CAEA Internacional

Página feita por alunos da EA, para alunos da EA :)

O CAEA Internacional

O time do CAEA Internacional faz parte do Centro Acadêmico da Escola de Administração. Nossa missão é tornar a EA cada vez mais internacionalizada e multicultural. Para isso, trabalhamos com estudantes incoming, os acolhendo durante sua estadia em Porto Alegre e na UFRGS, auxiliando nas questões acadêmicas, sociais, culturais e integrando-os à comunidade discente através de atividades extracurriculares que ocorrem na Escola.

Também organizamos eventos e projetos ao longo do ano para fomentar ainda mais a realização de uma mobilidade acadêmica no exterior para os estudantes brasileiros.

Vamos internacionalizar a nossa Escola?

Nosso e-mail está disponível para qualquer dúvida: caeainternacional@gmail.com

Nossos eventos

Já organizamos quatro edições do EA Pelo Mundo, evento em que estudantes da Administração compartilham sua experiências em mobilidade acadêmica no exterior, dando informações desde o processo de candidatura ao edital até dicas sobre o país e universidade de destino.

Durante o semestre, incentivamos a presença dos intercambistas nos eventos extracurriculares oferecidos pelo Centro Acadêmico. Alguns exemplos são o Bixo Day, Projeto LAB, Mercado em Debate, Semana Acadêmica, entre outros.

No final do semestre 2018/1, participamos da primeira imersão com os intercambistas da EA. Durante um final de semana inteiro na região de Rolante-RS, pudemos compartilhar experiências da cultura e gastronomia local de famílias descendentes de imigrantes, assim como desbravar as belezas naturais da região.

 

Proporcionamos este momento como fechamento de um ciclo, onde pudemos refletir sobre os acontecimentos do semestre, os aprendizados que tivemos e as melhorias que podemos implementar para o futuro.

 

 

Saiba tudo sobre os editais

  • O que são um edital de mobilidade acadêmica com bolsa e um edital sem bolsa?

Aqui na UFRGS temos dois tipos de editais: os com bolsa e os sem bolsa. Mas se acalme! Não é porque está escrito “sem bolsa” que você vai ter que arcar com TUDO. Como estudamos em uma universidade federal, mesmo nos editais sem bolsa não há necessidade de pagar mensalidade ou taxas administrativas. Você terá que bancar seu custo de vida, como você já faz aqui no Brasil (itens como acomodação, alimentação, transporte).

Nos editais com bolsa você receberá um auxílio que varia conforme o edital. No entanto, esses editais geralmente exigem um bom desempenho acadêmico.

Além desses, também existe a possibilidade de serem publicados outros editais e você vai achá-los sempre no site da Relinter, na página editais abertos, ou aqui, onde já filtramos os específicos para Administração e Administração Pública e Social. Também abrem editais para a pós-graduação, docentes e servidores técnicos administrativos, porém esses não possuem regularidade de publicação.

  • Editais sem bolsa
Programa Campus Internacional
Contempla diversos países, entre eles Espanha, França, Portugal, Argentina, México, e geralmente é publicado entre janeiro e fevereiro. Ele seleciona para dois períodos: para o segundo semestre do ano de publicação e para o primeiro semestre do próximo ano. Por exemplo, no início do ano de 2018 foi publicado o edital que irá valer tanto para a seleção do semestre 2018/2 quanto do semestre 2019/1. O upload da documentação para o primeiro caso varia de março a maio, dependendo da universidade. Já para o segundo caso ocorre entre julho e agosto. Algumas das possibilidades oferecem vagas especificamente para um curso, como apenas administração, o que tende a diminuir a concorrência.
  • Editais com bolsa

