Foto: Mariana Alves - Centro Cultural da UFRGS
Notícia 28 setembro, 2018

Centro Cultural oferece primeira oficina aberta ao público

O Centro Cultural da UFRGS ofereceu, na quarta-feira (26), sua primeira oficina gratuita e aberta ao público. Realizada em parceria com o Instituto de Artes da UFRGS, a Oficina de Aquarela para Iniciantes foi ministrada pela professora Laura Castilhos, que se dedica principalmente à técnica de Aquarela e tem realizado exposições no Brasil e outros países, entre eles, Espanha, Inglaterra e Guatemala.

A abertura da atividade foi realizada pela Vice-Pró-Reitora de Extensão, Cláudia Aristimunha, e pela diretora do Centro Cultural, Carla Bello. Elas destacaram a importância das parcerias para que possam ser oferecidas atividades gratuitas e de qualidade. Durante a Oficina, os participantes puderam conhecer os tipos de papel e de tintas, as diferentes possibilidades de misturas de cores e as técnicas mais adequadas e utilizadas, além do trabalho de diversos artistas. Foram experimentadas técnicas como as de úmido sobre úmido e realizados experimentos com sal para trazer textura aos desenhos.

Para a ministrante da Oficina, Laura Castilhos, o interesse pela Aquarela é muito grande por ser uma técnica que demanda tempo, mas é muito prazerosa. “No primeiro exercício que dei, eu vi que os alunos ficariam ali por horas”, afirmou. Ela acredita que a Aquarela promove um envolvimento muito grande entre a técnica e quem a pratica. “Faz a gente meditar um pouco, corta um pouco com tudo que está acontecendo, com todo o entorno.”

Wagner dos Santos Alves, 25 anos, participante da Oficina, é inscrito no programa Cadastro Único do Governo Federal, voltado a famílias brasileiras em situação de pobreza e extrema pobreza. Ele fez faculdade de Gastronomia e ficou sabendo da Oficina através de um amigo. “Quando eu era mais novo, eu dançava, sempre gostei de assistir teatro. Eu sou uma pessoa que faz parte do CadÚnico e que gosta disso, e acho que não é uma coisa comum”, disse. “Essas coisas, o ProUni, o CadÚnico, a Identidade Jovem, fazem uma diferença. O fato de o Centro estar aberto para isso, eu acho fantástico”, completou.

Carla Bello explicou que todas as atividades promovidas pelo espaço contarão com uma cota de 50% das vagas destinadas a grupos em situação de baixa renda ou de vulnerabilidade social, e para idosos e portadores de deficiências. “Queremos que o Centro se torne um espaço de todos e todas, e que atraia para a Universidade pessoas que normalmente não teriam acesso a esse tipo de atividade”, complementou. Wagner foi um dos contemplados com vaga para a Oficina de Aquarela nesta cota.

Serão oferecidas outras turmas das Oficinas de Aquarela para crianças (entre 7 e 12 anos), nos dias 26 de outubro e 14 de dezembro, e de Aquarela para iniciantes (a partir de 13 anos), no dia 23 de novembro. O Centro Cultural está promovendo também outras atividades abertas ao público, entre elas, as oficinas de Escrita Criativa, realizadas em parceria com o Instituto de Letras da UFRGS, que ocorrem entre os meses de setembro e dezembro, com inscrições já encerradas. A programação pode ser acompanhada na página do Centro Cultural no Facebook.

Share this:

Notícias relacionadas:

Av. Paulo Gama, 110 - Reitoria, 5° andar - Bairro Farroupilha - Porto Alegre - Rio Grande do Sul - CEP: 90040-060

divulgacao@prorext.ufrgs.br - +55 51 3308.3374 (Atendimento: 9h-12h e 14h-17h30)