Composição de concreto estrutural reforçado

Panorama tecnológico
Grande quantidade de obras especiais estruturalmente deficientes ou obsoletas. Engenheiros, governo local e nacional buscando novas maneiras de construir estruturas melhores, reduzir o tempo de viagem e melhorar as técnicas de reparo. Um dos maiores desafios enfrentados é a durabilidade em longo prazo das obras, criando problemas de deterioração e manutenção.

Descrição da tecnologia
Mistura de concreto com fibras, incluindo resíduo industrial proveniente da fabricação de aço, com propriedades mecânicas superiores às comumente conhecidas. O material resultante oferece características técnicas superiores, incluindo dutilidade, resistência e durabilidade, podendo fornecer vigas altamente moldáveis com um aspecto de superfície de alta qualidade além de uma nova abordagem para a reconstrução de superestruturas.

Imagem do acervo pessoal dos pesquisadores.

Problema resolvido
Suas propriedades fazem que seja durável e que possa ser usado em ambientes abrasivos ou submetido a grandes impactos, como na indústria aeroportuária, petroleira e nuclear. Também pode ser usada na reabilitação ou reforço em massa de estruturas existentes, sua tixotropia permite a fácil aplicação do produto. Projetos de recuperação de viadutos ou pontes dos sistemas rodoviário e ferroviário podem empregar reforços usando este material resistente, diminuindo o risco dessas obras entrarem em colapso.

Vantagens

  • Ideal para ser usado como material de reforço.
  • De fácil colocação em ambientes com restrição de espaço.
  • Rápido endurecimento e ganho de resistência aos poucos dias de curado.
  • Durabilidade a longo prazo.
  • Resistência cinco vezes maior quando comparada ao concreto convencional.
  • Capacidade de suporte de cargas depois de fissurado.
  • Capacidade de suportar tensões de tração, permitindo diminuir quantidades de aço.
  • Construção de elementos estruturais menores para suportar as mesmas cargas quando comparada ao concreto convencional.
  • Grande capacidade de absorção de energia.
  • Versatilidade arquitetônica, pode ser usado em paneis ou em elementos de fachada esbeltos.

Aplicações

  • Indústria de pré-moldados ou como material de reforço em estruturas existentes, cujo funcionamento não pode ser detido, como por exemplo, em viadutos ou pontes.
  • Manutenção estrutural de obras.
  • Material para a indústria militar, segurança e defesa.
  • Aplicações em que há altas taxas de liberação de energia.
  • Construção ou reparo de pontes.
  • Reforço e proteção em edifícios existentes ou para projetar novos membros estruturais.

Estágio de desenvolvimento (TRL – Technology Readiness Level)

Status da tecnologia
Pedido de patente depositado no INPI.

Inventores
Rosangel Rojas de Yepez
Christa Korzenowski
Jose Rafael Yepez Aguirre
Ronaldo Beraldin da Silva
Américo Campos Filho
Samir Maghous

Visite-nos (clique no logo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *