Comunicação

Só mais um episódio midiático brasileiro

Ouça esse post ao som de Bagaceiro Chinelão, da Graforréia Xilarmônica:

“Um bagaceiro chinelão
Vai bater na porta da sua casa
Vai lhe pedir alguns trocados
Vai lhe pedir um copo d’água”

Sim.. você já deve ter ideia do que estou falando. Já viu esse cara?

Pois é, quem não viu… o tal cidadão que ganhou fama instantânea ao ser compartilhado por milhares de pessoas… dá quase para dizer que é um meme, que ficou conhecido como “mendigo gato”. Mais um episódio de fama imediata proporcionado por este novo Brasil cada vez mais frequente nas redes sociais. Há algum tempo, vivemos o fenômeno Luíza e sua viagem ao Canadá… É cada uma que aparece… Esse rapaz, que se chama Rafael, é viciado em crack (pelo que dizem), e foi internado esses dias em uma clínica em São Paulo. Admira muito, pois a foto que gerou todo o burburinho foi tirada no centro de Curitiba. Ou seja, graças à sua beleza natural, ele se destacou no mundo e conseguiu um tratamento, digamos, VIP.

Quê será que tá rolando no Twitter…

Os moradores de rua vão ter de adotar um novo visual para conseguir algum alento na vida. Pelo visto, o visual Bakunin-de-ressaca não está mais bombando, o lance é rapar a cabeça (com que grana?) e deixar a barba por fazer, como é possível ver na foto do “galã das ruas”… aliás, o que ouvi de comentários do tipo “nossa, ficou mais bonito depois que entrou pras drogas” ou então “hmm, esse aí eu adotava no próximo inverno”…

Sempre soube que o Brasil é o Império da beleza e da superficialidade (é só olhar o que é e a importância que tem o carnaval), mas esse episódio marca uma nova etapa desse Show de Truman Tupiniquim. A dita beleza desse cidadão parece que eleva ele do “mar” de moradores de rua, seus olhos azuis resguardam um sentimento de cidadania, algo que ainda tem salvação…

E aí, gata, me compartilha no teu face?

Eu fico pensando como deve ser caótico arranjar vaga em hospital ou seja lá onde for pra internar um dependente de crack. Entretanto, Rafael precisou apenas abordar uma guria no centro de Curitiba. E como é fácil ganhar audiência! Rapidamente, o tal mendigo-gato já estava em todos os portais de notícias, certamente foi tema de “debates” nos mais variados programas.. ou seja, mais uma daquelas febres que atingem em cheio o país. Agora, quando uns playboys INCENDEIAM uma moradora de rua (notícia do R7) daí ninguém compartilha, ninguém fala nada, não há pressão por uma averiguação do fato… Ou seja, quando o mendigo é bonito, a pessoa tira foto e posta no facebook… quando não é bonito, toca fogo ou ignora, passa correndo de medo….

Exclusão social é foda.. some-se a isso esse Império da beleza e da superficialidade e temos mais um episódio midiático LAMENTÁVEL. Mas, e agora? Acabou o espetáculo? Ou vão seguir acompanhando a vida da mais nova celebridade brasileira? Vão fazer documentário sobre sua história, ou usá-la de exemplo para criar políticas sociais? Pois é, parece que o fogo de palha já dissipou… então, que venha a próxima febrinha…

Mais um som sobre essa temática do morador de rua:

“…lady, can you spare any change (hey lady, can you spare a quarter?)

i said lady, can you spare any change (get that away from me, your filthy! go away!)”

Tags: , , , ,

1 comentário

  1. Oh my goodness! an amazing article dude. Thank you Nevertheless I am experiencing challenge with ur rss . Don¡¯t know why Unable to subscribe to it. Is there anybody getting similar rss downside? Anyone who is aware of kindly respond. Thnkx

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*