Curso de extensão “Caminhos Operários: história, memória e patrimônio da classe trabalhadora em Porto Alegre”

O curso de extensão “Caminhos Operários: história, memória e patrimônio da classe trabalhadora em Porto Alegre” tem por objetivo debater a importância dos trabalhadores e trabalhadoras, de suas organizações e de seus espaços de convívio, para a história da capital. Durante o curso vamos tratar do processo de formação do movimento operário, sua presença nos espaços da cidade e o apagamento de sua memória ao longo dos anos.

O curso é oferecido pela Biblioteca da Faculdade de Arquitetura (BFARQ) e pelo Laboratório de Ensino de História e Educação (LHISTE), sendo voltado especialmente para a formação de Professores, mas também está aberto atodos que procuram conhecer mais sobre a história, a memória e o patrimônio daclasse trabalhadora em nossa cidade. Estão previstas três aulas sobre o tema, seis trajetos guiados em diferentes regiões de Porto Alegre e uma avaliação final, com a expedição de um certificado de 40 horas para quem completar o curso.

1ª Encontro: A classe trabalhadora e a formação dos seus espaços de organização em Porto Alegre (5 de setembro, 18 horas, sala 102 da FACED/UFRGS).

2º Encontro: A memória dos locais de trabalho e a memória organizativa da classe trabalhadora (12 de setembro, 18 horas, sala 102 da FACED/UFRGS).

3º Encontro: Caminhos Operários no Centro Histórico (dia 14 de setembro, das 14 às 18 horas).

4º Encontro: Caminhos Operários na Cidade Baixa e na Azenha (dia 28 de setembro, das 14 às 18 horas).

5º Encontro: Caminhos Operários no Bonfim e Rio Branco (dia 5 de outubro, das 14 às 18 horas).

6º Encontro: Caminhos Operários na Floresta e São Geraldo (dia 26 de outubro, das 14 às 18 horas).

7º Encontro: Caminhos Operários no Partenon (dia 9 de novembro, das 14 às 18 horas).

8º Encontro: Caminhos Operários na Tristeza (dia 23 de novembro, das 14 às 18 horas).

9º Encontro: A Classe trabalhadora e o movimento operário em Porto Alegre: memória e esquecimento (12 de dezembro, 18 horas, sala 102 da FACED/UFRGS).

10º Encontro: Avaliação final (19 de dezembro, 18 horas, sala 102 da FACED/UFRGS).

As inscrições são presenciais e vão se realizar no primeiro dia do curso (5 de setembro, 18 horas, sala 102 da FACED/UFRGS). O curso é gratuito, apenas com custo da emissão do certificado (R$ 4,00).

CURSO DE EXTENSÃO – EDUCAÇÃO DAS RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS E TERRITÓRIOS NEGROS EM PORTO ALEGRE: DIÁLOGOS AFROCENTRADOS – 1ª edição

Edital (354 downloads) Programação (278 downloads)

 

FORMULÁRIO PARA INSCRIÇÃO

ERRATA - Edital de Inscrição de Cursistas (52 downloads)

Edital de Inscrição de Cursistas - Convocação para Sorteio Público (59 downloads)

INSCRIÇÕES HOMOLOGADAS (55 downloads)

INSCRIÇÕES NÃO HOMOLOGADAS (58 downloads)

RESULTADO FINAL – CANDIDATOS SELECIONADOS (128 downloads)

Programação do curso (com indicação de local das aulas) (80 downloads)

História, literatura e tradicionalismo: Barbosa Lessa e a invenção das tradições gaúchas

O livro O Centauro e a Pena será lançado na próxima terça-feira, dia 30 de outubro, às 18h30.  A obra é fruto da pesquisa histórica de Jocelito Zalla sobre a invenção das tradições gaúchas, que recebeu prêmio no Concurso Sílvio Romero de Monografias sobre Folclore e Cultura Popular – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN/CNFCP).

Através de uma biografia intelectual do escritor e folclorista Luiz Carlos Barbosa Lessa (1929-2002), Zalla percorre o processo de construção do mito do gaúcho no Rio Grande do Sul. O autor analisa a criação dos CTGs e seus rituais, bem como a literatura regionalista e a historiografia tradicional, que desenharam uma memória histórica e uma identidade política gauchescas para a região.

 

SERVIÇO – Lançamento
O centauro e a pena: Barbosa Lessa e a invenção das tradições gaúchas, de Jocelito Zalla (Editora da UFRGS, 2018, 348 páginas, R$ 30,00).

Dia: 30 de outubro de 2018 – terça-feira
Hora: 18h30
Museu da UFRGS – Avenida Osvaldo Aranha, 277 – Porto Alegre / RS

 

Será possível adquirir o livro no dia do lançamento e em breve no site da Livraria Virtual da Editora da UFRGS.

Saiba mais em https://bit.ly/2CZ8fsc

Territórios Negros: Patrimônio Afro-Brasileiro em Porto Alegre – 2ª Edição

O curso, que chega em sua segunda edição, caracteriza-se como ação de extensão da UFRGS e objetiva promover formação com educadores sobre patrimônio afro-brasileiro, a partir de metodologia própria contemplando a criação de ações educativas que considerem as marcas de pertencimento negro nas comunidades escolares.

