Publicações de:Taís Oliveira

Acadêmica de Publicidade e Propaganda (Fabico/UFRGS), Bolsista de Iniciação Científica (BIC/UFRGS), Backing Vocal do MBCV Jovem, líder da Célula Nova Vida na Fabico/UFRGS, aprendiz de violão e, apaixonada por Jesus (:

Como acabar com as baratas no verão

Como acabar com as baratas no verão

Dentre o que me motiva a escrever este post, está o fato de as baratas serem unanimemente seres nojentos e péssimos colegas de quarto, banheiro, cozinha, escritório. Enfim, elas estão por toda a parte. E isto há mais de 300 milhões de anos! Ousados somos nós, ao tentarmos matá-las a […]

Celebrificação

Celebrificação

Quando se fala em celebridade, logo se pensa em TV, Cinema, Internet. Mas, qualquer um de nós pode ser celebridade? Todos nós representamos algo para alguém, inspiramos alguém em algo. Temos qualidades que alguém admira em nós e temos convicções que outras pessoas também compartilham e outras já não. Entretanto, […]

Pra que serve bolsa de iniciação científica

Pra que serve bolsa de iniciação científica

Saiba algumas utilidades em ser bolsista de iniciação científica

Cliente Oculto

Cliente Oculto

Conheça o que é cliente oculto e tenha cuidado para não ser explorado!

O que realmente vale a pena

O que realmente vale a pena

Viver uma vida equilibrada e feliz. Acredito ser possível!

Você é o que acredita

Você é o que acredita

Fé não é sinônimo de religiosidade.

o verdadeiro-verdadeiríssimo nome do filho de Deus

o verdadeiro-verdadeiríssimo nome do filho de Deus

Ao falar o nome de Jesus, já passou pela sua cabeça estar invocando o nome do deus cavalo? É o que defensores do hebraico (já morto) e do nome verdadeiro de verdade verdadeirado filho de Deus, estão espalhando por aí.

O negócio é NÃO legalizar

O negócio é NÃO legalizar

Em vista a discussão a respeito da Legalização da Maconha atualmente forte no Uruguai ( tema hiper atual também no Brasil), postei um texto com argumentos contra a legalização. Leia e comente, temos que saber a razão do que defendemos.

SE AMASSE FALAVA

SE AMASSE FALAVA

“SE AMASSE, FALAVA” é uma título provocativo que escolhi por ter como essência a necessidade da expressão do amor através das palavras. Mas longe de nós, criaturas tão íntegras e sinceras, qualquer hipocrisia! Fingimento não exige esforço, sacrifício – demanda dramaticidade, persuasão, cara-de-pau, engano. Por isso, o amor é construído com comunicação verbal/oral sim, mas não é ela que se basta – não são palavras vazias de fidelidade.

PAIXÃO NÃO É AMOR

PAIXÃO NÃO É AMOR

O amor romântico, apaixonado, é o sonho de todo ser humano. Ter alguém ao seu lado que lhe queira bem, lhe faça feliz, supra suas necessidades emocionais e lhe garanta segurança. As pessoas podem até escolher viver uma vida de “solteiras sempre, sozinhas nunca”, mas pra mim, o que realmente vale a pena, são os relacionamentos duradouros e não os “descartáveis” – e isso não se consegue sem esforço.