• Titulo: Planejamento e políticas públicas : intencionalidades, processos e resultados

    ISBN: 978-65-991391-0-9

    Autor(autores)/Organizadores: Org.: Luciana Leite Lima e Luciana Pazini Pap

    Editora: Jacarta

    Idioma: Português

    Ano: 2020



  • Titulo: Financiamento de direitos fundamentais: políticas públicas vinculadas, estabilização monetária e conflito distributivo no orçamento da União do pós-Plano Real.

    ISBN: 9788579070280

    Autor(autores)/Organizadores: Élida Graziane Pinto

    Editora: Editora O Lutador

    Idioma: Português

    Ano: 2010



  • Titulo: A Universidade do futuro

    ISBN: 9786557250198

    Autor(autores)/Organizadores: José Vicente Tavares dos Santos

    Editora: Editora da UFRGS

    Idioma: Português

    Ano: 2020



  • Titulo: As ilusões da liberdade: a escola Nina Rodrigues e a antropologia no Brasil

    ISBN: 9788575414323

    Autor(autores)/Organizadores: Mariza Corrêa

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2013

    Sinopse: "Nina Rodrigues é geralmente conhecido: pelos elogios dos seus admiradores e discípulos, por um lado; pelas críticas às suas teorias por parte dos seus detratores, por outro. Os primeiros o tratam como o herói fundador da antropologia e da medicina legal brasileiras e o primeiro a desenvolver pesquisa científica sobre a presença da África no Brasil. Os segundos o condenam pelas suas teorias fundadas no racismo científico e na criminologia biológica. Neste livro, Mariza Corrêa, na melhor tradição da antropologia, prefere evitar julgamentos anacrônicos para apresentar e compreender as obras escritas e o trabalho institucional de Nina Rodrigues no contexto social e político em que ele vivia. A autora examina a vasta obra deste cientista que morreu com apenas 44 anos em 1906 para revelar que tanto detratores como discípulos tinham um pouco de razão, mas que há muito mais a dizer sobre o professor Nina Rodrigues. Ele tinha 26 anos quando da abolição da escravidão em 1888, tendo se formado médico um ano antes. Mariza Corrêa nos leva pela luta de Nina Rodrigues para estabelecer a medicina legal como disciplina acadêmica e pelos meandros daquilo pelo qual ele seja talvez mais lembrado, isto é, o seu polêmico trabalho sobre raça e a sua condenação da mestiçagem. A autora também trata dos seus escritos sobre o que considerava os limites da liberdade no contexto do enfrentamento entre defensores do direito clássico e aqueles do direito positivo. Para completar o quadro, examina o trabalho dos discípulos de Nina Rodrigues. Dada a atuação de Nina Rodrigues nos campos da medicina legal, da psiquiatria e dos estudos sobre a questão racial, e sua constante preocupação com o destino da nação brasileira, este livro tem se tornado leitura privilegiada para todos os interessados nestes temas, que continuam tão ou mais candentes." Peter Fry, doutor em antropologia social e professor emérito do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro



  • Titulo: Deus e o diabo no humor das mulheres: contos, casos e crônicas com humor escritos por mulheres

    ISBN: 9788523213879

    Autor(autores)/Organizadores: Alba Valeria Tinoco Alves Silva

    Editora: EDUFBA

    Idioma: Português

    Ano: 2015

    Sinopse: Com o intuito de problematizar o lugar da mulher na produção humorística, a autora tece considerações a respeito da relação mulher/humor, sob diversas óticas do pensamento, como a psicanálise, a antropologia, a filosofia e a linguística. O livro surge com a premissa de descontruir a lógica de que a via cômica é uma forma de expressão exclusivamente masculina.



  • Titulo: Críticas e atuantes: ciências sociais e humanas em saúde na América Latina

    ISBN: 857541061X

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Maria Cecília de Souza Minayo; Carlos E. A. Coimbra Jr.

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2005

    Sinopse: A obra apresenta debates sobre temas que são prioridade do pensamento social e da prática em saúde do continente. Aborda, do ponto de vista da antropologia, práticas de saúde e estudos de significados do corpo. No campo da história, traz trabalhos importantes sobre a historiografia das enfermidades na América Latina.



  • Titulo: A Cosmopolítica da gestação, do parto e do pós-parto: autoatenção e medicalização entre os índios Munduruku

    ISBN: 9788575416211

    Autor(autores)/Organizadores: Raquel Paiva Dias-Scopel

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2018

    Sinopse: A pesquisadora Raquel Paiva Dias-Scopel, do Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia), levanta questões sobre a valorização e respeito à diversidade étnica e cultural dos povos indígenas e a difícil interface com o processos de medicalização e do direito ao acesso aos serviços de saúde biomédicos. O livro é parte da Coleção Saúde dos Povos Indígenas, da Editora Fiocruz e partiu da tese de doutorado defendida em 2014 no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi publicado pela primeira vez em 2015 pela Associação Brasileira de Antropologia com o título A Cosmopolítica da Gestação, Parto e Pós-Parto: práticas de autoatenção e processo de medicalização entre os índios Munduruku. No prefácio da primeira edição, sua orientadora, a doutora em antropologia e professora titular da UFSC, Esther Jean Langdon, ressalta que o conceito fundamental deste livro é da autoatenção, que aponta para o reconhecimento da autonomia e da criatividade da coletividade, principalmente da família, como núcleo que articula os diferentes modelos de atenção ou cuidado da saúde.



  • Titulo: Antropologia e nutrição: um diálogo possível

    ISBN: 8575410555

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Ana Maria Canesqui; Rosa Wanda Diez Garcia

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2005

    Sinopse: O livro traz reflexões unindo questões sociais, da saúde e da nutrição. Na primeira parte, apresenta uma ampla revisão bibliográfica sobre a área da antropologia e da nutrição. Na segunda parte, abordam-se os paradoxos e repercussões das transformações sociais e da internacionalização da economia na cultura alimentar. A terceira parte dedica-se à alimentação tal como ela se configura hoje nos diferentes espaços, privados e públicos, dos contextos urbanos e diante das transformações sociais ocorridas no país nos últimos 35 anos.



