Arquivos mensais: maio 2016

Presidente da Coreia do Sul inicia visita de seis dias a três países africanos

30712-27_may_2016_group_pictures_12

Via abcnews

A presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye, iniciou nesta quarta feira (25) uma visita de seis dias pelo continente africano, cujo objetivo principal é reforçar os laços econômicos e comerciais entre Seul e África. O périplo começou pela Etiópia, onde a presidente foi recebida pelo Primeiro Ministro, Hailemariam Desalegn. Na ocasião foram assinados diversos acordos nas áreas de transporte, saúde, segurança e serviços aéreos. Nesta sexta (27), Park discursou na sede na União Africana em Adis Abeba e no sábado (28), segue para Uganda, onde será recebido pelo presidente Yoweri Musevini, onde serão analisadas as relações entre os dois países. Park encerrará a sua visita pelo continente africano na terça feira (31), no Quênia.

Leia mais aqui

Inicia-se na Zâmbia a Reunião anual do Banco Africano de Desenvolvimento

BAD

Via Africa Review

Entre os dias 22 e 27 de maio ocorrerá em Lusaka, Zâmbia, a reunião anual do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD). Contando com a presença dos Chefes de Estado do Quênia, Chade e Ruanda e de alguns ex-Chefes de Estados, esta reunião será marcada pela apresentação do relatório African Economic Outlook 2016 referente ao desempenho da economia africana no ano de 2015. De acordo com o relatório, o continente africano é a segunda região que mais cresce no mundo atualmente, atrás apenas do leste asiático. A taxa de crescimento prevista para os anos de 2016 e 2017 é 3,5% e 4,5%, respectivamente.

Leia mais aqui

Presidente de Camarões inicia visita oficial de dois dias à Nigéria

nc

Via Office of the President Federal Republic of Nigeria

O Presidente de Camarões, Paul Biya, iniciou nesta terça-feira (3) visita oficial de dois dias à Nigéria, onde, juntamente com sua comitiva governamental, será recebido nesta tarde pelo presidente nigeriano, Muhammud Buhari. A agenda inclui a cooperação bilateral e regional para combater o terrorismo, o extremismo e crimes transfronteiriças e o fortalecimento das relações econômicas e de comércio entre os dois países.

Leia mais aqui