Menu

INCUBADAS REINTEC ZENIT – Agrega ganha prêmio Pesquisador Gaúcho 2021 da FAPERGS

Arquivo

A startup Agrega, incubada pela Incubadora Empresarial do Centro de Biotecnologia da UFRGS em agosto de 2019, ganhou o prêmio Pesquisador Gaúcho 2021, da FAPERGS, na categoria Startup Inovadora. O evento de entrega do Prêmio será transmitido dia 17 de outubro de 2021 e a programação deverá ser informada posteriormente.

A Agrega foi criada por Adriana Ambrosini e Camila G. Volpiano, a partir de suas experiências no Programa de Pós-Graduação em Genética e Biologia Molecular da UFRGS, juntamente ao grupo da Prof. Dra. Luciane Passaglia. A empresa oferece serviços variados de identificação de microrganismos, com base em diferentes técnicas moleculares de sequenciamento e análises de DNA, para diferentes tipos de amostras e áreas de atuação.

A missão é agregar Ciência, Mercado e Sociedade por meio da disponibilização de serviços inovadores e com excelência técnica. E, ao mesmo tempo, promover a democratização da ciência como forma de retribuir o aprendizado proveniente do ensino público. Segundo Adriana Ambrosini, uma das fundadoras e CEO da Agrega, o reconhecimento da FAPERGS se deve ao potencial de aplicação dos produtos em diferentes segmentos: “Hoje nós atendemos diversas áreas, assim como saúde, indústrias em geral, P&D de empresas e as próprias pesquisas em Universidades”, comenta.

Além da incubação na Incubadora Empresarial do Centro de Biotecnologia (IECbiot) da UFRGS, a Agrega também participou do AcelerEa – programa de aceleração de startups e negócios inovadores, promovido pelo Parque Zenit e pela Escola de Administração (EA-UFRGS) -, experiência que Ambrosini caracteriza como “grande primeiro passo”, “onde começamos a aprender sobre proposta de valor, escalabilidade e demais elementos relacionados a empreendimentos que pretendem trazer soluções inovadoras para o mercado. Recebemos o prêmio de destaque daquela edição, o que foi bastante emocionante e incentivador para nós”.

Atualmente a Agrega tem participação nos Editais dos Programas Centelha/FAPERGS, Doutor Empreendedor/FAPERGS, Techfuturo/FAPERGS e RHAE/CNPq. Paradoxalmente às expectativas das sócias, a pandemia foi de crescimento. Ao promover a importância da ciência e apostar na automatização de análises, o contexto atual atraiu novos olhares à aplicabilidade dos serviços prestados. Não por acaso, a edição do Prêmio Pesquisador Gaúcho 2021 da FAPERGS tem como tema: “A Ciência a serviço da Sociedade”, destacando a contribuição da ciência no combate à pandemia e na entrega de novas tecnologias à sociedade e ao mercado.


Texto de: Carlos Eduardo da Silva Ribeiro, doutorando em Comunicação UFRGS, mestre em Sociologia UFPEL, bolsista de Desenvolvimento Institucional do Parque Zenit.

Voltar para o menu