  • Titulo: Antropologia da saúde: traçando identidade e explorando fronteiras

    ISBN: 8573161515

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Paulo César B. Alves; Miriam Cristina Rabelo

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 1998

    Sinopse: Tem como objetivos definir, problematizar e explorar o potencial da abordagem antropológica às questões relativas a saúde e doença. Ainda que todos os artigos tentem esclarecer e delimitar o campo de atuação da antropologia médica, não apresentam a mesma visão ao tratar das características internas e das fronteiras deste saber. Em alguns, a busca é por desconstruir dicotomias correntes, rumo aos fundamentos metateóricos; em outros, nota-se uma visão complexa do campo a partir da discussão de trabalhos empíricos, etnográficos.



  • Titulo: Raça como questão: história, ciência e identidades no Brasil

    ISBN: 9788575411933

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Marcos Chor Maio; Ricardo Ventura Santos

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2010

    Sinopse: A obra é uma reunião de ensaios, não cronológicos, cuidadosamente selecionados pelos organizadores, que vão da biologia às ciências sociais, antropologia e história, com variados enfoques. Analisando discussões sobre o pensamento higienista e trajetórias da antropologia física no Brasil do século XIX, os artigos abrangem até as atuais correlações do pensamento racial com as tecnologias genômicas. Precioso material para quem estuda e se interessa pelas questões relacionadas à raça no Brasil.



  • Titulo: Provetas e clones: uma antropologia das novas tecnologias reprodutivas

    ISBN: 9788575411360

    Autor(autores)/Organizadores: Naara Luna

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2007

    Sinopse: O livro é uma etnografia entre clientes e profissionais de clínicas de reprodução assistida. Com origem na tese de doutorado da autora, apresentada em 2004, ao Programa de Pós-Graduação em Antropologia do Museu Nacional (UFRJ), analisa as novas tecnologias reprodutivas e a clonagem humana com base nas relações de parentesco e na noção de pessoa, tópicos fundamentais na antropologia. A reprodução como objeto de intervenção médica, as peculiaridades do campo de pesquisa sobre reprodução assistida, a família, o discurso biomédico, a construção cultural do corpo, as teorias da concepção e as noções de hereditariedade são temas discutidos ao longo dos cinco capítulos da obra.



  • Titulo: Antropologia da comunicação de massa

    ISBN: 9788578792565

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Isabel Travancas; Silvia Garcia Nogueira

    Editora: EDUEPB

    Idioma: Português

    Ano: 2016

    Sinopse: Este livro apresenta reflexões de pesquisadores brasileiros e argentinos sobre a comunicação de massa na perspectiva da antropologia. Nas últimas décadas tem crescido o interesse pela comunicação de massa dentro do campo da antropologia. Ela tem, cada vez mais, se voltado para temas contemporâneos buscando examiná-los à luz de um novo enfoque, que percebe sua complexidade, sem preconceitos ou visões estereotipadas. O universo dos meios de comunicação com seus emissores, receptores e mensagens é um fértil terreno de pesquisa e uma excelente porta de entrada para compreensão da vida social no século XXI.



  • Titulo: Frentes de expansão e estrutura agrária: estudo do processo de penetração numa área da transamazônica

    Autor(autores)/Organizadores: Otávio Guilherme Velho

    Editora: Centro Edelstein

    Idioma: Português

    Ano: 2009

    Sinopse: O corpo principal deste trabalho foi apresentado em junho de 1970 como dissertação de mestrado ao Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social do Departamento de Antropologia, do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro.



  • Titulo: Los silencios de la guerra

    ISBN: 9789587389388

    Autor(autores)/Organizadores: Editores: Camila de Gamboa; María Victoria Uribe

    Editora: Editorial Universidad del Rosario

    Idioma: Espanhol

    Ano: 2017

    Sinopse:



  • Titulo: Entre palavras e armas: literatura e guerra civil em Moçambique

    ISBN: 9788568576700

    Autor(autores)/Organizadores: Ubiratã Souza

    Editora: Editora UFABC

    Idioma: Português

    Ano: 2017

    Sinopse: "Guerra de agressão", "guerra de desestabilização", "guerra civil", "guerra dos dezasseis anos": o conflito bélico que se alastrou por Moçambique entre 1976 e 1992 recebeu diversos nomes e abordagens. Nesta obra, a crítica literária é o princípio investigativo sobre o qual a linguagem estética e tal conflito podem ser analisados como experiências sociais distintas, mas intrinsecamente entrelaçadas. Por isso, este não é um trabalho de verificação de como existe um conteúdo histórico que é ficcionalizado em maior ou menor grau por uma literatura mais ou menos comprometida, mas antes objetiva, sim, perceber como certas estruturas estéticas apresentam composições específicas que, se analisadas literariamente, e posteriormente interpretadas historicamente, expõem visões críticas e manifestações sociais que se colocam em articulação com hegemonias que disputam o poder sobre uma sociedade. Assim sendo, como obras literárias que elegeram a guerra como tema podem contribuir para uma abordagem contemporânea do conflito que considere a compreensão e adesão das populações afetadas? Entre palavras e armas: literatura e guerra civil em Moçambique é totalmente baseado nesta primeira inquietação. Por isso se compõe como uma crítica comparada e histórica de dois romances que tratam da guerra pós-independência: Os sobreviventes da noite (2008), do escritor Ungulani Ba Ka Khosa, e Neighbours (1995), da escritora Lilia Momplé. O trabalho é dividido em dois movimentos: no primeiro, a crítica se desenvolve através da análise literária das configurações estéticas dos romances, de modo que seja possível delinear hipóteses comuns e diferenciais de leitura para ambos; o segundo movimento trata de tomar as hipóteses de leitura e buscar interpretá-las historicamente, com o apoio de um diálogo interdisciplinar entre os estudos literários e a historiografia, a sociologia, a antropologia, a economia e a ciência política de Moçambique.



  • Titulo: Segurança alimentar e nutricional: perspectivas, aprendizados e desafios para as políticas pública

    ISBN: 9788575414354

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Cecília Rocha; Luciene Burlandy; Rosana Magalhães

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2013

    Sinopse: O desafio: entender a segurança alimentar e nutricional como um bem público em sociedades pautadas em economias de mercado e como uma questão ampla que demanda a articulação de ações relacionadas à produção, comercialização, abastecimento, acesso e consumo de alimentos. O caminho: reflexões teóricas e metodológicas articuladas a análises sobre experiências implementadas no Brasil. O resultado: esta coletânea que discute as conexões entre dinâmica alimentar, sistema alimentar e políticas públicas, direitos sociais e padrões de desenvolvimento equitativos. A construção do conceito de segurança alimentar e nutricional é o assunto explorado na primeira parte do livro, que também aborda as interfaces com os campos da economia, nutrição, sociologia e políticas públicas. Já na segunda parte, discutem-se as experiências de diferentes programas e ações, bem como questões de planejamento e avaliação. A coletânea comenta a Política Nacional de Alimentação e Nutrição, o Sistema e a Política Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, o Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (Sisvan), a promoção da alimentação saudável e outras ações do Ministério da Saúde; o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf); o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA); o Programa Bolsa Família (PBF); e diversos outros. O PBF é alvo de um dos capítulos da terceira parte, dedicada a segmentos populacionais específicos – no caso, a pesquisa analisa a relação do Bolsa Família com a segurança alimentar e nutricional sob a ótica das desigualdades raciais. Há também capítulos voltados à análise da segurança alimentar e nutricional em comunidades quilombolas e das inter-relações com as questões de gênero.



  • Titulo: Uma ciência sobre “coisa” alguma: relações funcionais, comportamento e cultura

    Autor(autores)/Organizadores: Kester Carrara

    Editora: Editora UNESP

    Idioma: Português

    Ano: 2015

    Sinopse: Embora seu conteúdo seja do interesse de áreas vizinhas, como Antropologia, Filosofia, Sociologia e Biologia, o livro está situado no âmbito da Análise Comportamental da Cultura. Essa área representa um campo temático relevante no contexto de uma das mediações teórico-epistemológicas da Psicologia e é constituída por uma ciência, a Análise do Comportamento, e uma filosofia de ciência, o Behaviorismo Radical. O texto, mais precisamente, está centrado nas práticas culturais, que se referem às ações humanas executadas de maneira entrelaçada com ações de outros indivíduos, característica inerente aos comportamentos sociais. Tecnicamente, o conteúdo examinado é o anunciado no subtítulo do livro, ou seja: relações funcionais, comportamento e cultura. No entanto, para além dessa instância, o texto trata da lógica subjacente às relações ou interações entre as pessoas, e entre estas e as agências de controle (como governo, lei e religião), ocupando-se de examinar tais relações de maneira funcional. Pode-se dizer que o texto, paralelamente ao interesse por precisão técnica na ciência do comportamento, busca estimular o leitor para uma avaliação sobre quanto temos, tradicionalmente, construído pressupostos, princípios, sistemas explicativos, escolas de pensamento e teorias voltados à defesa de explicações do comportamento humano com base em estruturas, quer físicas, quer conceituais, que não passam de constructos hipotéticos que se supõe sejam diretamente causadores de ações, atividades, comportamentos. Conceber uma “estrutura cognitiva”, uma “mente pensante”, uma “estrutura de personalidade”, um ego, um eu, um id, um superego, um traço de caráter, uma estrutura fisiológica, enfim, um mecanismo subjacente responsável pela causalidade primeira do comportamento parece constituir um equívoco perene na história da Psicologia e, talvez mais, na história da ciência. Embora sem, naturalmente, negar um monismo fisicalista, ontológico, de substância, o livro rejeita o status prioritário de importância tradicionalmente atribuído às estruturas, em si mesmas, como entes explicativos do comportamento humano.



  • Titulo: Administração, poder e ideologia

    ISBN: 8571395918

    Autor(autores)/Organizadores: Maurício Tragtenberg

    Editora: Editora UNESP

    Idioma: Português

    Ano: 2005

    Sinopse: Obra indispensável e singular na crítica da administração, proporciona subsídios para a compreensão do capitalismo contemporâneo. De leitura proveitosa a todos que valorizam o trabalho humano, o autor apresenta uma análise crítica do papel das grandes corporações no Mercado - eixo da grande reorganização do capitalismo após a crise econômica mundial dos anos 70. Aborda: a nova exploração do trabalho que mudou as formas disciplinares do capitalismo; a internacionalização da economia na tendência da condução das políticas governamentais; as atividades artísticas e culturais através do mecenato; a decisão sobre os rumos da pesquisa científica, o trabalho e suas teorias participativas, como a co-gestão, ideologia que procura encobrir novas práticas de exploração, incidindo sobre a criatividade social da classe trabalhadora; a questão do ser político do trabalhador que as políticas de Recursos Humanos das empresas querem subjugar e neutralizar, recorrendo à psicologia e à sociologia, que buscam reduzir o político ao psicológico.



  • Titulo: Políticas, planejamento e gestão em saúde: abordagens e métodos de pesquisa

    ISBN: 9788575414590

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Tatiana Wargas de Faria Baptista; Creuza da Silva Azevedo; Cristiani Vieira Machado

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2015

    Sinopse: Reúne alguns dos principais nomes da área de planejamento em saúde no país e apresenta um conjunto rico e diversificado de reflexões teórico-metodológicas, o que resulta em contribuições fundamentais para o incremento da área. Questões como desenvolvimento de estudos e formação de pesquisadores também estão presentes. Dividida em três partes, a coletânea analisa os desafios metodológicos em pesquisas do campo da saúde coletiva; aborda a questão da multidisciplinaridade e de como os estudos em saúde coletiva têm dialogado com outras áreas de conhecimento (como a história, a ciência política, a filosofia, a sociologia, entre outras); e traz reflexões sobre questões tais como o lugar da saúde nas relações internacionais, a promoção da saúde, a produção acadêmica relacionada à gestão do trabalho e da educação em saúde e, por fim, o acesso a medicamentos.



