Notícia 14 dezembro, 2015

Coletânea de livros e manual resgatam o lado humano da reciclagem

Confira as fotos do lançamento

Composta por três livros, a coletânea reúne textos, ensaios, artigos e diários dos autores e extensionistas Fernando Freitas Fuão (professor da Faculdade de Arquitetura da UFRGS), Pedro Figueiredo (educador popular) e Bruno Cesar Euphrasio de Mello (arquiteto e urbanista formado pela UFRGS). “Memórias dos Profetas”, de Pedro Figueiredo, “Diários Messiânicos: cotidiano de uma experiência de extensão universitária”, de Bruno de Mello registram, em forma de diário, fatos do cotidiano em coletivos de recicladores. Já “Lixivia (i)mundi”, de Fernando Freitas Fuão, reúne reflexões relacionadas à temática do lixo, aos moradores de rua, aos galpões de reciclagem e associações de reciclagem. Alguns fragmentos da coleção fizeram parte do blog Inscritos no Lixo.

Destinado a recicladores, educadores populares, prefeituras, técnicos ambientalistas, ONGs e demais interessados, o manual “Como construir e reformar um galpão de reciclagem” reúne critérios básicos para projetar um Galpão de Triagem de Resíduos Sólidos, assim como para reformar um existente.

O lançamento das obras ocorreu na manhã desta segunda-feira (14 de dezembro), na Sala II do Salão de Atos, e contou com a presença dos autores, da Diretora do Departamento de Educação e de Desenvolvimento Social, Rita Camisolão, e da Pró-Reitora de Extensão da UFRGS, Professora Sandra de Deus.

Durante o evento de lançamento, os três autores conversaram com o público. Em sua fala, Fernando Freitas Fuão destacou que os livros lançados são frutos de mais de uma década de trabalho e não teriam sido possíveis sem o auxílio dos bolsistas de extensão, aos quais agradeceu nominalmente. O professor também reiterou o apoio da PROREXT, em especial do DEDS, para a realização do projeto e das obras, e o papel da universidade em ‘buscar a rua’, as mudanças sociais, trazendo-as para dentro do ambiente acadêmico. Bruno de Mello ressalvou que, embora a universidade seja vista por algumas pessoas como “autoridade do saber”, a interação com a sociedade prova o contrário: são os estudantes, técnicos e professores participantes dos projetos aqueles que mais aprendem com as comunidades. Complementando a fala do arquiteto e urbanista , o educador popular Pedro Figueiredo afirmou que a Universidade sozinha não produz o saber: esse só se constrói através do encontro radical com os saberes populares e a sociedade.

Junto com a coletânea de livros foi lançado também o manual “Construir e reformar um Galpão de Reciclagem”, organizada pelo Prof. Fernando Fuão. Dividido em três partes (“Espaços de Reciclagem”, “Espaços Socioculturais” e “Gestão do Galpão”), o manual é fruto de doze anos de pesquisa e de experiências pelos galpões de Porto Alegre e é destinado todos interessados.

A distribuição dos livros e do manual é gratuita. Interessados devem entrar em contato diretamento com o Prof. Fernando Fuão através do e-mail: fuao@ufrgs.br

Share this:

Notícias relacionadas:

Av. Paulo Gama, 110 - Reitoria, 5° andar - Bairro Farroupilha - Porto Alegre - Rio Grande do Sul - CEP: 90040-060

divulgacao@prorext.ufrgs.br - +55 51 3308.3374 (Atendimento: 9h-12h e 14h-17h30)