aula O Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva realizou, no dia 15 de abril, a Aula Magna: “Por que fazer Pesquisa em Epidemiologia?” com a presença da professora Stela Nazareth Meneghel, do professor Ricardo Burg Ceccim e do convidado especial Dr. Cesar Gomes Victora,  Médico (UFRGS, 1976) Professor Emérito de Epidemiologia (UFPEL) PhD em Epidemiologia da Assistência Médica pela Escola de Higiene e Medicina Tropical da Universidade de Londres (1983). Pesquisador/consultor (OMS) e UNICEF.

Formado como Médico há quarenta anos, Victora desenvolve pesquisas no campo da Epidemiologia a trinta e três anos e, em aproximadamente quarenta  minutos de apresentação, enriqueceu maravilhosamente a Aula Magna com as construções de suas pesquisas, artigos e experiências obtidas em mais de cento e quarenta países ao redor do mundo. Caracterizando a Epidemiologia como um campo de pesquisas, controle e prevenção da saúde da população e monitoramento de possíveis doenças, ele ainda afirma que este campo é capaz de solucionar outros problemas e situações como a erradicação da pobreza e a identificação dos grupos e subgrupos de risco em determinados territórios.
aula-3
Victora destacou em sua apresentação que, embora a Epidemiologia esteja desenvolvendo-se cada vez mais  dentro da Saúde Coletiva tanto em termos quantitativos e qualitativos, um dos desafios do campo é a linguagem  que tem sido utilizada pelos pesquisadores, pois o campo tem incorporado as mais diversas complexidades daquilo que se entende por saúde e tem sido difícil expressar não somente para os profissionais, mas para a  população os resultados das pesquisas em uma linguagem mais compreensível.

aula-2
Como vantagens da Pesquisa em Epidemiologia, Victora falou sobre a capacidade que o profissional e pesquisador têm de identificar as reais necessidades da população, realizar as mudanças sociais, acabar com as discrepâncias entre a população e participar da criação de programas para suprir as carências que impactam na saúde da população.

aula-4

Escrito por Francyne da Silva.
Fotos: RWS UFRGS/ Rossana Mativi.