Publicações

Rimas Universais sobre grãos astronômicos

Publicação com texto e projeto gráfica de Carolina Vernier; audiodescrição de Kemi Oshiro e Eduardo Cardoso, locução de Letícia Schwartz e Eduardo Cardoso.

descrição da imagem: Capa colorida com ilustração da Via Láctea. Sobre fundo, predominantemente azul escuro, o sol e os planetas Saturno, Marte, Mercúrio e Urano. Entre os planetas o título em branco: Rimas universais sobre grãos astronômicos; e o nome da autora: Carolina Vernier

Acesso a publicação em pdf pelo link: rimasuniversais

 

Postais Científicos e em Comunicação Alternativa

Planetário de Porte Alegre

Material didático para o Planetário de Porto Alegre com versão em Escrita Simples e com Pictogramas. Os pictogramas partem da base de dados do Portal ARAASAC de autoria de Sergio Palao Procedencia: ARASAAC (http://www.arasaac.org) Licença: CC (BY-NC-SA).

Em breve o mesmo material terá versão em audiolivro com audiodescrição!

descrição da imagem: sobre tampo preto, 4 postais abertos ao meio, como um "V". Os postais são pretos e tem texto em branco e retângulos horizontais também brancos com pictogramas coloridos.

Download dos postais nos links a seguir:

orientações

Sol

1_Mercúrio

2_Vênus

3_Terra

4_Marte

5_Júpter

6_saturno

7_Urano

8_Netuno

 

Livro em Audiovisual Acessível do Caderno do Projeto Referências: referências para o esporte de alto rendimento brasileiro

 

Livro Acessibilidade em Ambientes Culturais

Primeiro de uma coleção sobre o tema, esse livro tem como objetivo difundir o trabalho que vem sendo feito e para tanto o mesmo encontra-se disponível para download gratuito.

descrição da imagem: Livro retangular em formato vertical. A capa é branca e na parte superior tem 3 conjuntos de 6 círculos dispostos, remetendo a codificação em braile com a inscrição AAC. Abaixo, o título em preto acessibilidade em ambientes culturais. No canto inferior direito, os nomes dos organizadores de cima para baixo: Eduardo Cardoso e Jeniffer Cuty. E o logo da Editora Marca Visual.

Resumo da Obra:  A motivação pelo debate sobre o tema acerca da cultura da Acessibilidade em Ambientes Culturais fez com que reuníssemos arquitetos, designers, museólogos e demais profissionais e estudantes interessados em reavaliar seus espaços de trabalho, durante o primeiro Seminário Nacional de Acessibilidade em Ambientes Culturais. A mudança no olhar sobre o espaço que nos acolhe e permite, ou não, ter autonomia frente ao que temos o direito de usufruir foi a tônica do evento realizado em maio de 2011, na Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre. E esta foi a base para esta primeira publicação do projeto de extensão da UFRGS intitulado Acessibilidade em Ambientes Culturais, que tem a coordenação dos professores Eduardo Cardoso e Jeniffer Cuty.

Baixe as versões em pdf e em word, respectivamente, nos links abaixo.

acessibilidade-em-ambientes-culturais-eduardo-cardoso-e-jeniffer-cuty-orgs

versão em word

 

Acessibilidade em Ambientes Culturais: Relatos de Experiências

Segunda publicação da temática, agora sobre experiência de projetos e ações de extensão.

descrição da imagem: Livro retangular em formato vertical. A capa é predominantemente branca com círculos dispostos em conjunto, remetendo a codificação em braile. O circulo do canto superior direito é mais escuro que os cinco demais. Apenas um deles não vaza para fora da borda da capa, o que está ao centro na coluna da esquerda. Ao centro, o título em preto acessibilidade em ambientes culturais, e o subtítulo relatos de experiências. Na base da capa, no canto inferior direito, os nomes dos organizadores de cima para baixo: Eduardo Cardoso e Jeniffer Cuty. No canto inferior direito, o logo da Editora Marca Visual.

Em 2010, professores de duas faculdades da Universidade Federal do Rio Grande do Sul passaram a trabalhar conjuntamente através do projeto Acessibilidade em Ambientes Culturais. Desde lá, o projeto vem ampliando seus parceiros, a fim de qualificar a pesquisa e a atuação extensionista no âmbito regional e nacional. Realizamos três seminários nacionais homônimos ao projeto, sendo o último, em 2013, no Rio de Janeiro, o qual se deu pela motivação em viabilizar a proposta de circulação nacional do debate sobre a acessibilidade em ambientes que salvaguardam, comunicam e expõem produtos culturais e patrimônio. A própria noção de ambiente cultural continua sendo debatida e revista de modo profícuo através do diálogo interdisciplinar sobre espaços e instituições em que a cultura objetiva e a cultura subjetiva se encontram de modo harmônico. Na lista desses espaços estão museus, bibliotecas, salas de cinema e de espetáculos de dança e música, entre outros.

