Observatório do Estado Latino-Americano | ODELA

Categoria: Resenhas

SILVA, Luiz Fernando da. Pensamento social brasileiro: Marxismo acadêmico entre 1960 e 1980. São Paulo: Corações e Mentes, 2003.

Luís Gustavo Dutra Barcelos (ODELA)

Para que consigam desvendar da melhor forma o que está na essência do seu objeto de estudo, é recorrente que pesquisadores busquem aplicar a melhor metodologia científica em suas pesquisas, analisando os debates que foram …

Pensando os pensadores (III): A formação das elites políticas em José Murilo de Carvalho

Steici dos Santos (ODELA)*

José Murilo de Carvalho, nascido em 8 de setembro de 1939, é historiador e cientista político brasileiro, natural de Andrelândia, MG, ocupa desde 2004 a Cadeira nº 5 da Academia Brasileira de Letras. Atualmente é professor …

Pensando os pensadores (II): Pierucci e as “Ciladas da Diferença”

Steici dos Santos (ODELA)*

Antônio Flávio Pierucci, nascido na região metropolitana de Ribeirão Preto, estado de São Paulo, em 1945 e falecido no mesmo estado em 2012, foi filósofo e sociólogo. O autor ingressou no Seminário da Arquidiocese de São …

Pensando os pensadores (I): Breves apontamentos sobre o desencadeamento histórico da Revolução Burguesa no Brasil segundo Florestan

Steici dos Santos (ODELA)*

Florestan Fernandes, nascido em São Paulo em 22 de julho de 1920 e falecido, também, na cidade de São Paulo em 10 de agosto de 1995, aos seus 75 anos, foi um sociólogo e político brasileiro. …

SOUSA OLIVA, José D.; ARBESÚ VERDUZCO, Luis I. Planificación gubernamental. Manual para la elaboración de planes de desarrollo. México: Oxford University Press, 2018.

José Daniel Sousa Oliva (UFRGS)*

¿Cuáles son las capacidades que un Estado debe tener para alcanzar los objetivos de desarrollo? y particularmente, ¿cómo la planificación democrática puede ser una herramienta valiosa para lograr legitimidad gubernamental? Estas son las preguntas que …

CODATO, Adriano; PERISSINOTTO, Renato. Marxismo como ciência social. Curitiba: Editora UFPR, 2011.

Ian Rebouças Batista (ODELA)

Uma vez centro dos estudos sociais, políticos e econômicos brasileiros, principalmente enquanto enfrentamento acadêmico à ditadura militar, o marxismo encontra-se hoje à margem das ciências sociais na academia brasileira. Desde o fim da União Soviética e …

OSÓRIO, Luiz Felipe Brandão. Imperialismo, Estado e Relações Internacionais. São Paulo: Editora Ideias & Letras, 2018.

Luiz Felipe Brandão Osório (UFRRJ)*

Falar de imperialismo hoje é falar de capitalismo, marxismo (Estado) e Relações Internacionais. O que eu faço questão de enfatizar no livro é que o imperialismo é um fenômeno que ganha especificidade teórica e histórica …

XAVIER, L. O.; AVILA, C. F. D.; FONSECA, V. (Org.). A Qualidade da Democracia no Brasil: Questões teóricas e metodológicas da pesquisa. Vol. 2. Curitiba: CRV, 2018.

Leonardo Bacher Medeiros (ODELA)

A obra objeto de resenha corresponde à continuação da série “A qualidade da democracia no Brasil”, que através de seu segundo volume discute a democracia e os desafios que se apresentam diante do pesquisador ao abordar, …

SAES, Décio. Democracia. São Paulo: Editora Ática, 1987.

Guilherme Falcão Goulart (ODELA)

Talvez a escolha deste livro para ser resenhado levante questões muito pertinentes nos leitores, principalmente no que se refere ao ano da publicação do mesmo. Não seria este um livro demasiado ultrapassado? Creio que não, pelas …