  • Titulo: Política e racionalidade: problemas de teoria e método de uma sociologia crítica da política

    Autor(autores)/Organizadores: Fábio Wanderley Reis

    Editora: Centro Edelstein

    Idioma: Português

    Ano: 2010

    Sinopse: Este livro, escrito originalmente em 1981 como tese destinada ao concurso para professor titular de ciência política da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da UFMG, foi publicado inicialmente pela Editora da UFMG em 1984, como volume 37 da série Estudos Sociais e Políticos, sob o patrocínio da Revista Brasileira de Estudos Políticos, tendo tido uma segunda edição revista e atualizada, pela mesma editora, em 2000. Seu objetivo principal é o de procurar fundamentar uma abordagem dos problemas da ciência política em que a exigência de rigor possa ser conciliada com demandas de ordem prática ou normativa, as quais são vistas como inerentes à própria definição da atividade política e como impondo o interesse pelo tema do desenvolvimento político, ou da mudança política avaliada em termos de concepções doutrinárias acerca da boa sociedade a ser erigida



  • Titulo: Compreendendo a complexidade socioespacial contemporânea: o território como categoria de diálogo interdisciplinar

    ISBN: 9788523205607

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Maria Teresa Franco Ribeiro; Carlos Roberto Sanchez Milani

    Editora: EDUFBA

    Idioma: Português

    Ano: 2009

    Sinopse: O livro constrói um diálogo entre pesquisadores brasileiros e franceses, de diferentes campos do conhecimento, sobre dois temas que passaram a ocupar os espaços do debate acadêmico e das ações públicas, nas duas últimas décadas: a questão do desenvolvimento e a questão territorial. Duas questões foram colocadas para os pesquisadores: qual o significado do conceito de território a partir de seu campo de estudo e quais contribuições podem aportar para a compreensão dos processos de desenvolvimento. Além de um rico debate no sentido epistemológico, a partir dos diversos campos de análise o livro aponta também algumas indagações: como trabalhar a relação entre espaço e território, como caraceterizar fronteiras territoriais em um mundo em que, elas marcam profundamente tanto a união/ intercâmbio quanto a ruptura/interdição? E várias outras quetões que compoem a agenda de debate da economia, geografia, ciencias políticas, sociologia e da administração.



  • Titulo: O futebol nas ciências humanas no Brasil

    ISBN: 9786586253184

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Sérgio Settani Giglio; Marcelo Weishaupt Proni

    Editora: Editora da Unicamp

    Idioma: Português

    Ano: 2020

    Sinopse: Este livro reúne um time campeão, composto por pesquisadores de peso, oriundos de diversas áreas do conhecimento. É uma iniciativa inédita no Brasil, por sua abrangência. Retrata o futebol como objeto de estudo no campo da política, da história, da sociologia, da antropologia, da geografia, da economia, da pedagogia, da comunicação e da literatura. Os capítulos tratam de temas tradicionais, como identidade nacional, democracia e racismo. E também de assuntos frequentes em debates promovidos pela mídia esportiva, como a produção de ídolos, a violência entre torcidas e a Copa do Mundo. Em sintonia com questões atuais, o livro traz ainda estudos sobre o árbitro de vídeo e sobre gênero. Sem dúvida, na academia, o futebol é levado muito a sério.



  • Titulo: Eleições, opinião pública e comunicação pública no Brasil contemporâneo: homenagem a Marcus Figueiredo

    ISBN: 9788575114353

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Felipe Borba; Alessandra Aldé

    Editora: EDUERJ

    Idioma: Português

    Ano: 2017

    Sinopse: "O livro reúne uma série de trabalhos de cientistas políticos sobre o tema opinião pública e seu impacto no comportamento político. Os autores compartilham o fato de todos terem sido influenciados pelo professor Marcus Figueiredo, um dos fundadores da moderna análise política do Brasil. A obra, organizada pelos professores e pesquisadores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) Alessandra Aldé e Felipe Borba, é também uma homenagem ao professor Marcus Figueiredo e ao seu legado para a organização da subdisciplina Comunicação Política no âmbito da ciência política brasileira. A publicação integra a Coleção Sociedade e Política, editada pelo Instituto de Estudos Sociais da UERJ em parceria com a Eduerj. A coleção é dedicada aos temas cadentes da sociologia e da ciência política contemporânea.



  • Titulo: Economia, poder e influência externa: o Banco Mundial e os anos de ajuste na América Latina

    ISBN: 9788539302550

    Autor(autores)/Organizadores: Jaime Cesar Coelho

    Editora: Editora UNESP

    Idioma: Português

    Ano: 2012

    Sinopse: Este livro analisa o papel do Grupo Banco Mundial no período das grandes reformas neoliberais na América Latina, durante os anos 1980 e 1990. Nessa perspectiva, destacam-se os programas de ajustamento estrutural e a questão da influência externa sobre a tomada de decisão no plano doméstico, fator fundamental para o entendimento das transformações pelas quais passou a região. Assim, pode-se observar como as grandes potências manobraram as instituições internacionais em função de seus intereses e examinar a questão do poder no âmbito internacional, a partir de uma abordagem que reúne contribuições teóricas da economia, da história, da sociologia e da ciência política.



  • Titulo: Dar a vida e cuidar da vida: feminismo e ciências sociais

    ISBN: 8571395489

    Autor(autores)/Organizadores: Lucila Scavone

    Editora: Editora UNESP

    Idioma: Português

    Ano: 2004

    Sinopse: Com textos que mostram, explícita e implicitamente, a ligação do feminismo com as Ciências Sociais, pelo viés da Sociologia das Relações Sociais, no campo da saúde, este livro é a compilação de diversos artigos produzidos na última década, com base em pesquisas teóricas e empíricas realizadas pela autora sobre a problemática sociológica das mulheres, especificamente no referido campo. Uma lenta construção amadurecida ao longo de seu ofício de socióloga, no ensino e na pesquisa, que teve influência vital da experiência feminista que vivenciou nos anos 70 e 80, na França e no Brasil.



  • Titulo: As representações sociais e a experiência com o diabetes: um enfoque socioantropológico

    ISBN: 9788575412084

    Autor(autores)/Organizadores: Reni Aparecida Barsaglini

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2011

    Sinopse: A proposta do livro é lançar um olhar diferenciado sobre o diabetes, a partir da sociologia e da antropologia. A obra destaca a importância de ouvir com atenção as pessoas que vivenciam uma condição crônica como o diabetes: essa escuta pode subsidiar intervenções de saúde que sejam mais sensíveis aos aspectos culturais e favoreçam a interação entre profissionais e adoecidos. A pesquisa que originou a publicação utilizou metodologia qualitativa, incluindo consulta à literatura biomédica básica e a documentos de entidades ligadas ao diabetes, entrevistas com pacientes, familiares e profissionais de saúde, e observações em campo (no bairro, na residência e na unidade de saúde).



