Salão UFRGS 2022: A produção do conhecimento no reencontro

Foto: Gustavo Diehl

O Salão UFRGS 2022 será realizado entre os dias 26 e 30 de setembro em formato híbrido. Será uma semana intensa de contato com as diversas ações que fazem parte da dinâmica da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Depois de duas edições no formato online [2020-2021], a novidade neste ano é a volta do evento para o Campus Centro da Universidade, que recebeu o Salão pela última vez em 2013.

O tema da edição deste ano é REENCONTROS, NOVOS ESPAÇOS E OPORTUNIDADES, reunindo a produção do conhecimento na perspectiva do retorno das atividades presenciais. Coordenador do Salão UFRGS e pró-reitor de Pesquisa, José Antonio Poli de Figueiredo indica que o evento “é uma oportunidade de crescimento pessoal, interação com a comunidade, e o apontamento das oportunidades que a tríade ensino, pesquisa e extensão podem proporcionar à sociedade”. Leia a apresentação da temática 2022.

Eventos simultâneos

O Salão UFRGS é realizado estruturalmente pelos eventos simultâneos: 18.º Salão de Ensino, 34.º Salão de Iniciação Científica, 23.º Salão de Extensão, 12.ª Feira de Inovação Tecnológica (Finova), 9.º Salão Edufrgs e 17.º UFRGS Jovem. As formas de apresentação dos trabalhos e os regulamentos devem ser consultados nos sites específicos de cada um dos eventos paralelos.

Neste ano, as inscrições em cada salão também possuem prazos específicos. Nesta quarta-feira, dia 15 de junho, começa o prazo para o Salão de Ensino e o Salão Edufrgs. Ainda em junho, no dia 23, começa o período de inscrições para o Salão de Iniciação Científica (SIC). No mês de julho, iniciam-se as inscrições para a Finova e o Salão de Extensão, respectivamente nos dias 1.º e 18. Por fim, em 1.º de agosto, serão recebidas as submissões para o Salão UFRGS Jovem.

Em breve serão divulgadas a programação completa e a lista de palestrantes do evento. “Será um evento pautado na alegria, ao mesmo tempo em que terá profundidade, reflexão e debates da atualidade, como deve ser a construção do conhecimento”, explica o coordenador do Salão.