Programa CEAL UAMPrograma Santander Ibero AmericanasPrograma Escala Estudantil AUGM
Este é um dos editais que mais concede benefícios. Ele é publicado 1 vez ao ano, em maio, concedendo quatro vagas na Universidade Autônoma de Madri, uma das melhores da Espanha. É aberto a todos os cursos e qualquer aluno da graduação pode se inscrever. Geralmente é concedido bolsa mensal no valor de 900 (novecentos) Euros ao longo do período da mobilidade (durante 05 meses), auxílio financeiro no valor de 1.000 (mil) Euros para a passagem aérea, seguro-saúde e isenção de taxas acadêmicas e administrativas da UAM. A seleção é composta pela análise da documentação e requisitos e a fase de entrevistas. O programa seleciona sempre no ano anterior à ida, por exemplo, o edital publicado em 2018 irá selecionar para o semestre 2019/1.
Como o edital anterior, esse também é publicado uma vez ao ano, geralmente em maio, e contempla 15 estudantes com uma bolsa de cada uma com um valor total de € 3.000,00. O estudante pode escolher entre 19 Instituições de Ensino Superior (IES) espanholas, portuguesas e latino-americanas conveniadas. 8 dessas bolsas são destinadas a alunos PRAE e o restante delas contempla alunos com ou sem benefício. Esse edital seleciona os alunos para irem no primeiro semestre do próximo ano, sendo aberto a todos os cursos de graduação da universidade.
Contempla 9 ou 10 (número variável) vagas em  diferentes universidades da Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai e concede um auxílio financeiro para gastos com passagens e seguro saúde obrigatório no valor de R$ 1.200, sendo a Universidade de Destino responsável pela alimentação e alojamento e garante isenção de taxas acadêmicas durante o período da mobilidade. O edital é publicado duas vezes ao ano contemplando os dois semestres: em março para ir no segundo semestre e em agosto para ir no primeiro semestre. A bolsa é aberta a todos os estudantes de graduação.

Programas Santander MUNDI e Edital Santander Fórmula
São editais publicados esporadicamente que contemplam 1 aluno beneficiário PRAE com bolsa de £ 4.000,00 a £ 5.000,00, abrangendo diversos universidades na Europa e América do Sul. O estudante também tem isenção de taxas acadêmicas (matrícula e mensalidade) na universidade de destino. Essa bolsa é válida para todos os cursos de graduação da universidade e contempla o primeiro semestre do ano, sendo que seus editais geralmente são publicados entre maio e julho.

ATENÇÃO: É importante ressaltar que a publicação dos editais, quantidade de bolsas, as datas e os prazos variam de um ano para o outro. Além disso, os benefícios e requisitos também podem ser modificados. Por isso é necessário ficar atento aos editais e sempre ler por completo.

Passo a passo dos requisitos

Para realizar a mobilidade acadêmica...
…o aluno deve estar apto aos requisitos do edital desejado, sendo que o mesmo varia de acordo com o país e com a proposta. Nos editais de 2018, foram estabelecidos os seguintes requisitos:

  • Estar regularmente matriculado em curso de graduação da UFRGS elegível no
    edital desejado.
  • Ser pessoa física habilitada à prática de todos os atos da vida civil, nos termos
    do artigo 5o do Código Penal Brasileiro (Lei no 10.406/2002), residente e
    domiciliado no território nacional, brasileiro nato ou naturalizado, maior de 18
    (dezoito) anos;
  • Ter completado o primeiro ano de graduação, tendo no mínimo 20% de seu
    curso concluído no momento da candidatura (alguns programas exigem
    porcentagem maior de créditos concluídos).
  • Não estar em semestre de colação de grau (o aluno deve cursar o intercâmbio
    e, após seu retorno, ter disciplinas a serem cursadas na UFRGS);
  • Dependendo da escolha do país de destino: Ser proficiente no idioma oficial do
    país da universidade de destino, caso não seja o português. Será exigido
    certificado de nível intermediário ou avançado do idioma oficial do país da
    universidade de destino emitido por algum órgão reconhecido OnDaf (para o
    Alemão). Para candidatos às universidades espanholas e latino-americanas
    poderá ser utilizada a prova específica da CAPLLE, com comprovação de nota
    mínima 7,0 (sete) e validade de 02 anos, ou Certificado Nível B1 DELE, ou
    nível intermediário CELU. Não serão aceitos quaisquer outros certificados.
  • Para edital com bolsa: Não ter ganhado bolsa anteriormente de nenhum
    programa de bolsas de estudos de mobilidade internacional de iniciativa do
    Grupo Santander, CNPq, CAPES (CAPES FIPSE, Ciência sem Fronteiras,
    BRAFAGRI, BRAFITEC, UNIBRAL, MARCA), Grupo Coimbra de Universidades Brasileiras (BRACOL, BRAMEX), Escala Estudantil/AUGM, programas Erasmus Mundus ou outras bolsas sob a gestão da Secretaria de Relações Internacionais da UFRGS;
  • Apresentar I3 (índice de rendimento 3) igual ou maior do que 7,0. Normalmente editais voltados para benefício PRAE não exigem o I3.
  • Não estar participando concomitantemente de processos seletivos de editais
    abertos sob a gestão da Secretaria de Relações Internacionais da UFRGS.

 

Passaporte, o primeiro passo para a mobilidade

Ei, estudante! Está pensando em fazer mobilidade acadêmica e não sabe por onde começar? Nós vamos te ajudar!

O primeiro passo para que você saia do Brasil é obter o passaporte federal. Esse será seu documento de identificação em países fora da América do Sul. Se você já possui o passaporte, vale a pena dar uma olhada na data de validade para ver se ele estará válido na data para a qual você está programando sua mobilidade. Um passaporte novo tem validade de 10 anos.

Para emiti-lo, você deve ser brasileiro, ter votado na última eleição (ou justificado/pago a multa), estar quite com o serviço militar obrigatório (se for homem), não ser procurado nem impedido de obter passaporte ou de sair do País pela Justiça. Segue abaixo o passo a passo resumido para emissão do passaporte:

1 – Reunir a documentação necessária para apresentação na polícia federal. Os documentos necessários são:

  • Documento de identidade com CPF – Pode ser carteira de identidade (RG), carteira nacional de habilitação (CNH), carteira de trabalho com foto, ou passaporte anterior, que conste obrigatoriamente o CPF;
  • Certidão de casamento, caso tenha alterado o nome;
  • Certificado de Naturalização, para os naturalizados.

Você não vai precisar apresentar o título de eleitor, comprovantes de votação ou de serviço militar. Contudo, deve estar quite com a justiça eleitoral e serviço militar, pois é feita uma análise no momento da emissão do passaporte e, caso apareça que você não está regular, pode ser necessário apresentar título de eleitor, comprovante de votação ou de serviço militar para sanar essa pendência. Você pode consultar sua situação no site do TSE e do Exército.

2- Com a documentação reunida, você deve preencher o formulário eletrônico de solicitação de passaporte. Nesse campo, será necessário informar seus dados pessoais, documentos, dados complementares e o local de atendimento.

3- Finalizado o formulário eletrônico, será gerado o protocolo com sua solicitação e a Guia do passaporte (GRU) para pagamento. O valor da guia hoje é de R$ 257,25. Não esqueça de pagá-la dentro do prazo da validade.

4- Após o pagamento da guia e compensação do boleto, será necessário agendar no site da PF o atendimento presencial, neste link deAgendamento de Atendimento.

5- Compareça ao posto de atendimento escolhido no dia e horário agendados, portando todos os documentos ORIGINAIS pertinentes. O posto de atendimento em Porto Alegre fica no Shopping Praia de Belas, na Av. Praia de Belas, n° 1181. Programe-se para chegar 15 minutos antes do horário agendado e não esqueça que os documentos solicitados devem estar em bom estado de conservação.

6- Retire seu passaporte após o tempo informado (normalmente 6 dias úteis, em média 8 dias corridos). O passaporte confeccionado será entregue somente ao titular, pessoalmente, no posto de expedição de passaportes da PF em que foi feita a solicitação. Para saber se o passaporte já se encontra disponível para entrega, deve-se consultar o site www.pf.gov.br , em “Consultar Andamento”. A retirada é por ordem de chegada. Passaportes não retirados em 90 dias serão cancelados.

Pronto! É mais simples do que aparenta. Realizando todos os passos acima, rapidamente você estará apto para viajar mundo a fora e realizar mobilidade acadêmica. Ainda ficou com dúvidas? Consulte o site da Polícia Federal.

Depoimentos de quem já viveu a experiência

Já ouviu falar do Programa de Dupla Diplomação entre EA e a UPEC (Universitè Paris-Est Créteil)? Quem participa dele estuda por um ano na universidade francesa e, ao se formar, recebe diplomas da UPEC e da UFRGS. Você pode ler mais notícias sobre o assunto aqui, mas a Fernanda Rohan e a Vanessa Hermes nos falam mais sobre a experiência em primeira mão:

Lorenzo Dovera é estudante do curso de Administração Pública e Social e realizou sua mobilidade acadêmica em 2018/01, na Universidade de Bologna, na Itália.
Confere com a gente a experiência do Lorenzo, o custo de vida e te inspira para embarcar no intercâmbio também:

O João Francisco Jann cursa Administração e compartilhou os detalhes sobre a vida em Lisboa:

A Carolina Fensterseifer realizou a mobilidade acadêmica na Universidade Nacional de Cuyo, na Argentina! Que tal fazer como a Carol e se aventurar na vida de intercambista no próximo semestre?

A mobilidade acadêmica do Rodrigo Fenilli foi feita em 2018/1, na ISTE Business School, em Lisboa. E você? Já sabe qual é a cidade que mexe com seu coração?


