O Núcleo de Infância e Família – NUDIF, do PPG em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS, tem por objetivo produzir conhecimentos para a teoria e prática na área de desenvolvimento infantil, com destaque para as questões da parentalidade e o desenvolvimento socioemocional e sociocognitivo da criança.

O grupo está empenhado na qualificação de pesquisadores e profissionais voltados para a pesquisa envolvendo avaliação, prevenção e intervenção na infância, sendo formado por professores da UFRGS e pesquisadores doutores de diferentes orientações teóricas, que atuam em instituições na área da infância e família. Participam também do grupo pós-doutorandos, doutorandos, mestrandos e graduandos de psicologia e áreas afins.

Desde 1993 o NUDIF, é Coordenado pelo Prof. Cesar A. Piccinini, PhD e Profa. Rita Sobreira Lopes, PhD, e integra o Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq.

Após a primeira tese de doutorado realizada no NUDIF, defendida em 2001, seguiram-se outras 43 teses até 2019, inaugurando um patamar de produções altamente qualificadas, que se somou as 88 dissertações defendidas entre 1990 até 2018, cuja relação encontra-se no site do NUDIF.

Além de projetos específicos dos pós-graduandos, desde os anos 2000 o NUDIF vem se destacando na realização de grandes projetos longitudinais, financiados pelo CNPq, CAPES, FAPERGS e Fundação Spenser/EUA, a quem agradecemos publicamente, por terem viabilizado a realização destes projetos, listados a seguir, cujas descrições podem ser encontrados no site do NUDIF ou no ResearchGate:

– Estudo Longitudinal de Porto Alegre: Da Gestação à Escola, 1998-2012 – ELPA

– O impacto da psicoterapia para a depressão materna e para a interação pais-bebê: Estudo longitudinal do nascimento ao segundo ano de vida do bebê – PSICDEMA (2003-2007)

– Aspectos Biopsicossociais da Gravidez Adolescente: Estudo Longitudinal da Gestação ao Segundo Ano de Vida da Criança – GRADO (2008-2012)

– Transição para a parentalidade e a relação conjugal no contexto da reprodução assistida: Da gestação ao primeiro ano de vida do bebê – REPASSI (2009-2011)

– Aspectos psicossociais, adesão ao tratamento e saúde da mulher no contexto do HIV/AIDS: Contribuições de um programa de intervenção da gestação ao segundo ano de vida do bebê, 2005-2011 – PSICAIDS

– Estudo Longitudinal sobre o Impacto do Nascimento do Segundo Filho na Dinâmica Familiar e no Desenvolvimento Emocional do Primogênito- ELSEFI (2006-2011)

– Prematuridade e parentalidade: do nascimento aos 48 meses de vida da criança, 2010-2016 – PREPAR

– Impacto da creche no desenvolvimento socioemocional e cognitivo infantil: Estudo longitudinal do sexto mês de vida do bebê ao final dos anos pré-escolares, 2010-2016-CRESCI

– Impacto de um programa de acompanhamento para educadoras de berçário visando a promoção da qualidade das interações educadora-bebê – ACEDUC (2018- )

– Inclusão de bebês com deficiência na creche – INCLUIR (2018- )

Associado a esses projetos longitudinais, bem como às dissertações e teses realizadas no NUDIF, foram publicados mais de 240 artigos até 2018 e 29 capítulos de livros. Esta produção encontra-se espalhada em dezenas de revistas nacionais e internacionais o que torna difícil acessá-los. Por outro lado, estes artigos tem sido muito citados na literatura, como pode ser visto no Google Citation e ResearchGate dos Coordenadores do NUDIF, o que demonstra o reconhecimento da comunidade para com esta produção.