Foto: DDC
Notícia 26 novembro, 2018

12 horas de programação contínua marcam Dia da Cultura na UFRGS

O Departamento de Difusão Cultural (DDC) realizou, neste sábado (24), a primeira edição do Dia da Cultura na UFRGS, evento com atividades artísticas e culturais das 12h às 24h. O dia, que começou chuvoso, aos poucos deu espaço para o público chegar e aproveitar os espetáculos, oficinas, performances e sessões de cinema no Campus Centro da UFRGS.

A Pró-Reitora de Extensão, Sandra de Deus, explicou a relação entre o evento e a Extensão: “a presença de inúmeras pessoas aqui que não são ligadas à Universidade e outras tantas que são num dia em que são feitas muitas apresentações culturais que se voltam para sociedade de Porto Alegre, essa é uma atividade de extensão”.

No térreo do Centro Cultural, entre outros projetos, estava presente a feira de artes gráficas Papelera. O engenheiro de energia Pedro Gomes Spohr participa do grupo produzindo fotografias em infravermelho. Na época em que foi estudante na UFRGS, não existia este tipo de evento cultural. “Pela primeira vez parece que tem um movimento de união para se fazer algo maior”, afirmou. Próximo à entrada do Centro Cultural, o programa de Extensão Horticultura Urbana estava doando e vendendo mudas de plantas e explicando o funcionamento da árvore de Natal composta por garrafas PET com cultivo de alfaces hidropônicas. O biólogo e idealizador da árvore, Wagner Dutra Pinheiro, destacou a curiosidade do público: “a primeira coisa que chama a atenção é como o sistema funciona em si porque o pessoal achava que nós íamos trazer as plantas colhidas e não que essas alfaces estariam vivas e crescendo”.

A médica veterinária e doutoranda em Ciências Veterinárias pela UFRGS Lucía Cano Ortiz faz parte do Coral da UFRGS, que se apresentou no saguão da Reitoria no início da tarde. Para ela, o evento permitiu uma maior interação. “Eu acho bem importante promover esse tipo de atividade para não ficar só na parte acadêmica, e nós podermos conhecer pessoas de outras áreas e de outros grupos artísticos”, ressaltou. O projeto Slack Sem Fronteiras também esteve presente no Dia da Cultura através dos educadores sociais Maria Eduarda Magalhães e Gerson Almeida de Almeida. A dupla realiza oficinas de slackline em projeto sociais. Maria Eduarda defendeu a importância da presença na UFRGS: “é totalmente incrível, é uma universidade federal, é um centro de cultura e ensinamento”.

Para Sandra de Deus, pretende-se levar o evento adiante. “Eu diria que nós já temos que começar a pensar numa outra oportunidade igual a esta, porque, se a sociedade veio e se encantou com o que aconteceu, ela vai cobrar que outras atividades como essa aconteçam também”, esclareceu.

Share this:

Notícias relacionadas:

Av. Paulo Gama, 110 - Reitoria, 5° andar - Bairro Farroupilha - Porto Alegre - Rio Grande do Sul - CEP: 90040-060

divulgacao@prorext.ufrgs.br - +55 51 3308.3374 (Atendimento: 9h-12h e 14h-17h30)