Sistema de eletroforese capilar toroidal

 Panorama tecnológico

A eletroforese capilar é uma técnica instrumental inventada no início da década de 1980 e usada para separar íons, moléculas, macromoléculas, complexos, nanoestruturas e microestruturas (partículas virais, organelas, células) e também para determinar as suas concentrações nas mais diversas amostras.

Exemplo de Eletroforese Capilar Toroidal.

Descrição da tecnologia

É um sistema de eletroforese capilar toroidal, que justamente por sua configuração toroidal se destaca dos demais sistemas de eletroforese capilar (EC) contemplados pelo estado da técnica. O fato de ter tal configuração contínua confere à invenção melhorias em resultados processados pela técnica de EC, como um aumento significativo no parâmetro Número de Pratos (NP), sendo este parâmetro usado para medir a performance de qualquer método de separação. Além disso, a presente invenção é capaz de operar com ou sem aditivos e pode analisar uma gama muito maior de compostos.

Problema resolvido

O poder de separação de um instrumento analítico consegue passar a faixa de um bilhão de NPTs sendo que o limite máximo atingido foi de 34 milhões há cerca de quinze anos atrás.

Sistema de eletroforese capilar toroidal que usa um capilar toroidal real, como uma peça única.

Vantagens

Com o microtubo disposto em forma de toróide pode-se trabalhar com qualquer pH, qualquer aditivo ou sem aditivo algum, pois a amostra permanece no interior do toróide, até que a separação esteja satisfatória. Isto permite realizar uma quantidade muito maior de estudos, que antes não eram possíveis.

Aplicações

– Análise de fármacos,
– Análises clínicas,
– Análises genéticas,
– Análise de contaminantes em alimentos,
– Composição química nutricional de alimentos.

Estágio de desenvolvimento (TRL – Technology Readiness Level)

Status da tecnologia
Pedido de patente depositado no INPI.

Oportunidades de parceria
Licenciamento
Parceria estratégica
Captação de recursos

Inventor
Tarso Benigno Ledur Kist

Visite nosso laboratório (clique no logo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *