturas Dissipativas e a Autopoiese, que são apresentados em um conjunto de derivadas da concepção. Assim como a concepção estética está integrada no processo criativo, o processo criativo também se enquadra dentro da Concepção Estética dos Ciclos Vitais, estando integrada como uma de suas derivadas, como um elo entre o compositor, a obra e o meio com o qual interagem A Sinfonia Sistêmica foi composta durante o Doutorado e apresenta a maior parte dos elementos discutidos na Tese, sendo seu principal objeto de estudo. Sua análise tem como objetivo demonstrar como o processo criativo e a Concepção Estética dos Ciclos Vitais ocorrem na prática. Ela também demonstra como a própria composição interfere tanto no processo criativo, por vezes direcionando-o ao invés de ser direcionada por ele, quanto na concepção estética, trazendo novos elementos conforme se desenvolve.

    The present work analyzes, through a systemic approach, three elements that are as diverse as they are deeply related to musical composition: the creative process, a conception based on life cycles and the musical work Sinfonia Sistêmica (Systemic Symphony). A wide view was sought through which to approach the creative process, taking into account not only the process of production but also that which occurs through its performance, including responses to the composer and the rapport to the environment in which it is inserted. Elements of music, psychology, and neurology are raised, and the results of research in this area are collated through a wide bibliographical revision. A conclusion was reached that shows that the creative process of a musical composition develops according to regular proceedings which follow an organizational pattern and specific procedures that correspond to the composer´s musical and cultural background as well as elements originated in the environment that interfere in the process. This gives rise to a flow of energy and materials that feed the process and turns it into a dynamic process and makes it develop in time, making an open system of it.The Esthetic Conception of Life Cycles builds an analogy between the procedures of musical structure and the elements which are present in the life cycles. It is based on systemic views of life and it includes elements of current physics and biology theories such as Theory of Chaos, Fracto Geometry, Dissipative Structures and Autopoiesis. The connection between the Esthetic Conception of Life Cycles resides in the fact that the esthetic conception is one of the most important motivation elements in the creative process, and the Esthetic Conception of Life Cycles in its turn, includes the creative process among its elements, as a link between the composer, the work and the environment with which it interacts. The Sinfonia Sistêmica was composed during the doctorate program and presents the elements which have been discussed in the thesis and is its main object of study. Its analysis aims at showing how the creative process and the Esthetic Conception of Life Cycles occur in practice, and it also demonstrates how the composition itself interferes in the creative process, sometimes guiding it instead of being guided by it, as well as in the esthetic conception, bringing forth new elements as it develops.

    Resumo / Abstract
  • Sobre o meu próprio trabalho: reflexão e criação.

    Autor: Flávio Santos Pereira
    Orientador: Prof. Dr. Celso Giannetti Loureiro Chaves
    Data da defesa: 20/04/2012
    Repositório: http://hdl.handle.net/10183/61727

    Este trabalho expõe a transição estilística por que passou o autor, coincidente com o período do doutoramento. Antes adepto do emprego não ortodoxo das técnicas de preordenação, especialmente as derivadas das técnicas seriais, a privilegiar a sintaxe musical, volta-se o autor para as questões fundamentais da significação em música. Neste processo, experimentou-se, primeiro, a contraposição da elaboração motívico-temática às técnicas seriais. O propósito era o de constituir unidades estruturantes – motivos e temas – sobre a base serial, capazes de assumir funções formais perceptíveis, aptas a conduzir a escuta do ouvinte. Em seguida, fez-se estender o princípio serial à rítmica, num procedimento em que se definia uma rede de relações de proporções tomadas como referência para as decisões ao nível do ritmo. Entretanto, o deslocamento do interesse para as questões da significação musical levou à reflexão e crítica das práticas e estética baseadas na preordenação. A semantização musical passa a ser o motor primordial e principal ordenador das forças organizadoras da textura musical. Esta nova postura composicional impôs a reflexão acerca da técnica musical, e a definição de novas práticas aptas a instaurar os processos de semantização: o princípio da complementaridade cromática, os eixos cromáticos, a elaboração motívico-temática. No processo da transição estilística, na consolidação da nova postura composicional, o autor se apoiou na filosofia de Susanne K. Langer, na análise mitológica-musical de Claude Lévi- Strauss, no pensamento de Leonard Meyer. Igualmente fundamentais foram as categorizações de Jean-Jacques Nattiez, a semântica musical de Michel Imberty e a semiótica musical de Raymond Monelle.

    This Doctoral Dissertation traces the stylistic transition of this author, which coincided with the period of the doctorate. From being adept to the employment of the preordination of unorthodox techniques, especially those derived from serial techniques, this author then focused his work on musical syntax, turning to the fundamental questions of meaning in music. During this process, the contraposition between motivic-thematic development and serial techniques was experienced. The purpose was to provide structural units – motifs and themes – based on the serial techniques that could take audible formal roles, thus leading the attention of the listener. A transition was made in order to extend serial principles to the realm of rhythm, a procedure in which a defined network of relationships of proportions became referential to the decisions at the pace. However, the shift of interest to the issues of musical signification led to the critique of practical and aesthetic issues based on preordination of techniques. The musical semantization became the primary impulse behind the organizational forces of the musical texture. This new position imposed compositional reflections on the musical technique, and led to the definition of new practices that would be able to initiate the process of semantization: the principles of chromatic complementarity, chromatic axes, and motivic-thematic development. In the process of the author’s stylistic transitions and the consolidation of a new compositional approach, the philosophy of Susanne K. Langer, the mythological-musical analysis of Claude Lévi-Strauss, the writings of Leonard Meyer were instrumental. Equally decisive were the categorizations of Jean-Jacques Nattiez, the musical semantics of Michel Imberty and the musical semiotics of Raymond Monelle.

    Resumo / Abstract
  • Socialização músico-profissional nas experiências de profissionalização de duplas sertanejas : um estudo de caso com cantores da região do Triângulo Mineiro/Minas Gerais

    Autor: Jaqueline Soares Marques
    Orientador: Jusamara Vieira Souza
    Data da defesa: 26/04/2017
    Repositório: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/163931
  • Sonatina Nº 2 de Hector Tosar: uma visão histórica e analítica.

    Autor: Silvia Cristina Hasselaar
    Orientador: Profª Drª Cristina Capparelli Gerling
    Data da defesa: 20/04/2006
    Repositório: http://hdl.handle.net/10183/6411

    Este estudo focaliza, sob os aspectos históricos e analíticos, a ‘Sonatina n° 2’ de Héctor Tosar (1923-2002). Trata-se de uma obra representativa do neoclassicismo musical da década de 1950, escrita por um compositor latino-americano com formação em seu país, o Uruguai e no exterior. A análise tem como referencial teórico os pressupostos do próprio Tosar (1992) e de Joseph Straus (1990). Através da análise dos conjuntos, mostram-se a recorrência de um grupo de sons e a resultante fixação da sonoridade característica da obra.

    This paper focuses Hector Tosar’s (1923 – 2002) Sonatina No. 2 in terms of historical and analytical premisses. This work highlights the musical neoclassicism of the 1950s adopted by a Latin-American composer who studied in his country of origin, Uruguay, as well as abroad. The analysis is based on Tosar’s own concepst (1992) and those of Joseph Straus (1990). The use of set theory as an analytical tool points to the recurrences of a group of sounds that establish the characteristic sonority of the piece.

    Resumo / Abstract
  • Teoria da digitação : um protocolo de instâncias, princípios e perspectivas para a construção de um cenário digitacional ao violão

    Autor: Alisson Cardoso Monteiro Alípio
    Orientador: Prof. Dr. Daniel Wolff
    Data da defesa: 14/08/2014
    Repositório: http://hdl.handle.net/10183/103340

    Este trabalho trata da investigação dos princípios metodológicos necessários ao processo de digitação ao violão. Para tal, parâmetros digitacionais são convertidos em um protocolo de instâncias (exposição dos casos, aplicação dos comandos, avaliação das circunstâncias, gerenciamento das consequências e julgamento das condições), as quais são mediadas por princípios e circundadas por perspectivas, formando, assim, um cenário digitacional. Por meio de um processo de inferências, concluímos que a fluência sonora, independentemente de posicionamentos estéticos, é uma condição básica para uma execução satisfatória ao violão; por dedução, vimos que a capacidade de se tocar legato é o principal elemento desse ideal. Verificamos, também, que a digitação é, em termos, pessoal, pois todas as suas instâncias são de interação dialética entre sujeito e objeto; mas não completamente, pois cada instância é regida por princípios que não dizem respeito, exclusivamente, ao indivíduo. Observamos, por fim, que a construção de um cenário digitacional não é um meio de se encontrar a melhor digitação, mas sim, de buscá-la, pois o princípio básico em que ela se opera é a organização dos saberes que o executante mobiliza em seu processo.

    This work deals with the investigation of the methodological principles necessary to the process of elaborating guitar fingerings. To this end, fingering parameters are converted into a protocol of instances (exposure of the cases, application of the commands, assessment of the circumstances, management of the consequences and judgment of the conditions), which are mediated by principles and surrounded by perspectives, thus forming a fingering scenario. Through a process of inference, we conclude that the sound fluency, independently of aesthetic positioning, is a basic condition for a satisfactory performance on guitar; by deduction, we have seen that the ability to play legato is the main element of this ideal. We also verified that fingering is, in terms, a matter of personal choice because all its instances are dialectical interaction between subject and object; but not completely so, because each instance is governed by principles which do not concern exclusively the individual. We note, finally, that the construction of a fingering scenario is not a way to find the best fingering, but, to seek it, because the basic principle on which it operates is the organization of acknowledgments that the performer mobilizes in his process.

