Essa atividade, mais uma das propostas da discilpina Software Livre na Educação, começou antes do que geralmente vinha acontecendo desde o início do semestre. Começou na tarde de quinta-feira, quando algumas horas antes da aula, eu, monitor e o professor Paulo nos juntamos para planejar a atividade da noite. A proposta era trabalhar o uso do software TUX Paint, de desenho para crianças e adultos. Iniciamos com a leitura de uma reportagem concedida por Bill Kendrick, criador do software.

http://atividadesnotuxpaint.files.wordpress.com/2011/05/11.png

A leitura foi importante, e a partir dela começamos a elaborar um planejamento de oficina, que foi uma fusão de propostas e conhecimentos da psicologia, das artes, da pedagogia e do software livre.

Iniciamos com uma atividade de desenho manual, onde a proposta foi desenhar algo que remetesse á infância. Algo que desenhávamos ou desenharíamos quando tínhamos 10 anos. O objetivo dessa proposta é mais simples do que parece: ao desenhar algo com alusão à sua própria infância, dificilmente alguém se sentiria inibido por ter limitações técnicas para desenhar. Pode-se entender como uma proposta inclusiva, nascida de uma reflexão fruto da experiência pedagógica e psicológica do professor Paulo. De fato todos sentiram-se à vontade para desenhar.

Depois dialogamos sobre softwares de desenho e edição gráfica, partindo de perguntas geradoras pensadas perviamente e partimos para as atividades de desenho virtual utilizando o TUX Paint. Além de criações livres e de exploração dos recursos disponíveis no software, foi proposto à turma que tentassem replicar o desenho feito manualmente no computador, atividade que desafiou e mobilizou à turma. Eu e o professor prestávamos auxílio e incentivávamos ao grupo que utilizassem outras ferramentas disponíveis no programa que permitem aplicar diferentes efeitos visuais.

Ao final compartilhamos com o grupo nossas criações, nossas dificuldades, nossas aprendizagens e salvamos os desenhos criados. A proposta é que em breve sejam publicados nos blogs criados por cada aluno.

Saudações livres e boa semana.