Em 2013, o projeto Acessibilidade em Ambientes Culturais ainda realizou o curso de difusão da pesquisa e ampliação da rede de pesquisadores e profissionais envolvidos e preocupados com esse tema. Paralelamente à realização do curso, o qual ocorreu em EAD4, reunimos esforços para organizar esta publicação, intitulada Acessibilidade em Ambientes Culturais II.

Baixe as versões em pdf e em word, respectivamente, nos links abaixo.

Acessibilidade em ambientes culturais_Relatos de Experiências

WORD_Acessibilidade em ambientes culturais_Relatos de Experiências

 

Guia de Consultoria Musical para Elaboração de Roteiros de Audiodescrição para Concertos de Música Instrumental Erudita

O Guia de Consultoria Musical para Elaboração de Roteiros de Audiodescrição para Concertos de Música Instrumental Erudita é resultado da pesquisa desenvolvida por Felipe Monteiro no Curso de Especialização em Acessibilidade Cultural, sob orientação dos professores Eduardo Cardoso e Lívia Motta.

Link para download da Versão em DOC

Link para download da Versão em PDF

Descrição da Ilustração: Imagem vertical em tons de cinza de uma apresentação musical. Ao fundo, desfocado, o palco com 9 músicos em arco ao redor do maestro. A caixa cênica é alta e com longas cortinas nas laterais. A platéia é vista de costas. Na última fileira, no centro uma pessoa com fones de ouvido. É colorida com pinceladas aguadas de aquarela em amarelo na pele, marrom nos cabelos e vermelho, na blusa.

Capa do Guia

 

Guia para mediadores: diretrizes para a representação de figuras táteis

Este guia tem como objetivo orientar a criação de figuras táteis, destinada, principalmente, à aplicação em livros infantis por educadores, pais e familiares em interação com crianças com deficiência visual, para promoção do desenvolvimento tátil desde a primeira infância e eliminar as barreiras que impedem este desenvolvimento. O guia é uma contribuição do design sobre o processo de criação de figuras táteis, amparado em pesquisas de ensino de desenho a pessoas com deficiência visual.

Autora: Maria Carolina Frohlich Fillmann

capa do guia

capa do guia

Link para download do Guia em PDF interativo

Link para download do Guia para Impressão

 

Trabalhos da disciplina de recursos de acessibilidade na comunicação

Apresentação de alguns trabalhos da disciplina da Pós-Graduação em Design PGDesign – UFRGS.

Exercício de Escrita Simples e com Símbolos Pictográficos de Comunicação:

Trabalho de Greice Caldovino

Link para download da fábula A raposa e as peras verdes

 

Trabalho de  Gabriela Cerveira Sallenave

sobre fundo branco com ilustração da silhueta de uma cidade em tons de azul e o grande rosto de um rato à esquerda. no canto superior direito o título em cinza: o rato vai à cidade

Link para download da fábula O rato volta à cidade

 

Trabalho de Raquel Sudbrack

ao fundo, ilustração da paisagem de uma fazenda. à esquerda, o grande desenho de uma galinha de bochechas rosadas. no canto superior direito o título em marrom: a galinha dos ovos de chocolate

Link para download da fábula A galinha dos ovos de chocolate

 

Trabalho de Jeruza Santos

sobre fundo azul, a ilustração do rosto de um menino pensativo, debruçado sobre os braços. no canto superior esquerdo um balão de imaginação em branco com texto azul: A escova de dentes azul. abaixo o texto em comunicação alternativa

Link para download da adaptação em comunicação alternativa do livro A escova de dentes azul de Marcos Mion

 

Livro O comboio de Lata, do CRID (Centro de Recursos para Inclusão Digital) do Instituto Politécnica de Leiria (convênio Portugal – Brasil)

Versão em Libras

 

Versão em Libras com explicação dos termos de cultura Portuguesa

Mais informações e versões do original em: www.crid.esecs.ipleiria.pt/o-comboio-de-lata/

 

Livro Como Eu Vou, do Grupo Multi – Publicações Multiformato – UFRGS

Audiodescrição

Mais informações e versões do original em:  www.ufrgs.br/multi/como-eu-vou/