    Este trabajo se ocupa de la investigación de los principios metodológicos necesarios para el proceso de elaboración de la digitación en la guitarra. Con este fin, parámetros de digitación se convierten en un protocolo de instancias (la exposición de los casos, la aplicación de los comandos, la evaluación de las circunstancias, la administración de las consecuencias y el juicio de las condiciones), que están mediadas por principios y rodeadas de perspectivas, formando así un escenario de digitación. A través de un proceso de inferencia, llegamos a la conclusión de que la fluidez del sonido, independientemente de las posiciones estéticas, es una condición básica para una ejecución satisfactoria en la guitarra; por deducción, hemos visto que la capacidad de tocar legato es el elemento principal de este ideal. También verificamos que la digitación es, en términos, personal, porque todas las instancias son una interacción dialéctica entre el sujeto y el objeto; pero no completamente, porque cada instancia se rige por principios que no se refieren exclusivamente a la persona. Observamos, por último, que la construcción de un escenario de digitación no es una manera de encontrar la mejor digitación, sino buscarla, porque el principio básico en el que opera es la organización de los conocimientos que el intérprete moviliza en su proceso.

    Resumo / Abstract
  • The musical trajectories and professional responsibilities of five concertmasters of Brazilian Symphony Orchestras

    Autor: Timothy David Jones
    Orientador: Fredi Vieira Gerling
    Data da defesa: 05/04/2017
    Repositório: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/164583
  • Tornar-se professor de música na educação básica: um estudo a partir de narrativas de professores.

    Autor: Delmary Vasconcelos de Abreu
    Orientador: Profª Drª Luciana Marta Del Ben
    Data da defesa: 25/05/2011
    Repositório: http://hdl.handle.net/10183/31430

    Esta pesquisa teve como objetivo geral investigar como professores licenciados em outras áreas do conhecimento – Ploa se tornam professores de música na educação básica. Como objetivos específicos, busquei: compreender como esses professores se inseriram na Rede Municipal de Ensino de Sinop – Remes como professores de música;como ensinam música na escola e como se veem como professores de música na escola. O referencial teórico do trabalho está fundamentado em conceitos de profissionalização dos educadores Antonio Nóvoa e Betânia Ramalho, Isauro Núñez e Clermont Gauthier, e na perspectiva teórica – teoria ator-rede desenvolvida por Bruno Latour. Os princípios desenvolvidos por Bruno Latour complementam o conceito de profissionalização no que se refere ao aspecto do profissionismo. O método utilizado foi a abordagem biográfica, mais especificamente as narrativas. A estratégia de pesquisa utilizada foi a entrevista narrativa, denominada no trabalho como narrativas de profissionalização. O estudo foi realizado com dez professores que atuam na Remes. A análise indica que a profissionalização se constitui como uma narrativa. A narrativa de profissionalização é um processo de ações minúsculas praticadas pelos docentes no interior de seus contextos. Essas ações, que vão constituindo os professores em profissionais, são geradas pelas necessidades do contexto. Os professores constroem a sua profissionalização tecendo uma relação singular-plural com o contexto escolar. Os professores constroem modos distintos de ensinar música e criam estratégias de ação que lhes possibilitam arregimentar aliados para que continuem o seu processo de vir a ser professores de música na escola. A pesquisa contribui para que a área de educação musical possa ampliar os conceitos sobre a profissionalização de professores que atuam com o ensino de música nas escolas de educação básica. Dar visibilidade às práticas músico-educacionais vividas pelos professores no contexto escolar indica dimensões do vir a ser professor de música. Um dos caminhos que esta pesquisa aponta é que, para tornar-se professor de música na educação básica, é necessário tomar a profissionalização como uma narrativa.

    This research aimed at investigating how teachers undergraduate in other areas of knowledge become music teachers in schools of basic education. More specifically, it aimed to understand how these teachers entered in the educational municipal system of the city of Sinop, Mato Grosso, mid-western Brazil;how they teach music at schools and how they see themselves as school music teachers. The theoretical framework was constituted by the concepts of professionalization elaborated by Antonio Nóvoa and Betânia Ramalho, Isauro Núñez and Clermont Gauthier and the theoretical perspective – actor-network theory developed by Bruno Latour, whose principles complement the concept of professionalization. The research adopted a biographical approach, specifically that of the narratives. The research technique used was the narrative interview, called as narratives of professionalization. The study was carried out with ten teachers of the municipal system of Sinop. The analysis indicates that the professionalization is constituted as a narrative. The narrative of professionalization is a process constituted by narrow actions carried out by the teachers in the contexts where they work. These actions, which constitute the teachers as professionals, are generated by the needs of the context. The teachers build their professionalization through weaving a singular-plural relationship with the school context. They elaborate distinct modes of teaching music and create strategies for action that allows them to gather allies to continue their process of becoming music teachers at school. The research contributes to the field of music education through broadening the concepts about the professionalization of teachers who work with music education in the schools. Furthermore, the process of making visible the practices of music education lived by the teachers in the school context indicates dimensions of how one comes to be a music teacher. The research concludes that, in order to become a music teacher in the school of basic education, it is necessary to conceive, and to live, the professionalization as a narrative.

    Resumo / Abstract
Página 10 de 11« Primeira...7891011