Canal do CAEA Internacional no YouTube: 

 

Custo de vida em Porto Alegre

No Brasil utilizamos o Real como moeda, então todas as estimativas de preço
aqui abaixo estarão na nossa moeda local. Os valores são aproximados, apenas para
que você possa conhecer um pouco dos principais serviços e produtos da cidade,
junto com seus preços.

Os preços ainda podem variar um pouco conforme cada região de Porto Alegre, além
de ter opções mais caras e mais baratas de alguns serviços.

Alimentação

  • Leite 1 litro: R$ 2,73
  • Pão francês (kg): R$ 8,47
  • Arroz (5kg): R$ 9,79
  • Açúcar (5kg): R$ 7,15
  • Feijão (1kg): R$ 5,67
  • Café (pacote de 500g): R$ 10,11
  • Coca-cola 2 litros: R$ 6,06
  • Cerveja garrafa R$ 10,06
  • Cerveja lata: R$ 4,45

Média de supermercado por mês: R$ 400,00

Restaurantes e Bares/Lazer

  • Almoço: a partir de R$ 18,00
  • Entrada em boate: cerca de R$ 30,00
  • Entrada Cinema: R$ 22,00
  • Academia e Musculação: R$ 90

Transporte Público

  • Ônibus: R$ 4,70 (por passagem), mas para estudantes é a metade: R$ 2,35.
  • Metrô: R$ 4,20 (por passagem)

Moradia

  • Aluguel apartamento com 1 quarto (região cara): R$ 1.300
  • Aluguel apartamento com 1(região mais acessível): R$ 800,00

Caso você queira saber sobre mais algum item ou serviço ou queira tirar alguma
dúvida, estamos sempre disponíveis no nosso e-mail: caeainternacional@gmail.com
Não hesite em nos contatar quando quiser ajuda!

Você também pode acessar alguns sites famosos, como o https://www.expatistan.com para comparar o custo de vida da sua cidade com Porto Alegre ou demais cidades!

Custo de vida em países da América Latina

ARGENTINA

Cuyo

  • Moradia: Varia de 3000 pesos a 6000 pesos mensais (quarto individual ou duplo);
  • Supermercado: Média de 1000 pesos por mês;
  • Festas: 200 pesos;
  • Transporte – ônibus: 18 pesos;

CHILE

Santiago

  • Aluguel: 270 mil CLP ou R$ 1.475 em Santiago
  • Também deve-se contar com despesas da comunidade, água e eletricidade, o que pode gerar em torno de 50 mil CLP a mais ou R$ 273.
  • Passagem: cartão, ou carteirinha, se chama BIP e custa 1.550 CLP, sendo recarregável.

O preço da passagem varia de acordo com o horário, por exemplo, se você utilizar em horas “baixas” economizará consideravelmente mais do que se você o fizer na hora do rush.

  • Comida:  140 mil pesos por mês ou R$ 765.
  • Lazer: Para ir ao cinema, 4.800 CLP ou R$ 26. Ir ao teatro, a um espetáculo cultural ou um show de música é mais caro.

URUGUAI

  • Moradia: Um apartamento com um quarto sai a mais de 20.000 pesos uruguaios por mês no centro da cidade, fora dele os valores para o mesmo tipo de imóvel ficam entre 9.000 e 16.000 pesos.
  • Alimentação: Para um dia gastos em alimentação ficam em torno de 231 pesos. Este valor tem em vista alimentação fora de casa – em lanchonetes, restaurantes, dentre outros.
  • No supermercado: 400 reais em média se as refeições forem em casa e 200 reais em média se as refeições forem feitas na rua.
  • Transporte: Para um mês, o transporte público fica em torno de 1375 pesos.
  • Festas: um ingresso custa cerca de 300 pesos.

Custo de vida em países da Europa

ALEMANHA

Aachen (para estudantes)

  • Moradia em um apartamento compartilhado: 239 EUROS
  • Gastos com eletricidade: 57 EUROS
  • Supermercado:93EUROS
  • Festas:10EUROS

Total: 399 EUROS

Heidelberg (para estudantes)

  • Moradia em um apartamento compartilhado: 274 EUROS
  • Gastos com eletricidade: 61 EUROS
  • Supermercado: 122 EUROS
  • Festas: 15 EUROS

Munique (para estudantes)

  • Moradia em um apartamento compartilhado: 558 EUROS
  • Gastos com eletricidade: 66 EUROS
  • Supermercado: 135 EUROS
  • Festas:20 EUROS

PORTUGAL

Braga 

Braga e Guimarães são das cidades portuguesas mais acessíveis para se viver e estudar. O custo de vida para um estudante que efetua um período de estudos na Universidade do Minho depende de diversos fatores, desde o tipo de alojamento encontrado ao facto de cozinhar em casa ou almoçar/jantar fora. De qualquer forma, o custo aproximado poderá rondar os 400€ a 500€ por mês.

