Sextante 58: Esquecimento

Uma edição
para guardar
na memória

Sextante 58: Esquecimento

Uma edição para guardar na memória

Como a ciência explica recordações perdidas, momentos esquecidos e memórias falsas 

edição 58

Quando o nome de uma avenida simboliza conflitos sobre narrativas históricas

A esquecida história de algumas das mulheres que dão nome às ruas da Capital

O apagamento histórico e social de um dos territórios negros da Capital

aperte o play

esquecidos pela sociedade

sem teto

Existe um grupo em Porto Alegre que, para muitas pessoas, é praticamente invisível: o dos moradores de rua. E eles não são poucos, ao contrário, há cada vez mais pessoas vivendo nessa situação

sem oportunidades

No Brasil, 23 milhões de pessoas não possuem um trabalho decente. Mais de 4,8 milhões desistiram de procurar. Além da desmotivação, essas pessoas compartilham também o mesmo perfil

injustiçados

Familiares de vítimas de crimes contra a vida lutam para que esses casos tenham um desfecho, mas muitos acabam sendo esquecidos

o Centro de Desenvolvimento da Expressão

Os esforços de indígenas desta etnia e colaboradores para a manutenção do idioma

na parede da memória

Como a (falta de) memória coletiva sobre o meio ambiente pode prejudicar a biodiversidade

As roupas são capazes de preservar momentos, reviver gerações e resguardar história

Achados em livros usados contam histórias e estimulam a imaginação dos leitores

Sem a visão, sentidos como a audição, o olfato e o tato marcam as memórias das pessoas cegas, repletas de experiências sensoriais

Sextante é um instrumento que mede a distância angular entre um astro e a linha do horizonte. Com ele, os navegadores calculam sua posição e podem corrigir eventuais erros de percurso

Como as pessoas lidam com a ausência gerada pela morte e com o medo de esquecer aqueles que partiram

Como lidar com a rejeição e desafios de se adaptar à disposição dos relacionamentos na contemporaneidade

bytes não esquecem

Por decisão do STF, o chamado “direito ao esquecimento” é
incompatível com a Constituição brasileira – inclusive na internet

"Na hora me deu um branco": a ciência por trás do esquecimento e da fixação de conteúdos

a memória entra em campo

A ex-casa de milhares de torcedores do Grêmio Football Porto Alegrense, que hoje vive em escombros

Ex-jogadores da dupla grenal falam sobre vida pós aposentadoria

Classificados como esportes da mente, o pôquer e o xadrez buscam ser cada vez mais reconhecidos e valorizados

+ sextante
+ bastidores

Ilustração principal Nickole Monfron da Costa

Porto Alegre, maio de 2022

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support