Fontes de Financiamento

As seguintes fontes financiadoras públicas e privadas apoiam o PRODAH no corrente ano:

Ambulatório de TDAH da Infância e Adolescência

1) Fontes públicas:

a) Fundo de Incentivo a Pesquisa (FIPE) do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA):
– Consultoria estatística;
– Complementação de verba para pesquisa.

b) CNPq:
– bolsas de iniciação científica; 
– bolsa de produtividade em pesquisa para o coordenador do grupo; 
– adicional de bancada.

c) CAPES: 
– 1 bolsa de doutorado para pesquisador do programa;
– 1 bolsa de mestrado para pesquisador do programa.

d) UFRGS-PROPESQ:
– 1 bolsa de iniciação científica.

e) FAPERGS:
– 1 bolsa de iniciação cientifica.

2) Fontes Privadas:

a) Janssen-Cilag do Brasil:
– Verbas de pesquisa;
– Verba para evento anual do PRODAH;
– Verba para aquisição de material de consumo e pagamento de pessoal do programa;
– Verba para viajem a congresso nacional de 1 membro do programa; 
– Verba para viajem a congresso internacional de 1 membro do programa (compartilhada com a NOVARTIS, Eli-Lilly e Shire).

b) NOVARTIS:
– Verba para evento anual do PRODAH;
– Verba para aquisição de material de consumo e pagamento de pessoal do programa;
– Verba para viajem a congresso nacional de 1 membro do programa; 
– Verba para viajem a congresso internacional de 1 membro do programa (compartilhada com a Jansen-Cilag, Eli-Lilly e Shire).

c) Shire Farmaceutica Ltda 
– Verba para evento anual do PRODAH;
– Verba para aquisição de material de consumo e pagamento de pessoal do programa;
– Verba para viajem a congresso nacional de 1 membro do programa; 
– Verba para viajem a congresso internacional de 1 membro do programa (compartilhada com a Jansen-Cilag, Eli-Lilly e NOVARTIS).
 

Ambulatório de TDAH de Adultos

Fontes Públicas:

a) Fundo de Incentivo a Pesquisa (FIPE) do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA):
– verba para pagamento das consultas.

b) CAPES:
– 01 bolsa de doutorado e 01 bolsa de mestrado para pesquisadores do programa.