Quais são as contraindicações das vacinas contra COVID-19 em uso no Brasil?

As contraindicações descritas à sua aplicação são [1]:

  • hipersensibilidade ao princípio ativo ou a qualquer um dos excipientes da vacina (ver quadro 1);  
  • reação anafilática confirmada a uma dose anterior de uma vacina contra COVID-19;
  • para a vacina COVID-19 (recombinante) – AstraZeneca, acrescenta-se a seguinte contraindicação: pacientes que sofreram trombose venosa e/ou arterial importante em combinação com trombocitopenia após vacinação com qualquer vacina para a COVID-19;
  • para as vacinas COVID-19 recombinantes dos fabricantes AstraZeneca e Janssen, acrescenta-se a seguinte contraindicação: pessoas com histórico de síndrome de extravasamento capilar.

Quadro 1. Composição das vacinas contra COVID-19 disponíveis no Brasil.

Vacina Coronavac (adsorvida / inativada) [2] >AstraZeneca (recombinante) [3] Pfizer (mRNA) [4] Janssen (DNA recombinante) [5]
Composição Composição por dose de 0,5mL Composição por dose de 0,5mL Composição por dose de 0,3mL Composição por dose de 0,5mL
Componente ativo 600 SU do antígeno do vírus inativado SARS-CoV-2. 5 × 1010 partículas virais (pv) de vetor adenovírus recombinante de chimpanzé, deficiente para replicação (ChAdOx1), que expressa glicoproteína SARS-CoV-2 Spike (S). Produzido em células renais embrionárias humanas (HEK) 293 geneticamente modificadas. ComirnatyTM é composto de RNA mensageiro (mRNA) de cadeia simples com estrutura 5-cap altamente purificado, produzido usando transcrição in vitro sem células a partir dos modelos de DNA correspondentes, codificando a proteína S (spike) do coronavírus 2, vírus da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS-CoV-2). Adenovírus tipo 26, que codifica a glicoproteína spike SARS-CoV-2* (Ad26.COV2-S), não inferior a 8,92 log10 unidades infecciosas (Inf.U).
*Produzido na linha celular PER.C6 TetR e por tecnologia de DNA recombinante.
Excipientes Hidróxido de alumínio, hidrogeno-fosfato dissódico, di-hidrogeno-fosfato de sódio, cloreto de sódio, água para injetáveis e hidróxido de sódio para ajuste de pH. Não contém conservantes. L-Histidina, cloridrato de L-histidina monoidratado, cloreto de magnésio hexaidratado, polissorbato 80, etanol, sacarose, cloreto de sódio, edetato dissódico di-hidratado (EDTA) e água para injetáveis. Edi-hexildecanoato de di-hexilaminobutanol, ditetradecilmetoxipoli- etilenoglicolacetamida, levoalfafosfatidilcolina distearoila, colesterol, sacarose, cloreto de sódio, cloreto de potássio, fosfato de sódio
dibásico di-hidratado, fosfato de potássio monobásico, água para injetáveis.
Hidroxipropil- betaciclodextrina, ácido cítrico monoidratado, etanol*, ácido clorídrico, polissorbato 80, cloreto de sódio, hidróxido de sódio, citrato trissódico di-hidratado e água para injetáveis.
*Cada dose (0,5 mL) contém aproximadamente 2 mg de etanol.
Fonte: Dizeres… (2021), Ministério da Saúde (2021), COVID-19… (2021) e Wyeth Indústria Farmacêutica Ltda (2021) [2,3,4,5].

As vacinas contra a COVID-19 atualmente disponíveis no Brasil não utilizam ovo ou gelatina para sua produção e, portanto, pessoas com alergia a esses componentes não têm qualquer contraindicação ou precaução à vacinação. As rolhas dos frascos das vacinas COVID-19 não são feitas com látex de borracha natural, e não há contraindicação ou precaução à vacinação para pessoas com alergia ao látex [6]. Entretanto, alguns componentes são classificados como potenciais alérgenos. O polietilenoglicol (PEG) é um ingrediente das vacinas de mRNA COVID-19 e o polissorbato 80 é um ingrediente da vacina Janssen COVID-19 e da vacina Astrazeneca [6,7]. Portanto, a alergia ao polissorbato conhecida é uma contraindicação para as vacinas Janssen e Astrazeneca e a alergia ao polietilenoglicol conhecida é uma contraindicação para a vacina da Pfizer. 

Reações alérgicas, incluindo reações alérgicas graves, não relacionadas a vacinas (COVID-19 ou outras vacinas) ou terapias injetáveis, como reações alérgicas relacionadas a alimentos, animais de estimação, veneno ou alergias ambientais, ou alergias a medicamentos orais (incluindo os equivalentes orais de medicamentos injetáveis), não são uma contraindicação ou precaução para a vacinação COVID-19 [6].

