Novo método para detecção de vapores e variação de pH

Descrição da tecnologia

A tecnologia utiliza corantes orgânicos da classe das merocianinas como sensores ópticos em solução e/ou suportados/adsorvidos/dispersos/impressos em matrizes poliméricas orgânicas, inorgânicas ou híbridas orgânico-inorgânicas para serem aplicadas como detectores ópticos sensíveis  à variação de pH, vapores orgânicos e/ou peróxidos.

Panorama de mercado
A necessidade do controle de parâmetros tais como vapores orgânicos e/ou variação de pH em ambientes controlados e/ou embalagens de alimentos é uma área ainda em desenvolvimento e que carece de pesquisa aplicada. Esta tecnologia supre a demanda urgente do controle de qualidade de alimentos utilizando embalagens inteligentes que utilizem tais corantes. É uma tecnologia pioneira na área de aplicação.

Problema resolvido

Permite produzir sensores colorimétricos de presença de gases, vapores orgânicos e/ou variação de pH do meio.

Aplicações
– Certificação da qualidade de alimentos:
Um dos maiores problemas do desperdício de alimentos concerne à preservação dos alimentos, e assim também, às datas de validade. Por isso, as embalagens inteligentes se tornaram uma tendência mundial. O conceito de embalagem inteligente diz respeito à determinação da qualidade dos produtos através da detecção de PH e vapores liberados, fazendo com que a embalagem mude de cor quando o produto está deteriorado.

 

Notícias relacionadas:
– Save food brasil
– Colour-changing food packaging ‘could end food poisoning’ by showing when fresh produce has gone off
– alemanha-acabara-com-prazos-de-validade-de-alimentos-embalados-para-reduzir-desperdicio-de-alimento
– Monitoramento atmosférico: Detecção de gases ou vapores em ambientes controlados
– Identificação de espécies químicas: Para esta identificação poderão ser utilizadas ainda técnicas espectroscópicas de absorção na região do

 

Material antes e após a exposição ao vapor de peróxido de hidrogênio por 30 minutos

 

UV-Vis e de emissão de fluorescência, também na região do UV-Vis.

Vantagens

– Sensores com visualização a olho nu
– Rotas sintéticas de fácil execução
– Elevado rendimento

– Simplicidade na purificação

Mudanças colorimétricas obtidas em diferentes valores de pH

Diferenciais
A presente invenção de um modo geral não concorre diretamente com tecnologias existentes, tendo em vista que poucos sensores são desenvolvidos ou estão presentes no mercado apresentando multidetecção (pH, vapor orgânico e peróxidos).

 

Estágio de desenvolvimento 

 

Oportunidade
Licenciamento
Busca de parceria estratégica

Inventores

Prof. Dr. Fabiano Severo Rodembusch – Expertise em fotoquímica orgânica e síntese orgânica.

M. Sc. Mauro Safir – Expertise em fotoquímica orgânica e síntese orgânica.

 

Clique aqui para acessar o site

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *