Mesa redonda 2019

Saúde Mental dos Alunos de Pós-Graduação: Ansiedade e Depressão são Maiores nos Pós-Graduandos do que nos Jovens em Geral?

Assista: Mesa redonda “Saúde Mental nos Alunos de Pós Graduação”

A motivação para o tema da mesa-redonda deste ano do SIMPós está devidamente capturada na reportagem “Um terço dos alunos de pós-graduação têm depressão ou ansiedade”, de autoria de Carolina Samorano.

Este tema foi o mais votado na enquete levantada no evento SIMPós 2018, contando com 57,41% dos votos, frente às outras opções “Engenharia Química em 2030” (31,48%) e “O futuro do mercado de trabalho” (11,11%).

Um estudo publicado na revista científica Nature em 2018 aponta que 36% dos alunos de mestrado e doutorado sentem-se deprimidos ou ansiosos em grau moderado ou grave. Na população geral, o índice fica na casa dos 6%. Os números vieram de entrevistas com quase 3 mil pessoas, em 26 países, de áreas diferentes do conhecimento. Estudantes apontam nível de cobrança, prazos, pressão e relação com o orientador como fatores que comprometem a saúde mental dos pós-graduandos.

Teresa Evans, da Universidade do Texas, espera que o resultado do seu estudo sirva para as academias e instituições que apoiam as universidades “liderarem o caminho primeiro em reconhecer os desafios e, depois, em trabalhar por recursos e intervenções”. “A pressão, às vezes, se torna mais do que a pessoa pode aguentar”, diz.

Sendo assim, a mesa-redonda “Saúde Mental dos Alunos de Pós-Graduação: Ansiedade e Depressão são Maiores nos Pós-Graduandos do que nos Jovens em Geral?” visa discutir esse tema com o intuito de conhecer melhor os estudantes de pós-graduação, de modo a auxiliar o PPGEQ a pensar e a criar intervenções específicas voltadas a esse público.