Pós-doutorandos

  •  Wilson Rogerio Penteado Junior

    Wilson Rogerio Penteado Junior

    Doutor, Universidade Estadual de Campinas, Unicamp, Brasil, 2010.

    Áreas de atuação: Memória, discursos e narrativas, Antropologia das populações afro-brasileiras, Antropologia e patrimônios culturais.

    Supervisão: Vitor Queiroz.

    Possui graduação em Ciências Sociais (2001), mestrado em Antropologia Social (2004) e doutorado em Antropologia Social (2010) pela Universidade Estadual de Campinas. Professor associado de Antropologia no Centro de Artes, Humanidades e Letras, da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia – UFRB, sediado na cidade histórica de Cachoeira-BA, onde atua em diversos cursos de graduação, bem como no Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais-PPGCS-UFRB e no Programa de Pós-graduação em Arqueologia e Patrimônio Cultural - PPGap-UFRB. É um dos editores-chefes do periódico científico Novos Olhares Sociais, vinculado ao PPGCS-UFRB.  

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/4165914656561294

    E-mail: penteadowjr@ufrb.edu.br

  • Fernanda Vecchi Alzuguir

    Fernanda Vecchi Alzuguir

    Doutora, Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro, IMS/UERJ, Brasil, 2010.

    Áreas de atuação: Gênero e Ciência, Antropologia do Corpo e da Saúde, Saúde Coletiva.

    Supervisão: Fabiola Rohden

    Professora do Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IESC/UFRJ). Mestre e Doutora em Saúde Coletiva pelo Instituto de Medicina Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (IMS/UERJ). Especialização em saúde mental pelo Instituto Philippe Pinel/SMS. Docente colaboradora do Programa de Pós Graduação em Saúde Coletiva (IESC/UFRJ). Atualmente pesquisa como gênero e envelhecimento se articulam à promoção das tecnologias de reprodução assistida para diagnóstico e tratamento da infertilidade masculina e feminina por veículos de divulgação cientifica.

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/9295454708142194

    Email: fevecchi@iesc.ufrj.br

  • Lorena Rodrigues Tavares de Freitas

    Lorena Rodrigues Tavares de Freitas

    Doutora, Universidade Estadual do Norte Fluminense, UENF, Brasil, 2013.

    Áreas de atuação: Gênero e sexualidade, Feminismo decolonial, Antropologia política.

    Supervisão: Pablo Quintero.

    Professora adjunta do Departamento de Antropologia e do Programa de Pós-Graduação em Literatura Comparada da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). Doutora em Sociologia Política pela Universidade Estadual do Norte Fluminense (2013), mestre em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Juiz de Fora (2009) e bacharel em Ciências Sociais pela Universidade Estadual do Norte Fluminense (2006). Desenvolve pesquisas sobre Gênero e Desigualdades e Teorias do Reconhecimento, com ênfase nos estudos sobre Sexualidades e processos de subjetivação e Feminismo Decolonial. Foi professora e coordenadora do curso de Especialização em Gênero e Diversidade na Educação, professora e vice-coordenadora do curso de especialização em Direitos Humanos na América Latina na UNILA. É coordenadora do grupo de pesquisa Gênero e Poder na América Latina e Caribe (GEPALC) do CNPq.

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/7681710582064342

    E-mail: lorena.defreitas@unila.edu.br

  • Cauê Fraga Machado

    Cauê Fraga Machado

    Doutor, Museu Nacional/Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil, 2018.

    Áreas de atuação: Antropologia da religião, religiões afro-brasileiras, batuque gaúcho, antropologia da política, da emoções, das populações quilombolas e tradicionais, da alimentação, da saúde, da morte, raça, racismo e ações afirmativas.

    Supervisão: Ceres Víctora.

    Pesquisador do NUPACS (Núcleo de Pesquisa em Antropologia do Corpo e da Saúde) faz parte da Rede Covid-19 Humanidades. Doutor (2018) e mestre (2013) em Antropologia Social pelo PPGAS Museu Nacional/UFRJ. Possui graduação em Ciências Sociais pela UFRGS. Trabalhou com quilombolas no Ceará e no Rio Grande do Sul. Além disso, possui trabalho etnográfico junto ao Batuque. Seus interesses incluem estudos em antropologia da religião, religiões afro-brasileiras, batuque gaúcho, antropologia da política, das emoções, da saúde, das populações quilombolas e tradicionais, da alimentação, da morte, raça, racismo e ações afirmativas. É pesquisador do NanSi no Museu Nacional/UFRJ, do GeAfro e do NEAB/UFRGS.