  • Titulo: Fundamentos da vigilância sanitária

    ISBN: 8585676736

    Autor(autores)/Organizadores: Suely Rozenfeld

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2000

    Sinopse: Instância de mediação entre a produção de bens e serviços variados e a saúde da população, a complexidade da Vigilância Sanitária (VS) impõe um enfoque multidisciplinar. Este aparece em cada um dos capítulos desta coletânea: a sociologia, que fornece o instrumental para a análise histórica e para a compreensão do papel do Estado, a epidemiologia, o planejamento, a legislação e a avaliação, que fornecem os conceitos, os procedimentos e as técnicas necessárias ao desempenho da função reguladora e normativa. Define e constrói, assim, um tripé de competências para qualificar o agir em VS: conhecimento técnico, responsabilidade pública e compromisso ético. Alcança e interessa, assim, não só a profissionais de saúde, como àqueles em busca de uma educação para a cidadania.



  • Titulo: Filosofia, história e sociologia das ciências I: abordagens contemporâneas

    ISBN: 8585676027

    Autor(autores)/Organizadores: Vera Portocarrero (Org.)

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 1994

    Sinopse: Coletânea preciosa não somente para os especialistas, mas para todo aquele que pretende se iniciar na pesquisa e se interrogar sobre a natureza da ciência, seus desafios e seus problemas fundamentais. A obra reúne diversos especialistas do Brasil e da França na busca de contemplar as "diversas vertentes de pensamento que constituem a fundamentação do atual debate sobre as ciências", em artigos que questionam as relações das ciências, das técnicas e da sociedade, não de um ponto de vista estritamente "positivista" ou "dogmático", mas com enfoque histórico-crítico. E mais: são respeitadas as diferentes perspectivas dos autores, mesmo as conflitantes, por considerar esta ótica não uma contradição, mas uma riqueza a ser oferecida aos leitores.



  • Titulo: A política social na América do Sul: perspectivas e desafios no século XXI

    ISBN: 9788577981656

    Autor(autores)/Organizadores: Organizadores: Lucia Cortes da Costa; Vera Maria Ribeiro Nogueira; Vini Rabassa da Silva

    Editora: Editora UEPG

    Idioma: Português

    Ano: 2013

    Sinopse: O livro aborda as mudanças recentes na proteção social nos países da América do Sul com destaque para o campo da seguridade social. Apresenta um conjunto de textos marcados pela interdisciplinariedade, agregando pesquisadores da área de Serviço Social, Sociologia, Direito e Administração. Os autores abordam as crises do capitalismo, as ideias neoliberais e a recente retomada do papel do Estado na regulação do mercado e na proteção social nos países da América do Sul. O tema da integração regional do Mercosul perpassa os capítulos que discutem a política social na região.



  • Titulo: Violência e cultura no Brasil

    Autor(autores)/Organizadores: Ruben George Oliven

    Editora: Centro Edelstein

    Idioma: Português

    Ano: 2010

    Sinopse: O título deste livro — Violência e Cultura no Brasil — poderia levar o leitor a imaginar que estou procurando explicar a violência em nossa sociedade a partir de sua cultura. Trata-se, na verdade, de dois temas distintos que correspondem a meus interesses teóricos e às atividades de pesquisa que desenvolvo no Mestrado em Antropologia, Política e Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul com o apoio desta Universidade, do CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico) e da FINEP (Financiadora de Estudos e Projetos).



  • Titulo: Profissões de saúde: uma abordagem sociológica

    ISBN: 8585676175

    Autor(autores)/Organizadores: Maria Helena Machado (Org.)

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 1995

    Sinopse: Baliza teoricamente as principais tendências da sociologia das profissões e parte para o exame de situações concretas de ramos determinados de atuação tais como: medicina, enfermagem, farmácia e odontologia, contextualizados histórica e socialmente. O conjunto de textos apresenta uma rica diversidade de aspectos trabalhados, permitindo uma melhor compreensão do processo de profissionalização em saúde, formação profissional, organização corporativa, além do papel do Estado no cenário das profissões, entre outros. Contribui para a análise da multiprofissionalidade presente na implantação do SUS, pois permite perceber as singularidades das profissões de saúde.



  • Titulo: Prisões numa abordagem interdisciplinar

    ISBN: 9788523209483

    Autor(autores)/Organizadores: Maria Thereza Ávila Dantas Coelhos; Milton Julio de Carvalho Filho

    Editora: EDUFBA

    Idioma: Português

    Ano: 2012

    Sinopse: Este livro tem como principal objetivo colaborar com as discussões sobre o sistema prisional brasileiro e a reforma iniciada no século XIX. Resultado das reflexões de pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento, os artigos deste livro destinam-se aos estudantes, gestores e trabalhadores que lidam, de alguma forma, com a questão do sistema prisional do Brasil. As abordagens passam por campos como o da Medicina, da Administração e da Sociologia, oferecendo ao leitor a possibilidade de conhecer e questionar aspectos históricos, sociais e econômicos do contexto contemporâneo do sistema prisional brasileiro.



  • Titulo: Raça, ciência e sociedade

    ISBN: 8585676256

    Autor(autores)/Organizadores: Marcos Chor Maio; Ricardo Ventura Santos

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 1996

    Sinopse: Bela coletânea que reúne trabalhos de enfoques plurais e com os seguintes objetivos: abordar os temas da raça e das relações raciais a partir de uma perspectiva diacrônica, desde o século XIX até o presente, com o intuito de observar as mudanças e deslocamentos conceituais de forma abrangente; apresentar um conjunto de trabalhos elaborados a partir de reflexões em diversos campos do conhecimento (antropologia, sociologia, história, ciência política e literatura), revelando assim a pluralidade de enfoques através dos quais a tríade raça, ciência e sociedade tem sido abordada; fornecer subsídios para a compreensão do cenário racial brasileiro contemporâneo.



  • Titulo: Hannah Arendt e a banalidade do mal

    ISBN: 8570411502

    Autor(autores)/Organizadores: Nádia Souki

    Editora: Editora UFMG

    Idioma: Português

    Ano: 1998

    Sinopse: Hannah Arendt e a banalidade do mal se dirige tanto aos conhecedores do pensamento arendtiano quanto àqueles que desejam conhecê-lo, colocando-se na fronteira entre as áreas de filosofia, política, história, sociologia e direito. É no contexto da reflexão sobre o julgamento do criminoso de guerra nazista Adolf Eichmann que Arendt funda o conceito de banalidade do mal, tema que se torna tão atual nos nossos tempos.



  • Titulo: Enterrado vivo: identidade punk e território em Londrina

    ISBN: 8571395365

    Autor(autores)/Organizadores: Nécio Turra Neto

    Editora: Editora UNESP

    Idioma: Português

    Ano: 2004

    Sinopse: Este trabalho a respeito de punks conta com elementos de antropologia, história, sociologia, psicologia, geografia, filosofia e com estudos de identidade cultural. Resultado do contato e do envolvimento do autor com o grupo pesquisado numa convivência por sete meses, explora conteúdos geográficos existentes na memória e no imaginário social de jovens brasileiros engajados em movimentos culturais. Uma contribuição da geografia para o estudo dos punks que também reforça o debate dos novos rumos da geografia brasileira, na perspectiva dos sujeitos sociais.



  • Titulo: Burocracia e ideologia

    ISBN: 8571396566

    Autor(autores)/Organizadores: Maurício Tragtenberg

    Editora: Editora UNESP

    Idioma: Português

    Ano: 2006

    Sinopse: Este livro se destina, principalmente, a examinar o surgimento e o perecimento das teorias administrativas através do tempo, conforme as determinações econômico-sociais existentes. Com isto, se pretende estudar a Teoria Geral da Administração como ideologia, dentro do plano traçado e fundamentando-se em textos relevantes ao assunto. Tal análise será desenvolvida em perspectiva estritamente sociológica, no nível de sociologia do conhecimento, isto é, do estudo da causa social das teorias de administração ideológicas.



  • Titulo: A reinvenção do espaço: diálogos em torno da construção do significado de uma categoria

    ISBN: 8571393931

    Autor(autores)/Organizadores: Douglas Santos

    Editora: Editora UNESP

    Idioma: Português

    Ano: 2002

    Sinopse: Discute o conceito de espaço sob diversas perspectivas, concluindo que a especificidade da geografia é justamente localizar fenômenos. Isso não impede, porém, um diálogo com outras ciências, como a física, a biologia, a economia e a sociologia. Leitura essencial para geógrafos, engloba desde o nascimento do espaço métrico à filosofia de Kant, passando por pensadores do calibre de Maquiavel, Giordano Bruno, Copérnico, Galileu Galilei, Descartes e Newton.



  • Titulo: Política Nacional de Aids: construção da resposta governamental à epidemia HIV/aids no Brasil

    ISBN: 9788523217464

    Autor(autores)/Organizadores: Sandra Garrido de Barros

    Editora: EDUFBA

    Idioma: Português

    Ano: 2018

    Sinopse: A obra se trata de uma análise sócio-histórica do combate ao HIV no Brasil. A autora narra a ação de diferentes agentes da luta contra o vírus, como médicos, políticos e movimentos sociais, reconstruindo a gênese de um “espaço aids brasileiro”. O resultado é um livro que é um marco para qualquer pessoa interessada na luta contra a aids, pela sociologia e pela política de saúde.



  • Titulo: Partidos e sindicatos: escritos de sociologia política

    Autor(autores)/Organizadores: Leôncio Martins Rodrigues

    Editora: Centro Edelstein

    Idioma: Português

    Ano: 2009

    Sinopse: Este livro reúne um conjunto de artigos sobre dois temas que tendem a se aproximar: o do partido e o do sindicalismo. O primeiro, “A composição social das lideranças do PT”, foi escrito em março de 1989, e apresentado em abril no Colóquio Franco-Brasileiro de Ciências Sociais realizado em Paris. Esta é sua primeira publicação. O segundo artigo, “Paradoxos do sindicalismo”, foi publicado no Jornal da Tarde, em 5 de outubro de 1985. Apenas uma ou outra correção foi introduzida.



  • Titulo: Diálogo entre a sociologia e a psicanálise: o indivíduo e o sujeito

    ISBN: 9788523209520

    Autor(autores)/Organizadores: Denise Maria de Oliveira Lima

    Editora: EDUFBA

    Idioma: Português

    Ano: 2012

    Sinopse: A autora recorre à obra teórica de Sérgio Paulo Rouanet para mostrar a possibilidade de entrelaçamento entre a dimensão social e a dimensão psíquica do ser humano. Rouanet considera “impossível entender a luta de classes, as situações externas de opressão, de ideologia, sem entender os mecanismos psíquicos que condicionam todas essas distorções”. Baseada neste pressuposto, ela desenvolve sua obra de forma acessível aos interessados no tema.



  • Titulo: A sociologia do Brasil urbano

    ISBN: 9788575414644

    Autor(autores)/Organizadores: Anthony Leeds; Elizabeth Leeds. Nísia Trindade Lima (Org.)

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2015

    Sinopse: Em meio às comemorações pelos 450 anos de fundação da cidade do Rio de Janeiro, a Editora Fiocruz traz ao público a segunda edição de um livro que é referência no estudo de habitações populares e favelas no Brasil e na América Latina: A Sociologia do Brasil Urbano, do antropólogo Anthony Leeds e da cientista política Elizabeth Leeds. O original, fruto de uma década de pesquisas, havia sido originalmente publicado em 1978 por iniciativa do antropólogo Gilberto Velho. A nova edição, organizada por Elizabeth Leeds e pela socióloga Nísia Trindade Lima, vem reparar uma ausência: a obra encontrava-se esgotada e, portanto, inacessível às novas gerações de pesquisadores. A Sociologia do Brasil Urbano apresenta análises sobre a estrutura de poder e de classes à luz da história das favelas e dos assentamentos não controlados na América Latina. As favelas do Rio de Janeiro, objeto privilegiado pelo estudo, foram analisadas pelo modo como foram tratadas pelo Estado e como eram desenvolvidas as políticas de habitação.



  • Titulo: Gilberto Freyre e José Lins do Rego: diálogos do senhor da casa-grande com o menino de engenho

    ISBN: 9788578792473

    Autor(autores)/Organizadores: Cauby Dantas

    Editora: EDUEPB

    Idioma: Português

    Ano: 2015

    Sinopse: Gilberto Freyre é o principal formulador do ideário regionalista nordestino. Nos textos de interpretação sociológica que produziu, desde o início da década de 1920, já aparecem as matrizes temáticas que estarão presentes nos romances de José Lins do Rego, escritos na década seguinte, consubstanciando, assim, um rico desdobramento estético daquele regionalismo e, ao mesmo tempo, uma interseção entre sociologia e literatura que abordamos a partir de ensaios, romances e cartas destes dois autores, onde sociologia e romance, conceitos e afetos e ideologias se fundem na compreensão, ora empática, ora nostálgica, ora dramática, de uma sociabilidade que remonta às raízes imemoriais de nossa sociedade.