Maiores detalhes sobre inscrição, seleção e execução do curso, estão disponíveis no Edital, para download.

A ficha de inscrição (anexada abaixo) deve ser enviada para o email do lhiste: lhiste@ufrgs.br até o dia 17/07 às 00 horas.

* Obs: O envio da ficha de inscrição não garante vaga no curso, pois haverá uma seleção de candidatos/as

EDITAL-Territorios-Negros-2016..pdf (2147 downloads)

 

FICHA-Territorios-Negros-2016.pdf (1012 downloads)

 

Apostila (59 downloads)

NOTA DE APOIO DOS PROFESSORES DO LHISTE À OCUPAÇÃO CAp-Ufrgs

O Laboratório de Ensino de História e Educação (LHISTE) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), enquanto iniciativa conjunta entre os professores da área de Ensino de História da Faculdade de Educação (FACED), os professores da disciplina de História do Departamento de Humanidades do Colégio de Aplicação (CAP) e do departamento de História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH-UFRGS) vem, por meio desta, manifestar seu apoio ao movimento que culminou com a ocupação do Colégio de Aplicação da UFRGS, por parte dos estudantes da escola, no dia 15 de junho de 2016.

Reconhecemos o extremo valor que possui o Colégio de Aplicação, enquanto unidade de Educação Básica, em nossa instituição. Destacamos o valor da experiência de protagonismo desses jovens, sujeitos fundamentais da educação escolar, ao reivindicar questões básicas como alimentação, estrutura e segurança. Uma universidade de excelência e aberta à todos os grupos sociais deve necessariamente ter compromisso com uma assistência estudantil de qualidade. O LHISTE, ao objetivar  o diálogo entre a Universidade e a Escola, num processo de mútua aprendizagem, no sentido do refinamento da produção do conhecimento e das práticas pedagógicas na área do Ensino de História, entende que esse é o momento de escutar os jovens e apoiá-los em seus movimentos de organização política. Cabe ainda reconhecer e destacar a importância pedagógica deste momento, fundamental na formação política e cidadã destes alunos e de toda a comunidade escolar. São aprendizados para todos nós.

Professores do LHISTE-UFRGS

Mesa de discussão da Base Nacional Curricular Comum – BNCC

A diretoria da ANPUH-RS convida todos os associados e demais

interessados para uma reunião geral que terá por objetivo de discutir a proposta da BNCC e produzir um documento do Núcleo do Rio Grande do Sul sobre a proposta de História da Base.

Dia: 14/ 01/ 2016 – 19:00h

Mesa de debate: Professor doutor Anderson Zalewski Vargas (Departamento de

História/ UFRGS) e Professora doutora Caroline Pacievitch (Departamento de Ensino e

Currículo/ UFRGS)

Local: Auditório do Centro de Educação/ UFSM – Santa Maria

 

Dia 15/01/2016 – 08:00/12:00h-14:00/ 17:00.

Discussão e redação de documento de análise da ANPUH-RS sobre a proposta de

História da Base Nacional Curricular Comum.

 

convite_anpuhrs

 

 

Promoção
Núcleo do Rio Grande do Sul da Associação Nacional de História – ANPUH-RS

 

Lugares Possíveis no Ensino de História: rodas de conversa

 

LUGARES POSSIVEIS

PROGRAMAÇÃO

 

Dia 04 de Outubro de 2015

 

TARDE

13h -14h Recepção com Café

 

14 – 17h

 

Vídeo gerador “A Educação nos dias de hoje” (20min)

 

Cerimônia de abertura

 

Roda de Conversa “Educação para que(m)?” mediada por Carla Meinerz (FACED/UFRGS) e outro convidado a confirmar

17 – 18:30 Intervalo Cultural

 

NOITE

18:30 – 21:00 Jogo da Escola Ideal (conduzido pelas organizadoras)

 

________________________

Dia 05 de Outubro de 2015

 

TARDE

13h -14h Recepção com Café

 

14 – 17h

 

Vídeo “Cidade dos Homens”: A Coroa do Imperador (10min)

 

Roda de Conversa com estudantes do Ensino Médio: recursos e conteúdos no ambiente escolar

 

 

17 – 18:30

Intervalo Cultural

(Exposição Carris “(En)Foco: memórias, esquecimentos e representações” + recursos para sala de aula)

 

NOITE

18:30 – 21:30

 

Oficina de Patrimônio cultural afro-brasileiro em sala de aula

Convidado/a ainda não confirmado

________________________

Dia 06 de Outubro de 2015

 

TARDE

13h -14h Recepção com Café

 

14 – 17h

Roda de Conversa “Cenário nacional e a formação de professores/as de História

mediada pelos/as convidados Caroline Pacievitch (FACED/UFRGS), Mara Rodrigues (IFCH/UFRGS), Rafael Levandovski (CHIST/UFRGS)

 

17 – 18:30 Intervalo Cultural

 

NOITE

18:30 – 21h

Apresentação teatral

(Encerramento do Curso)