UFRGS

Instituto de Psicologia

Laboratório de Psicanálise e Aprendizagem

 

 

 

 

 

 

 

LABORATÓRIO DE PSICANÁLISE E APRENDIZAGEM

 

 

Situado no Programa de Pós-Graduação em Psicologia do Desenvolvimento da UFRGS. O LPA reúne, sob a direção do Prof. Dr. José Luiz Caon, pesquisadores deste programa e colaboradores oriundos de outros programas, universidades e instituições.

Os objetivos do LPA são os seguintes: acolhimento, acompanhamento e realização, em interdisciplinaridade, transdisciplinaridade e interinstitucionalidade, de estudos,  pesquisas e tratamentos do psicopatológico, no campo da Psicopatologia Elementar, das Metapsicopatologias e da Psicopatologia Fundamental.

As principais atividades do laboratório, no ano de 2003, são:

1) manutenção de atividade semanal, com a presença dos professores pesquisadores, alunos de doutorado, mestrado, da graduação e outros participantes;

2) manutenção de atividade semanal do Seminário Aberto, Público, Gratuito e Laico (SAPGL), oferecido aos interessados, da Universidade e da Comunidade, onde se acompanha a pesquisa em andamento do Prof. Dr. José Luiz Caon e dos participantes do LPA.

 

Nos encontros do SAPGL, seu diretor apresenta, semanalmente, o andamento de suas investigações na clínica psicanalítica e no campo das aprendizagens. Nos encontros semanais do LPA, os mestrandos e doutorandos e todo outro participante realizam exposições sobre o andamento de suas pesquisas numa situação de diálogo e cooperação.

 

O LPA realiza também simpósios e colóquios interuniversitários com a participação de convidados para a discussão de diversos temas que interessam à pesquisa psicanalítica.

 

O LPA oferece ainda as seguintes atividades:

 

·       Parcerias com instituições, mediante a atividade de Apresentação Psicanalítica de Pacientes, a qual integra a Direção Psicanalítica da Iniciação e Aprofundamento Científico de Estudos e Pesquisas do Psicopatológico;

·       Participação no Curso de Graduação em Psicologia, mediante a atividade de aprendizagem nas disciplinas de Psicopatologia I e II; 

·       Parceria com o ensino de extensão;

·       Intercâmbio com o grupo de trabalho "Pesquisa em Psicanálise" da ANPPEP;

·        Intercâmbio com a Associação Universitária de Pesquisas em PsicopatologiaFundamental           http://www.psicopatologiafundamental.org

·       manutenção da Mars Gradivus, uma revista virtual para divulgação dos trabalhos de seus membros.

·       Manutenção de fóruns de discussão na Internet: 

 

1.     O forum de Psicopatologia no Yahoo Grupos.   Com inscrições através de mensagem para:

 

psicopatologia_ufrgs-subscribe@yahoogrupos.com.br

2. O for-chat do LPA:

http://www.lelic.ufrgs.br/psicanalise/forum/login.htm

 

3. O for-chat de Psicopatologia

http://www.lelic.ufrgs.br/psicopatologia/forum/login.htm

 

O for-chat é uma ferramenta de educação à distância criada pela equipe de pesquisadores do LELIC-FACED-UFRGS.

Para participar do for-chat de Psicopatologia, enviar e-mail para mdagord@terra.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

MARS GRADIVUS

 

 

Revista virtual do LPA

 

 

A Pesquisa Psicanalítica avança. E seus avanços são comunicados pelo gênero do ensaio. O ensaio é uma forma de combate, que não se assemelha à guerra, mas retira de Mars Gradivus, o deus romano equivalente do deus grego Ares, a figura daquele que vai batalhar com suas idéias. Mars Gradivus é uma revista eletrônica cujo objetivo maior é a divulgação das pesquisas realizadas no Laboratório de Psicanálise e Aprendizagem da UFRGS. Os membros do laboratório comparecem nas modalidades de doutor, doutorando, mestre, mestrando e colaboradores que participam de suas reuniões semanalmente e se inscrevem com uma proposição de pesquisa ligada ao tema da metapsicopatologia.

       

Os artigos reunidos em Mars Gradivus seguem o roteiro do ensaio como forma de vida.

 

O ensaio é um gênero literário dissertativo:

 

·        oposto à monografia porque se estrutura a partir de um leque de temas;

·        oposto ao tratado porque não é exaustivo;

·        oposto à tese porque não é conclusivo;

·        oposto à crônica porque apresenta idéias abertas e não intimistas.

 

O ensaio, como Mars Gradivus, é desbravador:

 

·        combativo na ocupação de novos espaços do conhecimento;

·        afirmativo na forma de exposição;

·        inventivo na articulação dos temas;

·        referente na aceitação, convidando os leitores e interlocutores a tomar posições diferenciadas perante o texto.

 

 

Mars Gradivus

 

 

 

ANO I                      NÚMERO 1  
 
                 2002

 

 

 

Borges, Bento Itamar. O (mau) gosto e o grotesco.

 

Caon, José Luiz. Pesquisas psicológicas e pesquisa psicanalítica.

 

D’Agord, Marta. Psicanálise das aprendizagens: argumentos 2002.

 

Flores, Jorge. Rede de sentido-significação e rede de causalidade.

 

Iribarry, Isac Nikos. A Pesquisa Psicanalítica como ciência independente.