Porém, recomenda-se que pessoas com história de anafilaxia por qualquer causa, ou pacientes com histórico de reação alérgica imediata a qualquer vacina ou medicação injetável, permaneçam em observação por 30 minutos antes de sair do local de vacinação [6].

 

Referências: 

  1. Ministério da Saúde (Brasil). Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis. Coordenação-Geral do Programa Nacional de Imunizações. Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a COVID-19. 9a. ed. Brasília, DF: Ministério da Saúde; 16 Jul 2021 [citado em 2 Set 2021]. 113 f. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br/coronavirus/publicacoes-tecnicas/guias-e-planos/plano-nacional-de-vacinacao-covid-19.
  2. Dizeres de texto de bula: profissional da Saúde: Vacina adsorvida covid-19 (inativada). Responsável técnica: Alina Souza Gandufe. São Paulo: SINOVAC Life Sciences CO., LTD; 19 Jan 2021 [citado em 2 Set 2021]. Bula de remédio, por Instituto Butantan. 8 f. Disponível em: https://vacinacovid.butantan.gov.br/assets/arquivos/Bulas_Anvisa/Bula_PS_vacina%20adsorvida%20covid-19%20(inativada).pdf.
  3. Ministério da Saúde (Brasil), Fundação Oswaldo Cruz. Vacina COVID-19 (recombinante): Suspensão injeção: 5 doses. Responsável técnico: Maria da Luz F. Leal. Rio de Janeiro: Instituição de Tecnologia em Imunobiológicos Bio-Manguinhos; 23 Abr 2021 [citação em 2 Set 2021]. Bula de remédio. 18 f. Disponível em: https://www.bio.fiocruz.br/images/bula-vacina-covid-19-recombinante-vps-04.pdf.
  4. Wyeth Indústria Farmacêutica Ltda. Wyeth. ComirnatyTM: vacina covid-19. Farmacêutica Responsável: Liliana R. S. Bersan. São Paulo: Wyeth Indústria Farmacêutica Ltda.; 7 Maio 2021 [citado em 2 Set 2021]. Bula de remédio. 20 f. Disponível em: https://consultas.anvisa.gov.br/#/medicamentos/25351023179202157/.
  5. COVID-19 Vaccine Janssen suspensão injetável: vacina contra a COVID-19 (Ad26.COV2-S [recombinante]). Leiden: Janssen Vaccines & Prevention B.V.; 11 Mar 2021 [citado em 2 Set 2021]. [Anexos à bula de remédio, sem responsável técnico]. 36 f. Disponível em: https://www.gov.br/anvisa/pt-br/assuntos/medicamentos/bulas-e-rotulos/bulas-uso-emergencial/vacinas/vacina-covid-19-janssen.pdf.
  6. Centers for Disease Control and Prevention. Interim clinical considerations for use of COVID-19 vaccines currently authorized in the United States. Georgia; 31 Aug 2021 [citado em 2 Set 2021]. Disponível em: https://www.cdc.gov/vaccines/covid-19/clinical-considerations/covid-19-vaccines-us.html.
  7. Institute for Vaccine Safety. Potential Allergens in Vaccines per 0.5 mL dose. Baltimore; 15 Jan 2021 [citado em 2 Set 2021]. Disponível em: https://www.vaccinesafety.edu/components-Allergens.htm.

Como citar este documento:

Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia. TelessaúdeRS (TelessaúdeRS-UFRGS). Quais são as contraindicações das vacinas contra COVID-19 em uso no Brasil? Porto Alegre: TelessaúdeRS-UFRGS; 2 Set 2021 [citado em “dia, mês abreviado e ano da citação”]. Disponível em: https://www.ufrgs.br/telessauders/posts_coronavirus/quais-sao-as-contraindicacoes-das-vacinas-contra-covid-19-em-uso-no-brasil/.

 

Teleconsultoria por:

Fabiane Elizabetha de Moraes Ribeiro

Enfermeira especialista Atenção Básica em Saúde Coletiva

ver Lattes

Franciele Savian Batistella

Enfermeira especialista em Saúde mental coletiva

ver Lattes

Revisão por:

Elise Botteselle de Oliveira

Médica de Família e Comunidade

ver Lattes

Isadora Cristina Olesiak Cordenonsi

Médica de Família e Comunidade

ver Lattes

+ Lidas

acessar todas

Como é feito e como deve ser interpretado o resultado do teste de absorção da lactose?

Qual o tratamento para escabiose (sarna)?

Como deve ser feita a reposição de vitamina B12?