Antropologia do Software Livre

Antropologia do Software Livre

Palestra “Revoluções Silenciosas: O Irônico Surgimento do Software Livre
e de Código Aberto e a Construção de uma Consciência Legal Hacker” da
antropóloga Gabriella Coleman, professora da New York University (NYU).

Promoção:
Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social
http://www.ufrgs.br/ifch/ppgas
Disciplina de Direito e Sociedade, Professora Ondina Fachel Leal
Núcleo de Antropologia da Propriedade Intelectual
http://www.ufrgs.br/antropi

Quando: Sexta-feira, dia 13 de junho de 2008, 9h
Onde: Porto Alegre – Auditório do ILEA, Campus do Vale – UFRGS
Entrada: Gratuita
Transmissão: http://tv.softwarelivre.org

A palestra oferece uma análise antropológica e histórica do
surgimento da comunidade de software livre e de código aberto,
procurando mostrar como, ao longo de duas décadas, hackers e entusiastas
do software livre garantiram para si um domínio de autonomia legal para
a produção de software. Em uma época marcada por profundas
transformações no regime de Propriedade Intelectual, a comunidade de
software e de código aberto se organiza cultivando uma acentuada
consciência das transformações no âmbito legal. O objetivo da palestra é
o de demonstrar como e quando se cruzaram as trajetórias parcialmente
independentes das transformações nas leis de propriedade intelectual com
a consolidação do “movimento” de software livre, para se tornarem
histórias inseparáveis voltadas à disputa pelo futuro das tecnologias –
especialmente o computador pessoal e a Internet. Com este foco, será
discutida uma nova prática social de produção de tecnologia que fornece
uma nova visão de mundo insurgente e que desafia as justificativas
neoliberais que animam a expansão das leis de propriedade intelectual.
Nesta discussão, ao invés de oferecer histórico abrangente, serão
apresentados exemplos selecionados da história do movimento de software
livre e da globalização das leis de propriedade intelectual, com vistas
à caracterização da prática de produção, distribuição e utilização de
Software Livre e de Código aberto nos Estados Unidos.

Gabriella Coleman é uma antropóloga que estuda o papel do direito e das
novas tecnologias na extensão de valores liberais e sustentação de novas
formas de ativismo político. Entre 2001-2003 ela conduziu estudo
etnográfico sobre hackers primeiramente e sobre o projeto Debian
http://www.debian.org/intro/about.pt.html. Em 2005-2006 ela foi membro
do “Center for Cultural Analysis” da Universidade Rutgers e ano passado
realizou um pós-doutorado na Universidade de Alberta. Ela está
trabalhando no livro “Coding Liberal Freedom: Hacker Pleasure and the
Ethics of Free and Open Source Software” e está iniciando um novo
projeto sobre o ativismo na internet de sobreviventes de instituições
psiquiátricas. Ela já foi premiada com muitos prêmios e recursos para
pesquisa, dentre eles o da National Science Foundation, da Woodrow
Wilson Foundation e do conselho de Pesquisa em Ciências Sociais.

Blog da antropóloga Gabriella Coleman http://www.healthhacker.org/satoroams

Atualização: O novo domínio da Gabriella é http://gabriellacoleman.org.

Autor: admin

Professor da disciplina Software Livre na Educação, da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.