Em 9 de junho do presente ano, a ANEL solicitou uma contribuição no valor de R$100,00 para o primeiro congresso da entidade, para o fim de auxiliar no transporte e inscrição de delegados para o mesmo.
Um estudante solicitou esclarecimentos, que seguem abaixo, respondidos:

1. O diretório recebeu solicitação de apoio financeiro ao Congresso da Associação Nacional dos Estudantes Livre? Recebeu, sim. Em 9 de Junho.
2. Se sim, de quem partiu a solicitação? A solicitação partiu da ANEL – RS.
3. A solicitação foi deferida? Foi deferida
4. Se sim, qual o valor da doação? Penso que devemos chamar de ajuda financeira. E foi no valor de 100 reais.
5. A que fim se destinam tais recursos? Como especificado no ofício, para transporte e inscrições dos estudantes do Rio Grande do Sul
6. De que forma será feita a doação? Em dinheiro
7. Quais são os termos da prestação de contas? Um representante da ANEL-RS assinará um recibo ao receber o auxílio financeiro.
Informamos que o auxílio financeiro tem como objetivo um maior conhecimento da entidade e não um alinhamento com a mesma. O DAECA deliberou auxiliar, conforme suas condições, nos eventos que envolvem estudantes da FCE, favorecendo principalmente os eventos que tem potencial de servir de base para discussões do diretório. Um desses assuntos é o movimento estudantil nacional e, por este motivo, o auxílio financeiro ao encontro da ANEL foi aprovado.
Informamos ainda que o auxílio financeiro até o presente momento não se efetivou.

2 comentários para “Esclarecimento sobre o auxílio financeiro ao primeiro congresso da ANEL”

  1. Felipe Araldiem 21 jun 2011 às 23:21

    Se até o momento o Diretório não efetivou a doação, gostaria de sugerir que reconsideracem a decisão. Entendo a ANEL como uma entidade desagregadora do movimento estudantil, criada por um grupo devido a sua incapacidade de “conquistar” as entidades estabelecidas, talvez por falta de competência, talvez por defender ideias discordantes daquelas com as quais os estudantes se alinham.

    Não adianta dizer que “fumou” mas não “tragou”. Dizer que o auxílio-financeiro não é um alinhamento do DAECA com a ANEL é como passar um certidão de união estável pra evitar o casamento.

    Por fim, embora discorde da decisão, gostaria de parabenizar a entidade e seus membros pela publicidade dada ao tema.

  2. Felipe Araldiem 21 jun 2011 às 23:24

    Sem prejuízo ao recibo e a prestação de contas, sugiro que a doação seja feita via depósito identificado na conta mantida pela ANEL para a realização do congresso.