    Bolsa: Financiadora de Estudos e Projetos, FINEP.

    E-mail: cauefm@gmail.com

  • João Daniel Dorneles Ramos

    João Daniel Dorneles Ramos

    Doutor, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil, 2015.

    Áreas de atuação: Religiões de Matriz Africana; Comunidades Quilombolas; Antropologia Rural; Natureza e Cultura; Práticas e Saberes Tradicionais de Cura; Filosofia da Diferença; Sociologia.

    Supervisão: Sergio Baptista da Silva.

    Cientista Social (UFPel 2008), Mestre em Sociologia (UFRGS 2011) e Doutor em Antropologia Social (UFRGS 2015). Realizou Estágio de Doutorado no Exterior (2014), junto ao Laboratoire d'Anthropologie Sociale (LAS) e EHESS, em Paris, França (supervisão de Philippe Descola). Foi Professor de Sociologia (UFPel), entre 2015-2017. Atualmente, desempenha atividades de docência e pesquisa. É membro do Grupo de Pesquisa Gênero, Juventude e Cartografias da Diferença (UTFPR/Pato Branco), coorientando trabalhos de dissertação e tese, no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional (PPGDR).

    Bolsa: PNPD/Capes/Bolsa Jacques Gutwirth

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/6707055287046591

    E-mail: jodorneles@gmail.com

  • Valéria Aydos Rosário

    Valéria Aydos Rosário

    Doutora, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil, 2017.

    Áreas de atuação: Antropologia e Políticas Públicas; Antropologia do Trabalho; Antropologia da Deficiência; Estudos Críticos Interseccionais do Autismo e da Neurodiversidade.

    Supervisão: Patrice Schuch.

    Valéria é doutora em Antropologia Social pela UFRGS, com estágio sanduíche no KCL sob supervisão do prof. Nikolas Rose. Participa dos grupos de estudos Realidades da Deficiência no Brasil (Western University) e GEAD-UFRGS, e é pesquisadora nos projetos “Vivendo com Deficiências no Brasil” (UCL-UK), “Retratos do Brasil com Deficiências” (Western University-Canadá) e "Traduzir-se: autismo em primeira pessoa na Academia" (UFVJM). Atualmente é pós-doutoranda no PPGAS, coproduzindo projetos Com autistas sobre deficiências invisíveis e interseccionalidades, acessibilidade e inclusão no mercado de trabalho e na Academia.

    Bolsa: PNPD/Capes

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/7067593605209922

    E-mail: valeria.aydos@gmail.com

  • Vitor Simonis Richter

    Vitor Simonis Richter

    Doutor, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil, 2016.

    Áreas de atuação: Antropologa da ciência; Antropologia do direito; Antropologia do Estado.

    Supervisão: Claudia Fonseca.

    Bacharel em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2009), mestre (2012) e doutor (2016) em Antropologia Social pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGAS/UFRGS) com estágio sanduíche no programa de antropologia da University of Pennsylvania (UPenn). Em 2018 iniciou estágio de pós-doutoramento no Programa de Pós-graduação em Antropologia Social da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGAS/UFRGS). Realiza pesquisas nas áreas de: antropologia do direito, da ciência e do Estado e vem desenvolvendo pesquisa sobre tecnologias de identificação no Brasil. É pesquisador vinculado ao Núcleo de Antropologia e Cidadania (NACi/PPGAS-UFRGS) e ao grupo de pesquisa Ciências na Vida (PPGAS/UFRGS).

    Bolsa: PNPD/Capes

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/3158204847807403

    E-mail: vsrichter@gmail.com

  • Alexandre Magno de Aquino

    Alexandre Magno de Aquino

    Doutor, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil, 2018.

    Áreas de atuação: Etnologia; Etnoarqueologia; Ecologia política.

    Supervisão: Sergio Baptista da Silva.

    Possui licenciatura (2004) e bacharelado (2005) em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Fez mestrado em Antropologia pela Universidade de Brasília (PPGAS, 2008) e é doutor em Antropologia Social pela (PPGAS-UFRGS, 2018). Dedica-se aos seguintes temas: etnologia kaingang, territorialidade, território, paisagem, etnoarqueologia, educação diferenciada. Associado da ABA e pesquisador vinculado ao Núcleo de Antropologia das Sociedades Indígenas e Tradicionais – NIT/UFRGS Atualmente, no pós-doutorado (PPGAS-UFRGS), pesquisa sobre Sítios Naturais Sagrados.

