Lançamento do protocolo de encaminhamento para Tratamento da Dor

15/06/2020

O documento contempla as principais condições clínicas que demandam encaminhamento para a especialidade Tratamento da Dor. Entre as citadas, encontram-se a fibromialgia, dores crônicas na coluna, dores neuropáticas e dores oncológicas. O material também apresenta quadros de apoio com os critérios de diagnóstico, manifestações clínicas do paciente e possíveis tratamentos para as condições.  

O protocolo enfatiza que pacientes com dor oncológica, dor do membro fantasma, síndrome complexa regional, dor central, neuralgia do trigêmeo, avulsão de plexo, anemia falciforme ou transtorno de uso de opioides devem ter preferência no encaminhamento ao Tratamento da Dor, quando comparado com outras condições clínicas.

O TelessaúdeRS-UFRGS desenvolve os protocolos em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul. O material busca auxiliar médicos da APS a determinarem se o paciente necessita do encaminhamento para o especialista e a definirem a prioridade deste encaminhamento. 

Clique aqui para acessar

No site do TeleRS podem ser encontrados protocolos de diferentes especialidades, acesse aqui

 

Com dúvida clínica?

conheça nossa teleconsultoria

Essa resposta foi gerada a partir de uma da mais de 100 mil teleconsultorias realizadas por nós atráves do 0800 644 6543, canal gratuito para resolução de dúvidas de profissionais da saúde de todo o Brasil.

+ Lidas

acessar todas

Avaliação das Evidências Científicas sobre o uso de Hidroxicloroquina/Cloroquina como terapia específica para COVID-19