  • Titulo: A reinvenção do desenvolvimento: agências multilaterais e produção sociológica

    ISBN: 9788523215453

    Autor(autores)/Organizadores: Anete B. L. Ivo (Org.)

    Editora: EDUFBA

    Idioma: Português

    Ano: 2016

    Sinopse: O livro analisa a circulação de ideias, a influência e as relações complexas entre as agências multilaterais e a agenda de pesquisas das Ciências Sociais, dando maior atenção para a Sociologia, nos últimos 20 anos. De caráter interdisciplinar, os artigos presentes na obra articulam experiências e conhecimentos dos seus autores com o campo da Sociologia, contribuindo para a renovação da agenda do desenvolvimento contemporâneo que permitem observar como se configura as relações entre a ciência, os atores e a política, considerando os organismos internacionais como agentes políticos globais em interação com diversos setores da sociedade.



  • Titulo: Engenho de cana-de-açúcar na Paraíba: por uma sociologia da cachaça

    ISBN: 9788578792015

    Autor(autores)/Organizadores: José Luciano Albino Barbosa

    Editora: EDUEPB

    Idioma: Português

    Ano: 2014

    Sinopse: Estudar a dinâmica cultural de transformação da cachaça de engenho paraibana, compreendendo como algo se transforma, em termos simbólicos, tornou-se o objetivo deste livro. O estudo foi realizado na região do Brejo paraibano, conhecido pelos conflitos de terra, a exemplo das Ligas Camponesas, e a cultura da cana-de-açúcar processada em engenhos seculares, tal romanceou José Lins do Rego. Assim, este livro se propõe a uma sociologia da cachaça. Uma viagem analítica, mas também de inspiração literária, ao cenário paraibano onde a mesma é produzida e sofre ressignificação, tornando-se requintada e sinônimo de originalidade em cachaçarias e pousadas campestres.



  • Titulo: A constituição da assistência social como um campo de política pública no Brasil

    ISBN: 9786557080061

    Autor(autores)/Organizadores: Gustavo Conde Margarites

    Editora: Editora FIOCRUZ

    Idioma: Português

    Ano: 2020

    Sinopse: Obra essencial para os interessados nas políticas de assistência social, na análise e na sociologia das políticas públicas e na história das instituições estatais brasileiras. A abordagem teórica inovadora do livro é ancorada na teoria dos campos de ação estratégica (TCAE). Professor do Instituto Federal do Rio Grande do Sul, o sociólogo Gustavo Conde Margarites investiga as decisões e mecanismos que embasaram a trajetória de constituição da assistência social como campo de política pública, demonstrando como a formação da área derivou, principalmente, de interações no campo da previdência social, envolvendo, posteriormente, o campo da saúde. Resultado de chamada pública para autores pela Editora Fiocruz em 2019, o título expõe a relevância da institucionalização da assistência social no bojo do sistema de proteção social do país.



  • Titulo: Desvendando a história da África

    ISBN: 9788538600190

    Autor(autores)/Organizadores: José Rivair Macedo

    Editora: Editora da UFRGS

    Idioma: Português

    Ano: 2008

    Sinopse: Esta publicação é fruto da confluência de vários fatores que passaram a contar com o porto seguro oferecido pela Lei n° 10.639, de 2003, que institucionalizou o estudo integral da História do Brasil e o reconhecimento do papel primordial dos africanos e de seus descendentes na construção da civilização brasileira. Os trabalhos aqui apresentados são norteados pela vontade de trabalhar a História da África como objeto direto de conhecimento e pela luta pela verdade histórica e contra os preconceitos eurocêntricos. Neste sentido, o livro busca para proporcionar uma visão ampla e íntegra da África e de sua diversidade, ressaltando a contribuição inalienável das suas populações para a história da humanidade, do Brasil e para nossa formação como seres humanos.



  • Titulo: A tentação fascista no Brasil: imaginário de dirigentes e militantes integralistas

    ISBN: 9788538602927

    Autor(autores)/Organizadores: Hélgio Trindade

    Editora: Editora da UFRGS

    Idioma: Português

    Ano: 2016

    Sinopse: Embora o conteúdo deste livro esteja focado na análise das entrevistas com ex-dirigentes e militantes do integralismo, no seu “Epílogo: ainda a tentação fascista no Brasil?” discute-se a nova conjuntura mundial e brasileira. Não se pode subestimar a importância dos novos populismos de direita que, desde a década de 1980, emergiram na Europa, especialmente os partidos, movimentos e governos que tiveram uma ascensão considerável nos principais países. Hoje o Integralismo faz parte da literatura internacional sobre o fascismo. Para Stanley Payne (University of Wisconsin), “o único que alcançou real importância e que, de fato, se converteu no único grande partido latino-americano que se aproximou em quase todos os aspectos do fascismo europeu, foi a AIB de Plínio Salgado, fundada em 1932”. Para além de um trabalho acadêmico o livro traduz de forma extraordinária o que o fascismo significou para os brasileiros que se uniram ao movimento, o surgimento de Plínio Salgado, seu líder, no contexto político do início da década de 30, a organização e, o que é mais importante, o espírito e estilo do movimento. Trata-se de uma obra que nos permite salientar adequadamente temas comuns que definem um movimento como nitidamente fascista, possibilitando descobrir as variedades de fascismo dentro de sua unidade básica e aprofundar a análise das diversas famílias ideológicas no interior do fascismo.



