O que é puberdade precoce e como deve ser feita a investigação?

Publicado em 02/03/2018

Puberdade precoce é o início do desenvolvimento de características sexuais secundárias antes da idade esperada. O diagnóstico é feito pelo exame físico através do estadiamento puberal (estágios de Tanner). Os pontos de corte utilizados são:

  • meninas:
    – surgimento de broto mamário (telarca) ou pelos pubianos (pubarca) antes dos 8 anos; ou
    – sangramento menstrual (menarca) antes de 9 anos de idade.
  • meninos:
    – aumento do volume testicular (≥ 4 ml de volume ou ≥ 2,5 cm no maior diâmetro); ou
    – pelos pubianos (pubarca) antes dos 9 anos.

Quadro 1   – Estágios de Tanner (estágios de maturação sexual)

Imagem_pds_Maturacao_sexual
TelessaúdeRS-UFRGS (2018)

O aumento da velocidade de crescimento (revisar medidas prévias, atentar para “cruzamento de percentis” para cima) e progressão dos caracteres sexuais secundários são outras manifestações dessa condição de saúde. Além disso, o acompanhamento dos pacientes é fundamental, documentando a progressão da puberdade (mudança dos estágios de Tanner) e crescimento pondero-estatural a cada 3 a 6 meses, uma vez que parte dos pacientes apresentará puberdade de progressão lenta ou até mesmo a não progressão do quadro.

A investigação da puberdade precoce tem como objetivo inicial diferenciar a puberdade precoce dependente das gonadotrofinas (central – com aumento de LH e FSH) da puberdade precoce independente das gonadotrofinas (periférica – sem aumento de LH e FSH). Portanto, os pacientes com evidência clínica de puberdade precoce, conforme os critérios acima especificados, devem realizar os seguintes exames iniciais:

  • LH, FSH, estradiol (meninas), testosterona total (meninos);
  • Raio-X de idade óssea de mão e punho;
  • Ultrassonografia pélvica com doppler de artérias uterinas (meninas). Esse exame deve aferir o diâmetro uterino, volume uterino, relação colo uterino/corpo e volume ovariano.

Pacientes com puberdade precoce têm indicação de encaminhamento para endocrinologia pediátrica.

Um dos diagnósticos diferenciais mais comuns da puberdade precoce é a pubarca precoce isolada (também chamada de adrenarca precoce), definida pelo surgimento de pelos pubianos e odor androgênico, porém sem telarca, crescimento testicular ou aumento da idade óssea. Apesar de ser uma condição benigna, o encaminhamento para endocrinologia pediátrica também está indicado, pois uma parcela desses pacientes pode progredir para puberdade precoce.

 

Teleconsultoria respondida por:
Juliana Keller Brenner, Médica Endocrinologista – http://lattes.cnpq.br/8735366974534930
Juliana Nunes Pfeil, Médica de Família e Comunidade – http://lattes.cnpq.br/0825312213168769
Revisão:
Dimitris Rados, Médico Endocrinologista – http://lattes.cnpq.br/7628808463309437
Elise Botteselle de Oliveira, Médica de Família e Comunidade – http://lattes.cnpq.br/8444756167343059

 

Referências:

AGOSTINHO, M. R.; ROMAN, R. (Org). Protocolo de endocrinologia pediátrica [Internet]. Porto Alegre: TelessaúdeRS-UFRGS, 2018. Disponível em: <https://www.ufrgs.br/telessauders/documentos/protocolos_resumos/protocolos_encaminhamento_endocrinologia_pediatricaTSRS20180209_v001.pdf>. Acesso em: 1º mar. 2018.

BIRO, F. M.; CHAN, YM. Normal puberty [Internet]. Waltham (MA): UpToDate, 2018. Disponível em:<https://www.uptodate.com/contents/normal-puberty>. Acesso em: 1º mar. 2018.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Protocolo de diretrizes terapêuticas: puberdade precoce central. Brasília: Ministério da Saúde, 2017. Disponível em:<http://portalarquivos2.saude.gov.br/images/pdf/2014/abril/02/pcdt-puberdade-precoce-central-livro-2010.pdf>. Acesso em: 1º mar. 2018.

DYNAMED PLUS. Record n. 114717, Precocious puberty [Internet]. Ipswich (MA): EBSCO Information Services, 2018. Disponível mediante senha e login em:<http://www.dynamed.com/topics/dmp~AN~T114717/Precocious-puberty>. Acesso em: 1º mar. 2018.

HARRINGTON, J.; PALMERT, M. R. Definition, etiology, and evaluation of precocious puberty [Internet]. Waltham (MA): UpToDate, 2018. Disponível em: <https://www.uptodate.com/contents/definition-etiology-and-evaluation-of-precocious-puberty>. Acesso em: 1º mar. 2018.

KAPPY, M. S.; ALLEN, D. B.; GEFFNER, M. E (Ed.). Pediatric practice: endocrinology. 2nd ed. New York: McGraw-Hill, 2014. p. 101-116.

 

 

Gostou do Nosso Conteúdo? Compartilhe com seus contatos:

Notícias Relacionadas