Custos aproximados informados pela Universidade do Minho:

  • Custo do RU: 2,40 euros
  • Refeição na cantina 2,50€
  • Refeição económica num restaurante 5€ – 10€
  • Leite 0,70€/litro
  • Pão   0,11€
  • Ovos 0,80€ – 1,10€/meia dúzia
  • Arroz 0,70€ – 2€/kg
  • Açúcar 1€/ kg
  • Maçãs 1,20€ – 2€/kg
  • Café  0,50€ – 0,60€
  • 1 fotocópia  0,05€
  • Bilhete de cinema 5€
  • Jornal 1€
  • Transporte: média de 10
  • Bilhete transporte público 1,70€
  • Passe mensal transporte público 19,20€
  • Bilhete comboio Braga/Porto 3,10€
  • Bilhete comboio Guimarães/Porto 2,10€
  • Bilhete comboio Porto/Lisboa  25€ – 40€

Coimbra

Coimbra permite ter uma qualidade de vida elevada por custos razoáveis quando comparada com outras cidades europeias. A título de exemplo, a tabela infra apresenta uma estimativa do custo de vida médio mensal e anual em Coimbra. Inclui despesas como:

  • alojamento: em residência universitária, quarto duplo, incluindo todas as despesas de água, luz, gás, internet, televisão, muda semanal de roupa de cama e atoalhados de banho, utilização de cozinha equipada com micro-ondas, frigorífico, fogão, exaustor, utilização de máquina de lavar e secar roupa, tábua e ferro de passar, acesso a sala de estudo;
  • alimentação: nas cantinas da Universidade, incluindo almoço e jantar por 2,40 euros cada refeição;
  • transportes públicos: passe mensal para estudantes até aos 25 anos;
  • material escolar: livros, material de escritório, etc.;
  • outras despesas: desporto, cultura, vestuário e lazer. Foi considerado: mensalidade de ginásio, prática de ténis (uma hora por semana), custo de um bilhete de cinema/espectáculo, aquisição de vestuário e uma refeição mais dispendiosa.
Custo Total mensal Total anual (12 meses)
Alojamento 166 € 1992 €
Material escolar 75 € 900 €
Transporte 22 € 264 €
Alimentação 144 € 1728 €
Outras despesas 88 € 1056 €
Total 495 € 5949 €

Lisboa

O nível de vida em Lisboa é mais baixo do que noutras capitais europeias. Os estudantes estrangeiros devem considerar alguns custos básicos mínimos por mês de cerca de €600 a €700. Alguns valores de referência:

  • Alojamento: €250,00 a €350,00
  • Transportes: €36,00
  • Refeição na cantina universitária €2,40
  • Refeição num restaurante econômico: €7,00

Região do Algarve

O Algarve é reconhecido como uma região cosmopolita, com elevados índices de segurança. Sendo Faro uma cidade de média dimensão, com um estilo de vida muito acolhedor e acessível, oferece várias opções de alojamento, com valores que variam entre os 125€ e os 200€ (quarto/mês). As cantinas universitárias disponibilizam refeições completas a um preço reduzido (2,35€) e circular na cidade e entre os campi universitários custará 28.40€ (passe mensal). Na globalidade, o custo de vida em Faro é inferior à média europeia.


Porto

Do alojamento à alimentação, passando pelos transportes e pela vida cultural, o Porto é uma cidade “low cost” em comparação com a maioria das grandes cidades europeias. Transporte mensal custa £22,75, alojamento de £130 a 250£ mensal, refeições mensais de £150-200, cinema £5,10.

ITÁLIA

Bologna

  • Aluguel: cerca de 300 euros/mês
  • Supermercado: 15 euros por semana
  • Festas à parte (geralmente gratuitas)
  • Transporte – ônibus – 12 euros para um ano de uso (cartão)

Lisboa: saiba mais sobre as principais universidades e custos de vida da capital portuguesa

TAGS: CAEAINTERNACIONAL intercâmbio

A capital de Portugal, Lisboa, é um dos principais destinos dos alunos da Escola de Administração

Cheguei na cidade do meu intercâmbio! E agora?

TAGS: CAEAINTERNACIONAL mobilidade

Dicas do CAEA Internacional para os primeiros momentos da sua nova rotina