  • Titulo: Os eleitos: representação e carreiras políticas em democracias

    ISBN: 9788538602101

    Autor(autores)/Organizadores: André Marenco

    Editora: Editora da UFRGS

    Idioma: Português

    Ano: 2013

    Sinopse: Este livro é produto de uma agenda de investigações que um conjunto de pesquisadores de diferentes instituições e perspectivas metodológicas tem procurado enfrentar, ao longo dos últimos anos. Como alguém torna-se um profissional da política? Que trajetórias são percorridas por um aspirante a uma carreira política, até a conquista de postos públicos? Que atributos ou recursos são indispensáveis para o ingresso e mobilidade em carreiras políticas, diferenciando eleitores, candidatos e representantes? Partidos são relevantes na seleção de candidatos e oportunidades de carreira? Existem diferenças nos padrões partidários de seleção de candidatos? A conquista de postos executivos altera padrões partidários de recrutamento legislativo? O conjunto de textos apresentados nesta obra abrangem uma gama de questões em torno da representação, do recrutamento político e dos partidos, da discussão sobre modelos para explicar variações em padrões de carreiras políticas, processos de profissionalização em legislativos federais, contrastes estaduais nas condições de seleção e mobilidade nos postos políticos e investigações sobre carreiras em legislativos municipais.



  • Titulo: Políticas da diversidade: (in)visibilidades, pluralidade e cidadania em uma perspectiva antropológica

    ISBN: 9788538602057

    Autor(autores)/Organizadores: Denise Fagundes Jardim; Laura Cecília Lopez

    Editora: Editora da UFRGS

    Idioma: Português

    Ano: 2013

    Sinopse: Este livro propõe uma aproximação com as políticas da diversidade a partir de uma abordagem antropológica. Temas como multiculturalismo, multiculturalidade, interculturalidade, diversidade cultural e pluralidade vêm sendo debatidos como noções chaves para políticas públicas nacionais e, por vezes, parecem apenas sinônimos, ocultando a densidade de seus usos e escolhas conceituais e políticas. A partir das décadas de 1980 e 1990, em especial na experiência sul-americana, o debate público tem se transformado no que tange à compreensão da experiência nacional com as “minorias”. Novos sentidos, limites e desejos contidos nas noções de promoção de cidadania são consignados nas novas cartas constitucionais. Nelas, são contempladas políticas públicas relativas à promoção de equidade, que se encontram ligadas ao respeito e reconhecimento da pluralidade. Vislumbram-se efeitos (renovadores e contraditórios) dos processos políticos e esses reverberam nos debates sobre os ideais de nação e no tratamento de direitos até então vistos como formas de proteção a direitos minoritários. O ingresso de novos sujeitos políticos no diálogo com as políticas públicas tem chamado os antropólogos a examinar as práticas de justiça que vêm sendo elaboradas em um horizonte de política de Estado. Além de refletir, como é habitual para os antropólogos, sobre os usos da noção de diversidade e seus desafios atuais, nessa coletânea tomamos como objetivo a necessidade de dar a conhecer os modos como a antropologia e antropólogos têm sido conclamados a posicionar-se e frequentar espaços em que as noções de pluralidade e diversidade se tornam constitutivas das agendas públicas.



  • Titulo: A pluriatividade na agricultura familiar

    ISBN: 9788538600404

    Autor(autores)/Organizadores: Sergio Schneider

    Editora: Editora da UFRGS

    Idioma: Português

    Ano: 2003

    Sinopse: Este livro se propõe a examinar as relações da agricultura familiar com a emergência e a consolidação das atividades não-agrícolas no espaço rural e a formação de unidades produtivas crescentemente identificadas com a pluriatividade das famílias rurais. Neste sentido, agrega-se, às pesquisas que vêm sendo realizadas para aprofundar os conhecimentos sobre a agricultura familiar e suas possibilidades de desenvolvimento social e econômico no espaço rural. Nos anos recentes, vários cientistas sociais vêm dedicando seus estudos e análises às formas familiares. Esse trabalho intelectual tem sido desenvolvido sob variados focos, podendo-se extrair pelos menos dois ensinamentos. O primeiro indica a existência de diferentes estratégias sociais e econômicas através das quais as populações, grupos e indivíduos identificados com a agricultura familiar vêm viabilizando sua reprodução social e sobrevivência econômica nas sociedades contemporâneas. O segundo e maior aprendizado demonstra que, pelo menos nas nações mais desenvolvidas, o Estado tem sido o maior responsável pela manutenção de políticas públicas e formas de apoio à expansão e à consolidação das unidades que se organizam e estruturam com base no trabalho familiar. A presente obra situa-se no primeiro veio citado, alinhando-se às pesquisas cujo objetivo tem sido o de demonstrar os mecanismos e as estratégias que viabilizam, e em certos casos até ampliam e fortalecem, as formas familiares no campo.



  • Titulo: Violência e cidadania: práticas sociológicas e compromissos sociais José Vicente Tavares dos; Teixeira, Alex Niche; Russo, Maurício

    ISBN: 9788538601296

    Autor(autores)/Organizadores: José Vicente Tavares dos; Teixeira, Alex Niche; Russo, Maurício

    Editora: Editora da UFRGS

    Idioma: Português

    Ano: 2011

    Sinopse: O livro é resultado de uma série de estudos sociológicos realizados pelo Grupo de Pesquisa Violência e Cidadania da UFRGS, desde a década de 1990, partindo de uma conjuntura política e teórica que levou a pesquisar novas questões sociais globais, em particular as dimensões da violência, do crime e do controle social, vivenciando um movimento teórico fecundo, mundializado e inovador de uma prática sociológica na Era da Mundialização das Conflitualidades. O deslocamento do olhar sociológico para a sociedade global possibilitou a passagem para uma sociologia das conflitualidades no processo da mundialização. Os temas analisados indicam que uma sociologia das conflitualidades, no tempo atual, deve ser situada no contexto dos efeitos do processo de mundialização da sociedade e da economia, os quais produzem transformações na estrutura e no espaço social das diversas regiões do planeta, desencadeando novos conflitos sociais e novas formas de conflitualidades. A questão das conflitualidades, das formas de violência, das metamorfoses do crime, da crise das instituições de controle social configura-se pela emergência de lutas sociais protagonizadas por outros agentes sociais com diversas identidades oponentes e pautas de reivindicações. Ainda mais, o aumento dos processos estruturais de exclusão social pode vir a gerar a expansão das práticas de violência como norma social particular, vigente em vários grupos sociais enquanto estratégia de resolução de conflitos, ou meio de aquisição de bens materiais e de obtenção de prestígio social, significados esses presentes em múltiplas dimensões da violência social e política contemporânea. Estamos em presença de um social heterogêneo, no qual nem indivíduos nem grupos parecem reconhecer valores universais. Esse contexto dá origem a múltiplas lógicas de ação coletiva e a forças sociais diversas, em uma sociedade fragmentada e heterogênea.