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/2654577932333029

    E-mail: antropoaquino@gmail.com

  • Alexsânder Nakaóka Elias

    Alexsânder Nakaóka Elias

    Doutor, Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil, 2018.

    Áreas de atuação: Antropologia (Audio)Visual, Antropologia da Imagem, Antropologia da Arte, Antropologia da Montagem, Antropologia Multissensorial, Antropologia Compartilhada, Antropologia Urbana, Antropologia das Religiões, Teoria Antropológica, Comunicação Social, Jornalismo, Fotografia, Cinema.

    Supervisão: Cornelia Eckert.

    Realiza pós-doutorado em Antropologia Social na UFRGS, vinculado ao NAVISUAL. É graduado em Comunicação Social pela Ufes, mestre em Fotografia e Cinema e doutor em Antropologia Social pela Unicamp. Seu foco atual volta-se para as relações entre as noções e os conceitos de “experiência” e “experimentação” e nas reflexões acerca das potencialidades da “montagem” de “grafias” como metodologia e epistemologia na confecção do saber etnográfico-antropológico. É membro do NAVISUAL/UFRGS, do LA'GRIMA/UNICAMP, do LEPPAIS/UFPel e da recém-criada “Red de Investigación en Antropologia AudioVisual” (RIAA).

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/9631991512840338

    E-mail: alexdefabri@gmail.com

  • Caetano Kayuna Sordi Barbará Dias

    Caetano Kayuna Sordi Barbará Dias

    Doutor, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil, 2017.

    Áreas de atuação: Antropologia das relações humano-animais; Antropologia da técnica; Antropologia da biossegurança; Antropologia da alimentação; Patrimônio Cultural.

    Supervisão: Jean Segata.

    Possui graduação em Ciências Sociais (2011) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS). Mestre (2011-2013) e Doutor (2013 - 2017) em Antropologia Social pela UFRGS, com período de estágio sanduíche (PDSE/CAPES) na University of Aberdeen, Escócia, Reino Unido (2015-2016). Foi professor da área de humanidades da Universidade de Caxias do Sul (UCS). Desde 2019, atua como técnico da Superintendência do IPHAN no RS.

    Bolsa: Rede Covid-19 Humanidades (MCTI/FINEP)

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/0618866780110833

    E-mail: caetano.sordi@gmail.com

  • Daniel Scopel

    Daniel Scopel

    Doutor, Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil, 2013.

    Áreas de atuação: Antropologia da Saúde; Saúde Indígena.

    Supervisão: Jean Segata.

    Doutor em Antropologia Social (UFSC, 2013, bolsas Capes e CNPq), mestre em Antropologia Social (UFSC, 2007, bolsa CNPq) Pós doutorado em Antropologia Social com financiamento PDJ do CNPq (UFSC, 2014), Especialista em Segurança no Trabalho (Sociesc, 2014). É pesquisador da Rede Covid Humanidades e do INCT Instituto Nacional de Pesquisa Brasil Plural. Tem experiência em antropologia da saúde com ênfase em pesquisa qualitativa e método etnográfico.

    Bolsa: Rede Covid-19 Humanidades

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/2828890608860135

    E-mail: daniel.amazonia@gmail.com

  • José Luís Abalos Júnior

    José Luís Abalos Júnior

    Doutor, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil, 2021.

    Áreas de atuação: Antropologia Urbana, Antropologia Visual e da Imagem, Antropologia da Arte.

    Supervisão: Ana Luiza Carvalho da Rocha.

    Doutor em Antropologia Social (UFRGS) compõe a equipe do Banco de Imagens e Efeitos Visuais (BIEV/PPGAS/UFRGS). Possui graduação em Ciências Sociais (2014), mestrado (2017) e doutorado (2021) em Antropologia Social pelo PPGAS/UFRGS. Realizou doutoramento sanduíche (PDSE/CAPES/2018) na Universidade Nova de Lisboa, Portugal. Atualmente realiza um período de Pós-Doutorado (PDJ/CNPq/2020) no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da UFRGS atuando principalmente nos seguintes temas: criatividades urbanas, distritos criativos, memória social, patrimônio, culturas populares, metodologias qualitativas e gentrificação. 

    Bolsa: Pós-Doutorado Júnior/CNPq/2020

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/2132831693109488

    E-mail: abalosjunior@gmail.com

  • Lucas Riboli Besen

    Lucas Riboli Besen

    Doutor, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil, 2018.

    Áreas de atuação: Antropologia das relações de gênero e sexualidades; Antropologia do Direito; Antropologia da Estado; Antropologia da Burocracia; Antropologia da Ciência; Antropologia do Corpo e da Saúde, Antropologia Médica, e Direitos Humanos.

    Supervisão: Fabíola Rohden.

    Mestre (2014) e doutor (2018) em Antropologia Social pelo PPGAS/UFRGS. Seu trabalho versa sobre os processos de materialização da diferença em diferentes âmbitos dos discursos médico-jurídico. Atualmente pesquisa sobre os critérios diagnósticos da Síndrome do Ovário Policístico. Desde 2012, desenvolve projetos no eixo da divulgação científica em conjunto com Grupo de Pesquisa Ciências na Vida (UFRGS). Integra também o Grupo de Estudos Antropologia e Deficiência (GEAD/UFRGS) e o Núcleo de Antropologia do Direito (NADIR/USP).

    Bolsa: Projeto “Living with Disabilities” (UFRGS/UCL).

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/9115240302013351

    E-mail: misterbesen@gmail.com

  • Monalisa Dias de Siqueira

    Monalisa Dias de Siqueira

    Doutora, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil, 2014.

    Áreas de atuação: Antropologia da Saúde; Antropologia das Emoções.

    Supervisão: Jean Segata (2020); Ceres Victora (2021).

    Doutora em Antropologia Social pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Mestra em Sociologia e Bacharela em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Ceará. Realiza pós-doutorado no Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (UFRGS). Atua como professora voluntária no Departamento de Saúde Coletiva, PPG em Ciências Sociais, PPG em Gerontologia e Especialização em Estudos de Gênero (UFSM). Pesquisadora da Rede Covid-19 Humanidades MCTI, do Núcleo de Pesquisa em Antropologia do Corpo e da Saúde (NUPACS/UFRGS) e do Núcleo de Estudo sobre Emoções e Realidades Digitais (NEERD/UFSM).

    Bolsa: Rede Covid-19 Humanidades (MCTI/FINEP).

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/0994530332510835

    E-mail: monalisadias@gmail.com

  • Paloma Porto Silva

    Paloma Porto Silva

    Doutora, Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil, 2014.

    Áreas de atuação: História das Ciências; Sociologia do Conhecimento; Antropologia da Saúde.

    Supervisão: Jean Segata.

    Possui título de Doutora em História pela UFMG (2014), na linha de pesquisa Ciência e Cultura na História. É Mestre em História pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), com estágio sanduíche na UFMG. Concluiu a graduação em História na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG). Atualmente é pesquisadora colaboradora do Instituto René Rachou da Fundação Oswaldo Cruz (IRR/Fiocruz Minas) e Residente Pós-doutoral no PPGAS-UFRGS. Tem experiência de ensino e pesquisa em História das Ciências, com ênfase em História de Programas de Cooperações Internacionais em Ciência e Saúde.

    Bolsa: Rede Covid-19 Humanidades (MCTI/FINEP).

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/5470316486597126

    E-mail: palomaporto@gmail.com

  • Rafael da Silva Malhão

    Rafael da Silva Malhão

    Doutor, Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil, 2018.

    Áreas de atuação: Antropologia Econômica; Antropologia da técnica; Antropologia do Design; Sociologia da Tecnologia.

    Supervisão: Arlei Sander Damo.

    Bacharel em Ciências Sociais, ênfase em Antropologia, no ano de 2010, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, mestre e doutor em sociologia pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Estadual de Campinas. Pós-doutorando no programa de Pós-Graduação em Antropologia Social (UFRGS), no âmbito do projeto Rede Covid-19 Humanidades. Pesquisador associado do Grupo de Antropologia da Economia e da Política (UFRGS), Pimentalab (Unifesp), Laboratório de sociologia dos processos de associação (UNICAMP), Grupo de Estudos Gilbert Simondon (UNICAMP) e professor substituto na UFFS.

    Bolsa: Rede Covid-19 Humanidades

    Lattes: http://lattes.cnpq.br/9646603226938073

    E-mail: malhao.rafael@gmail.com

Pós-doutorandos

Limpar Filtros